Não passou nada! Vasco tem a melhor defesa da Sul-Americana 2020; veja lista

O Vasco da Gama é o único clube que disputa as duas fases da Sul-Americana até aqui sem ter a defesa vazada.

Avatar
Por Willams Meneses
-  6 de novembro de 2020 às 10:43-  Atualizada em 6 de novembro de 2020 às 11:10
Ricardo Sá Pinto durante o jogo contra o Caracas
Ricardo Sá Pinto durante o jogo contra o Caracas (Foto: Staff Images / CONMEBOL)
data-full-width-responsive="true"

Não é novidade que o Vasco da Gama não vive uma de suas melhores fases em 2020. Em queda livre na tabela do Campeonato Brasileiro, nem a vinda de um novo técnico, o português Ricardo Sá Pinto, ainda não mudou o cenário vascaíno.

O rendimento tem sido abaixo do que se espera do Vasco, e o reflexo são os resultados em campo. Para se ter uma noção, o Gigante não venceu em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro desde 13 de setembro, há quase dois meses, no 3×2 sobre o Botafogo pela 10ª rodada.

Só que, em paralelo ao Campeonato Brasileiro, o Vasco está disputando também a Sul-Americana. Embora não esteja jogando bem, na competição a equipe tem conseguido resultados melhores, sendo que agora está classificado às oitavas de final.

Siga o Vasco Notícias no Google News

O sucesso na Sul-Americana até aqui se deve, principalmente, os números defensivos da equipe. Nas quatro partidas que disputou entre a primeira (Oriente Petrolero-BOL) e a segunda fase (Caracas-VEN) da competição, o Vasco não teve a defesa vazada em nenhuma delas.

É o único clube que jogou as duas fases da competição que não sofreu gol, o que coloca o Vasco como a melhor defesa da competição. Quais são os times que mais passaram perto disso? O site Vasco Notícias preparou um levantamento especial sobre o tema.

Melhores defesas da Sul-Americana (com quatro partidas)

Vasco – nenhum

Coquimbo Unido-URU – 1 gol

Emelec-EQU – 2 gols

Bahia – 2 gols

Sol de América-PAR – 2 gols

Unión La Calera-CHI – 2 gols

Plaza Colonia-URU – 2 gols

Independiente-ARG – 3 gols

River Plate-URU – 3 gols

Vélez Sarsfield-ARG – 3 gols

Sport Huancayo-PER – 3 gols

Liverpool-URU – 3 gols

Unión Santa Fé-ARG – 4 gols

Fênix-URU – 4 gols

Millonários-COL – 4 gols

Huachipato-CHI – 4 gols

Deportivo Cali-COL – 5 gols

Atlético Nacional-COL – 5 gols

Melgar-PER – 6 gols

Audax Italiano-CHI – 6 gols

Sportivo Luqueño-PAR – 7 gols

Lanús-ARG – 8 gols

Foram consideradas as equipes que jogaram quatro partidas na Sul-Americana, ou seja, que disputaram as duas fases. No entanto, mesmo considerando os que entram em campo apenas duas vezes, entre os já eliminados e o que entraram depois, o Vasco segue no topo do ranking.

Entre as equipes que jogaram duas partidas, apenas o Junior Barranquilla, da Colômbia, também não teve a meta vazada, mas o Vasco fica à frente justamente por ter jogado o dobro de vezes. O próximo adversário do Gigante na Sul-Americana será o Defensa y Justicia, da Argentina.

Leia Mais Sobre