Vasco é rebaixado no Brasileiro pela 4ª vez em sua história

O Vasco da Gama foi rebaixado no Campeonato Brasileiro de 2020, o que acontece pela 4ª vez na história do Gigante da Colina.

Alexandre Campello
Alexandre Campello (Foto: Esporte Interativo)

Não deu para o Gigante. Com a delicada missão na última rodada para se manter na Série A, precisando torcer por uma derrota do Fortaleza, vencer o Goiás e, em meio a tudo isso, ainda tirar um saldo de 12 gols, o Vasco da Gama não obteve sucesso e está rebaixado à Série B pela quarta vez em sua história, mesmo com a vitória contra o Esmeraldino por 3×2.

O quarto rebaixamento foi resultado de anos de gestões ruins, sendo esta equipe ainda resultado do trabalho de Alexandre Campello no último triênio. Foram três anos consecutivos lutando contra a queda, que não foi evitada em 2020, agora no começo de gestão Jorge Salgado, que terá pela frente uma missão complicada.

Tem sido um século com predominância de momentos negativos em São Januário. Depois da grande era vitoriosa, no final dos anos 90 e início dos 2000, o Vasco entrou numa grave crise financeira, que teve impacto direto no futebol, com equipes que não estavam à altura de um clube da grandeza do Cruzmaltino.

Nos últimos anos, o Vasco conquistou dois Estaduais (2015 e 2016), uma Copa do Brasil (2011) e uma Série B (2009). Sobre o último, para se ter uma noção, o Gigante sequer foi campeão nas duas outras vezes que disputou a segunda divisão, terminando como terceiro colocado em ambas as ocasiões (2014 e 2016), ainda chegando a correr o risco de não conseguir o acesso.

A TEMPORADA 2020 DO VASCO – ABEL BRAGA, RAMONISMO E SÁ PINTO

Não foi uma temporada nada fácil para o Vasco desde o começo. A equipe, sob o comando de Abel Braga, fez uma péssima campanha no Campeonato Carioca, não chegando às semifinais dos dois turnos. Na sequência, com a efetivação de Ramon Menezes no cargo, o Gigante viveu um bom momento, o que na época recebeu o apelido de ‘Ramonismo’.

Tudo parecia se encaminhar bem, o Vasco chegou a liderar o Campeonato Brasileiro, mas a queda de rendimento não demorou a acontecer, e a eliminação precoce na Copa do Brasil, somada com a descida de posições no Campeonato Brasileiro, ocasionou na demissão de Ramon Menezes. O ídolo foi substituído pelo português Ricardo Sá Pinto, que chegou credenciado pelo estilo linha dura.

O português, no entanto, não chegou nem perto de fazer um bom trabalho em São Januário. Precisando lidar com a confusão do processo eleitoral do Vasco, Ricardo Sá Pinto não conseguiu mostrar o seu trabalho, logo caindo no desgosto da torcida, sendo demitido com a eliminação do time da Copa Sul-Americana e entrada na zona de rebaixamento do Brasileiro. O quarto e último técnico vascaíno na temporada foi Vanderlei Luxemburgo.

Com a aprovação da torcida pelo trabalho realizado em 2019, salvando o Vasco do rebaixamento na época, Vanderlei Luxemburgo não conseguiu repetir o desempenho no retorno a São Januário. Agora já próximo da fase decisiva da competição, ele não conseguiu fazer com que a equipe melhorasse, os resultados não vieram, mesmo com a saída do Z4 por algumas rodadas, e o Gigante foi rebaixado à Série B, ocasionando na saída do comandante.

PREJUÍZO FINANCEIRO

Uma das primeiras coisas que se pensa sobre um rebaixamento à Série B é sobre a queda na entrada de recursos. O Vasco prevê que terá um prejuízo de R$ 80 milhões em receitas de TV, que pode chegar a R$ 100 milhões por quedas de outras fontes de dinheiro, como o programa de sócio-torcedor, sendo a tendência de drástica diminuição na quantidade de associados.

