Vasco e Botafogo: confira as semelhanças e diferenças às vésperas da Série B

Além da Taça Rio, Vasco da Gama e Botafogo estão preste a começar suas caminhadas na Série B, em busca da volta à primeira divisão.

Vasco e Botafogo têm semelhanças e diferenças nesta temporada
Vasco e Botafogo têm semelhanças e diferenças nesta temporada (Foto: Globo Esporte)

Na véspera do confronto entre Vasco da Gama e Botafogo, na ida da decisão da Taça Rio, o site Globo Esporte apresentou as semelhanças e diferenças entre as equipes, que também estão prestes a começar suas caminhadas na Série B.

A primeira e mais exposta entre as semelhanças, é a eliminação precoce do Estadual, sendo ambos não ficaram entre os quatro primeiros na fase de classificação da Taça Guanabara, que levava à semifinal do Campeonato Carioca, ficando com a Taça Rio de ‘consolação’.

O Vasco foi o quinto colocado e o Botafogo apenas o oitavo na tabela. Mesmo com as eliminações precoces, os dois clubes vivem momentos distintos: o Gigante está mais tranquilo, sendo que em parte da competição usou como laboratório para a garotada, a equipe principal tem jogado bem e o Clube segue vivo na Copa do Brasil.

Os Marcelos

Já o Alvinegro de General Severiano, tem um clima mais pesado, com os resultados ruins, rendimento em campo pior ainda, somado ao fato de que foi eliminado ainda na primeira fase da Copa do Brasil para o modesto ABC-RN, na disputa por pênaltis. Por causa disso, o técnico Marcelo Chamusca tem sofrido grande pressão da torcida.

Enquanto isso, Marcelo Cabo tem seu trabalho aprovado pela torcida aqui, seguindo o termômetro das redes sociais. Se trata de uma equipe que agora propõe o jogo sobre o adversário e marca muitos gols, mas que ainda sofre na defesa. Este, inclusive, é o ponto forte do Botafogo, que tem a meta menos vazado do Campeonato Carioca.

Destaques de Vasco e Botafogo

No lado botafoguense, o goleiro Douglas Borges, o lateral-esquerdo Paulo Victor e o volante Pedro Castro são os destaques da equipe, principalmente o último citado, que já marcou três golaços na temporada. Em relação ao Vasco, o atacante Germán Cano continua sendo o principal jogador, com a companhia de garotos como Gabriel Pec.

Contratações

As equipes se comportaram de formas diferentes no mercado, com o Botafogo já com 15 contratações, sendo que muitas delas não emplacaram ainda, enquanto o Gigante foi mais pontual, com sete reforços, a maioria já sendo titulares. Para a Série B, existe a possibilidade de que ambos tragam mais jogadores, visando o acesso à Série A.

Os salários

O Botafogo tem conseguido, mesmo com toda a dificuldade, manter os salários tanto de jogadores quanto de funcionários em dia até o momento. Enquanto isso, o Vasco ainda tem algumas pendências com o elenco por conta do acerto segmentado sobre os vencimentos de abril com o elenco, os colaboradores não receberam o salário do mês passado, mas há um acordo interno que permite o pagamento até o dia 20 de maio.

Ato Trabalhista e dívidas elevadas

Recentemente, Vasco e Botafogo, em mais uma coincidência notável, foram excluídos pela Justiça do Ato Trabalhistas. Com a saída do acordo, mais de R$ 100 milhões em dívidas ficaram ‘soltas’, abrindo a possibilidade de reclamações trabalhistas individuais e um grande número de penhoras, isso valendo para os dois lados.

Lembrando que, no mês passado, os clubes divulgaram seus balanços financeiros de 2020, com aumento de dívidas. O Gigante deve R$ 832 milhões, sendo que R$ 315 milhões são valores a serem pagos a curto prazo. Já o Alvinegro, está devendo mais de R$ 1 bilhão, um aumento de R$ 108 milhões em relação ao outro ano.

