Vasco 0 x 2 Operário-PR: ainda saiu barato para o Cruzmaltino

A derrota para o Operário-PR mostrou que o Vasco da Gama terá mais dificuldades do que se imagina na Série B 2021.

Marcelo Cabo durante jogo contra o Operário-PR
Marcelo Cabo durante jogo contra o Operário-PR (Foto: André Durão)

A derrota por 2×0 do Vasco da Gama para o Operário-PR mostrou a realidade do time de Marcelo Cabo e Alexandre Pássaro. Time deles, pois, a pedido do treinador, já estamos vendo diversas contratações medonhas realizadas pelo dirigente, ameaçando a prometida montagem de um time competitivo para a temporada.

O jogo passado contra o Botafogo foi uma amostra onerosa do que aconteceria ontem, porém, minimizaram a gravidade daquela atuação desastrosa, assim como Marcelo Cabo está tentando dizer que está dentro da normalidade.

A vitória contra o Flamengo foi um ponto fora da curva da realidade. Ademais, o Vasco enfrentou equipes de baixíssimo nível, com exceção do Fluminense, e não convenceu nas atuações ao longo do Campeonato Carioca, e contra os times menores da Copa do Brasil, lá do interior de Minas Gerais.

O Operário-PR deu aula ao Vasco em pleno São Januário, fez dois gols, acertou a trave noutras duas oportunidades, soube pressionar, incomodou e venceu. O placar foi pequeno pelo que apresentaram e em função do que o Vasco jogou. É bom abrir o olho, pois, além dos paranaenses, outras equipes vêm fortes na luta pelo acesso.

Romário fez diversas críticas ao time do Vasco recentemente, e com razão. O papo de usar o Estadual como laboratório não pode ser esquecido. Por esta ótica, era para o time ‘entrar voando’ na Série B, em termos físicos e táticos. O que se vê é uma equipe em eterna construção, aparentemente já se desconstruindo.

Andrey foi o mais criticado, mas vamos falar também dos supervalorizados. Tenha calma ao dizer que Zeca, Morato, Ernando, Marquinhos Gabriel e demais, foram contratações exuberantes do dirigente ‘Passarudo’. Talvez seja o que ele tem condições de buscar no mercado, visto que, sem dinheiro não se faz milagre. Entretanto, é bom não transferir a admiração pelo diretor à expectativa sobre seus contratados, sob risco de frustração. Não adianta, depois, atirar pra todos os lados e procurar bodes expiatórios, como aconteceu na temporada passada. Contratações bizarras viras dívidas e prejuízos.

Teremos uma sequência intensa de jogos pela frente, na qual se exigirá excelente desempenho físico e muita eficiência técnica, caso queira voltar à Série A sem muitos sustos. O cenário assusta. O Vasco montado para 2021 é tão ruim quanto o de 2020, por uma matemática simples: compare os resultados e os adversários que os dois elencos enfrentaram.

Leia mais sobreOperário-PR
9 comentários
  • Luiz Claudio - 30 de maio de 2021

    Vergonha. Salários milionários em dia. Se for pra passar vergonha dessa forma, trabalhe só com o Sub-20. Pelo menos terá a desculpa da inexperiência. Depois do jogo, no vestiário, deve ter sido aquele “lambesaquismo” típico no Vasco: “vamos lá, pessoal”, “confio em vcs”, “podemos melhorar”. Tem que dar esporro e dizer que não vai pagar salário pra ninguém se perder de novo. É assim na iniciativa privada: se não produzir, RUA!

    Responder
  • Francisco santos - 30 de maio de 2021

    Esse time é muito ruim,sem técnica nenhuma,sem jogadas ensaiadas,esse tal de Marcelo Cabo é péssimo,não conseguiu dar um padrão de jogo ao Vasco.
    É uma vergonha ,Alberto Valentim urgente.

    Responder
  • Roger - 30 de maio de 2021

    Tá muito complicado!!!

    Responder
  • Galdenor - 30 de maio de 2021

    Quem treina esses perebas, que não aguenta nem o aquecimento até a vovó corre mais

    Responder
  • Julliano - 30 de maio de 2021

    Nenhuma novidade pra mim.
    Quando saiu a lista dos dez primeiros jogos do Vasco na série B logo vi que se ganhar 2 jogos vai ser muito!

    Responder
  • Aurélio Belido - 30 de maio de 2021

    TIME DE MARICAS.

    Responder
  • Joaci Rodrigues dos Santos - 30 de maio de 2021

    Time sem vergonha não compensa torcer um time de várzea igual esse vasco….estamos perdendo para o operário imagina quando pegar o mestre de obra……como vai ser a goiabada….

    Responder
    • Galdenor - 30 de maio de 2021

      Quem treina esses perebas, que não aguenta nem o aquecimento até a vovó corre mais

  • Cleuber Alves Oliveira - 30 de maio de 2021

    Assino embaixo

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
18 de setembro de 2021
Vasco projeta 8 mil ingressos contra o Goiás e 11 mil diante do Coritiba; preço reduzirá

O Vasco da Gama tem o intuito de atingir os 50% de ocupação liberados pela prefeitura no jogo contra o Coritiba, pela 30ª rodada da Série B.

Castan e Graça buscam sequência em dupla antiga, mas pouco usada no Vasco

Zagueiros mais antigos do elenco do Vasco da Gama, Leandro Castan e Ricardo Graça jogaram juntos poucas vezes ao longo dos anos.

Presidente do Fluminense cita caos político no Vasco em comentário sobre voto online

Mario Bittencourt, presidente do Fluminense, colocou a situação política do Vasco da Gama nos últimos anos como um exemplo a não ser seguido.

Nenê celebra reestreia pelo Vasco e destaca participação em gol: ‘Muito feliz’

O meio-campista do Vasco da Gama, Nenê, teve uma boa reestreia e se mostrou muito satisfeito em ter participado do gol diante do CRB.

Luxemburgo cumprirá suspensão e Cruzeiro será comandado do Belletti contra o Vasco

O técnico do Cruzeiro, Vanderlei Luxemburgo, foi expulso contra o Operário-PR e não vai reencontrar o Vasco da Gama neste domingo.

17 de setembro de 2021
Título, acesso e rebaixamento: as probabilidades do Vasco na Série B

O Vasco da Gama diminuiu as chances de acesso e título com o empate diante do Brasil de Pelotas, pela 24ª rodada da Série B.

Leven detona gestão por disponibilizar apenas mil ingressos no domingo: ‘Burros!’

Decisão da diretoria do Vasco da Gama de levar somente mil torcedores para o jogo contra o Cruzeiro revoltou Leven Siano.

Saiba como será a venda de ingressos para o jogo entre Vasco x Cruzeiro

Veja todos os detalhes que cercam a venda de ingressos e os requisitos necessários para estar em São Januário no jogo contra o Cruzeiro.

Ingresso de Vasco x Cruzeiro custará R$ 250 e será apenas para sócios; Osório explica

O Vasco da Gama deve aumentar a carga de ingressos para os jogos posteriores e ainda reduzir o preço visando maior presença de torcedores.

Presidente do Fluminense explica saída de Nenê: ‘Todas as partes ficaram felizes’

Segundo Mario Bittencourt, presidente do Fluminense, o meio-campista Nenê pediu um vínculo mais longo, o que o Vasco da Gama queria oferecer.

Veja mais notícias