REFORMULAÇÃO DO ELENCO

Outro tema em destaque quando ocorre um rebaixamento é sobre uma reformulação do elenco. É natural que se pense nisso, já que uma queda aponta graves problemas no elenco, ainda mais quando se trata de time grande. Com o Vasco não deve ser diferente, e são esperadas profundas mudanças na equipe para a disputa da Série B.

SEM LUXEMBURGO

Para jogar a Série B, o Vasco não contará com Vanderlei Luxemburgo no comando. O técnico fez a sua despedida na partida contra o Goiás, e sua saída foi anunciado com direito a recado especial do comandante à torcida através de um vídeo publicado pela Vasco TV. Ele, inclusive, deixará o Clube sem receber nenhum salário sequer pelo seu trabalho.

NOVO TÉCNICO

Com o cargo vago após a saída de Vanderlei Luxemburgo, o Vasco não deve perder tempo para anunciar o novo técnico, e assim, intensificar o trabalho de planejamento para a Série B. O próprio Luxa deixou sua recomendação para a vaga, que é Maurício Copertino, seu auxiliar-técnico no próprio Gigante e no Palmeiras.

Surgiram, no entanto, outros nomes para assumir o comando Vasco. Os dois mais cotados, por enquanto, são Fernando Diniz, que estava no São Paulo, e Tiago Nunes, que teve o seu último trabalho no Corinthians. Fala-se também em outras opções, mas ainda não existe nada de oficial sobre o substituto de Vanderlei Luxemburgo, o que, como destacado, não deve demorar para ser confirmado.

QUEM FOI O CULPADO PELO REBAIXAMENTO?

Depois do empate em 0x0 com o Corinthians, no domingo (21), que deixou o Vasco virtualmente rebaixado à Série B, o site Vasco Notícias lançou uma enquete para o público escolher o culpado pela quarta queda, colocando como opções, Alexandre Campello, Jorge Salgado, os jogadores e todos os envolvidos na última eleição. O principal culpado, de acordo com os vascaínos que votaram na enquete foi Alexandre Campello.


A quem você atribui o rebaixamento virtual do Vasco?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

DESDOBRAMENTOS DO REBAIXAMENTO




















Sem muito tempo para juntar os pedaços após mais uma traumática queda, o Vasco estreia no Campeonato Carioca 2021 na próxima quarta-feira (03), às 21h, contra a Portuguesa, em São Januário. A montagem do elenco terá que ser feita durante a competição, para que a equipe chegue pronta para o objetivo principal, a disputa da Série B 2021.

Leia mais sobreCampeonato Brasileiro
9 comentários
  • Marden Góes - 26 de fevereiro de 2021

    O CÂNCER do Vasco da Gama chama.se Eurico Miranda, mesmo tendo morrido, deixou seus filhotes FDP que ainda estão apitando e fazendo merda no Vasco e esse FILHO DA PUTA DE ALEXANDRE CAMPELO É O MAIOR E ÚNICO RESPONSÁVEL PELA QUEDA DO VASCO, PQP, ESSE BOSTA PASSOU SUA ADMINISTRAÇÃO FUDENDO O VASCO E NINGUÉM, NEM CONSELHO E MUITO MENOS AS TORCIDAS ORGANIZADAS FIZERAM ABSOLUTAMENTE NADA. Agora não adianta chorar, temos que ficar de olho e quando o negócio começar a ficar feio, VAMOS EXPULSAR ESSES VERMES DE SÃO JANUÁRIO. É isso aí, Marden Góes

    Responder
  • Kenny lopes - 26 de fevereiro de 2021

    Diretoria é culpada, o elenco é horrível, cobrança zero. E para fechar com chave de ouro, torcedor vascaíno vivendo de passado. Todo rebaixamento eu escuto torcedor dizendo ;
    – amh! Mas o Vasco tem história.
    É sério isso ?
    Vai ficar vivendo de história?
    E quais histórias o torcedor jovem vai contar ?
    Será que é de quantos rebaixamento o Vasco jogou?