Demissões

Os dois clubes promoveram um grande número de demissões para amenizar a crise financeira, que será agravado com o rebaixamento à Série B. O Cruzmaltino demitiu 186 funcionários, e o Botafogo 90, este último tomando a atitude após a recusa de um acordo. No entanto, o Gigante precisará reintegrar os colaboradores demitido pro uma determinação da Justiça.

Promessas

Durante a campanha eleitoral, em 2020, o presidente Jorge Salgado citou um fundo de investimento que previa a captação de até R$ 70 milhões, que não saiu do papel até este momento. A gestão aponta a queda da Série B e a queda de receitas para culpados, sendo que o Clube ficou sem garantias para oferecer aos investidores.

Existe, no entanto, um novo projeto de captação sendo preparado pelo departamento financeiro, segundo informação do Globo Esporte. No caso do Botafogo, a aposta é a transformação em empresa. O projeto de S/A está mais próximo de sair do papel e foi enviada para órgão internos para aprovação. O intuito é captar R$ 550 milhões, mas é necessário atrair investidores para tal.

Taça Rio e Série B

O Vasco encara o Botafogo na decisão da Taça Rio primeiro na manhã deste domingo (16), às 11h05min, no Nilton Santos. Na sequência, o enfrenta novamente, agora no jogo decisivo, na tarde do outro sábado (22), às 15h, em São Januário. Já na Série B, o Gigante estreia no dia 29, às 11h, contra o Operário-PR, na Colina Histórica. Um dia antes, 28, o Alvinegro começa sua caminhada contra o Vila Nova, às 21h30min, no estádio OBA.

Leia mais sobreBotafogoSérie B
1 comentário
  • Inacio Aurélio Rodrigues Gomes - 15 de maio de 2021

    Campello Miranda, explique a renovação do contrato do Wesley.

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
17 de setembro de 2021
Fernando Diniz nega desgaste físico dos jogadores do Vasco contra o CRB

Técnico do Vasco da Gama, Fernando Diniz disse que os jogadores não tiveram desgaste físico no jogo contra o CRB.

Germán Cano se torna o 6º maior artilheiro do Vasco no século XXI

O atacante Germán Cano chegou a 39 gols e empatou com Alecsandro como sexto maior artilheiro do Vasco da Gama neste século.

Eduardo Paes brinca sobre público no jogo entre Vasco e Cruzeiro: ‘Fazendo meu lobby’

Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro disse que fez ‘lobby’ pela liberação de público no jogo entre Vasco da Gama e Cruzeiro.

Efeito estreantes! Vasco acumulou números superiores que o CRB em empate

Nas estreias de Fernando Diniz e Nenê, o Vasco da Gama elevou o nível de atuação, mas ainda pecou individualmente e deixou a vitória escapar.

Zeca recebe o 3º amarelo e será desfalque contra Cruzeiro

O lateral-esquerdo do Vasco da Gama, Zeca, levou o terceiro cartão amarelo e terá que cumprir suspensão automática diante da Raposa.

Diniz projeta vitória contra o Cruzeiro e cita importância da torcida em São Januário

Fernando Diniz, técnico do Vasco da Gama, projetou a vitória contra o Cruzeiro e desejou que a torcida esteja em São Januário.

Nenê deixa boa impressão em sua reestreia pelo Vasco

Em sua reestreia pelo Vasco da Gama, Nenê deixou boa impressão e arrancou elogios de torcedores cruzmaltinos.

Prefeitura do Rio libera e Vasco pode ter torcida em São Januário contra o Cruzeiro

Com o novo decreto da Prefeitura do Rio de Janeiro, o Vasco da Gama está prestes a ter de volta a torcida no Estádio de São Januário.

Após suspensão, Daniel Amorim fica à disposição do Vasco contra o Cruzeiro

Daniel Amorim está à disposição do Vasco da Gama para o jogo contra o Cruzeiro no próximo domingo, em São Januário.

Fernando Diniz justifica utilização de apenas 1 volante contra o CRB

Na entrevista coletiva após o jogo contra o CRB, o técnico Fernando Diniz explicou porque escalou o Vasco da Gama com apenas um volante.

Veja mais notícias