    Responder
  • Márcio Mendes Pacheco - 26 de fevereiro de 2021

    Sócio 0.

    Responder
  • Márcio Mendes Pacheco - 26 de fevereiro de 2021

    Sócio Zero.

    Responder
  • Sylvio Rodrigues - 26 de fevereiro de 2021

    Vergonha! Vergonha! Vergonha! Vergonha! Estão satisfeitos Golpello e Salgado gagá? Vcs são uma mancha negra de um clube de tantas tradições, déspotas, traíras, vcs nunca serão esquecidos, perdedores, medíocres, q todo sofrimento q vcs impuseram a está imensa torcida faça parte de cada dia de vcs, minha maior alegria será ver o fracasso de cada um. Lacaios de Euvirus Miranda, seu ídolo. Vcs não passam de sujeitos arrogantes e medíocres e serão assim até o final de seus dias. Traíras.

    Responder
  • Julliano - 26 de fevereiro de 2021

    “Perdeu.. Mas… Jogou bem!”
    Todo final de jogo era o mesmo discurso.
    Resultado: foi rebaixado mas… jogou bem!

    Responder
  • ROBERTO ALUISIO MAURI JUNIOR - 26 de fevereiro de 2021

    O Vasco nunca mais vai ser grande se as pessoas que tiverem lá dentro não se unirem .

    Responder
  • Waldionor Monteiro Silva - 26 de fevereiro de 2021

    Vasco já era não consegue mais se erguer, o que fizeram ao longo dos anos foi tão perverso que mataram a instituição Vasco da Gama, esse caminho grandes clube como Guarani, Ponte Preta trilharam não conseguiram mais se erguer assim vai ser nosso Vasco!!

    Responder
  • Ivan Carlos Cardoso - 26 de fevereiro de 2021

    CLUBE DE RATAZANAS. VERGONHOSO

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
4 de agosto de 2021
Vasco terá 4 atletas nos Jogos Paralímpicos de Tóquio

O Vasco da Gama estará representado na competição por Andrey Garbe, Douglas Matera, Diogo Rebouças e Wescley Conceição.

Diego Fernández celebra primeiro gol pelo Sub-20 do Vasco: ‘Muito feliz’

O meio-campista do Vasco da Gama, Diego Fernández, ainda se mostrou satisfeito pelo desempenho da equipe e mirou o jogo contra o Athletico-PR.

Vanderlei está entre os goleiros com mais defesas na Série B

O goleiro do Vasco da Gama, Vanderlei, já realizou 44 defesas em 12 partidas disputadas na Série B até o momento.

Desfalques do Vasco contra o São Paulo

Confira os desfalques do Vasco da Gama para o jogo contra o São Paulo nesta quarta-feira, em São Januário, pela Copa do Brasil.

Edmundo mostra confiança na classificação do Vasco contra o São Paulo

Ídolo do Vasco da Gama, Edmundo se mostra confiante na classificação do Clube às quartas de finais da Copa do Brasil.

Vasco receberá R$ 3,45 milhões caso avance na Copa do Brasil

Caso se classifique para as quartas de final da Copa do Brasil, o Vasco da Gama receberá o valor de R$ 3,45 milhões.

Lisca espera Graça para decidir sobre reforço na zaga; Vasco observa outras posições

O técnico do Vasco da Gama, Lisca, pretende testar Ricardo Graça antes de decidir sobre ir ou não ao mercado em busca de zagueiro.

Vasco homenageará Adhemar Ferreira com patch na camisa contra o São Paulo

O Vasco da Gama homenageará os 65 anos do bicampeonato olímpico de Adhemar Ferreira da Silva, com patch na camisa.

Vasco lança outras camisas em homenagem a Germán Cano

O Vasco da Gama lançou, ao todo, três camisas sobre Germán Cano, iniciativa que visa o lucro e a valorização do artilheiro.

Vasco abre inscrições para peneira de Free Fire

Nesta quarta-feira, o Vasco da Gama lançou uma peneira para a equipe de FreeFire, em parceria com a Black Dragons.

Veja mais notícias