Ricardo Sá Pinto busca corrigir erros e aumentar a intensidade do Vasco

O técnico Ricardo Sá Pinto iniciou seu trabalho no Vasco da Gama e busca corrigir os erros para o time voltar a vencer.

Ricardo Sá Pinto durante treino do Vasco
Ricardo Sá Pinto durante treino do Vasco (Foto: Roberto Rosendo/Vasco)

O português Ricardo Sá Pinto começou seu trabalho com o elenco do Vasco nesta segunda e iniciou a preparação para o duelo com o Corinthians, em São Januário, às 21h30, na quarta. Sem vencer há 8 jogos, a crise segue instaurada e o time não consegue encontrar o equilíbrio e as boas atuações do início do campeonato. O grupo necessita de reforços e carece de peças de qualidade, mas os erros vão além dos problemas relacionados à montagem da equipe.

Em três das últimas quatro partidas, o Vasco sofreu 9 gols ainda no primeiro tempo: 4 do Atlético-MG, 3 do Bahia e 2 do Internacional. O que evidencia erros graves no sistema defensivo, assim como a falta de confiança e equilíbrio. Apesar das deficiências no elenco, faltou competitividade ao time, que foi facilmente envolvido nos três jogos e entrou na etapa final sem força para tentar reverter a situação.

Com isso, o Gigante da Colina precisa mudar a postura em campo, ter mais atitude e ser mais vibrante. O que se viu no primeiro tempo contra o Inter foi um time que apenas assistiu ao adversário e praticamente não atacou. Além da falta de organização tática, que faz com que seus principais jogadores não rendam o esperado, o Vasco foi apático, sem intensidade e criatividade ofensiva.

Durante o confronto no Beira-Rio, o novo comandante assistia atento da arquibancada e pôde observar que terá muito trabalho para recolocar o time nos trilhos. Alexandre Grasseli teceu elogios ao português e comentou sobre sua energia, uma das características de Sá Pinto. Vale destacar que o ex-técnico do time sub-20 foi promovido pela direção do clube e fará parte da comissão técnica profissional.

– A energia que o Mister (Sá Pinto) chegou é impressionante. Pode ter certeza que contagiou a todos essa vontade de fazer bem feito e desenvolver um grande trabalho. Tenho certeza que nós teremos uma reação positiva, com vitórias – disse Grasseli.

Apesar do calendário apertado em virtude da pandemia, o novo técnico terá um pouco mais de tempo para trabalhar. Após o jogo contra o Corinthians, que também está em crise, o elenco terá uma semana para assimilar o estilo de jogo do comandante. Pelo Brasileirão, o time só voltará a campo contra o lanterna Goiás, dia 1. Antes disso, dia 23 terá o sorteio da próxima fase da Copa Sul-Americana, que definirá o adversário do Cruz-Maltino. O jogo de ida será no meio da semana que vem.

– Eu observei muitos jogos. Quando vi, conheci boa parte do elenco. Vi coisas boas e, principalmente, atitude. É um time que quer fazer as coisas bem, quer ganhar o jogo. Claro que contra o Atlético-MG as coisas não deram certo. Mas contra o Flamengo, sim. Vi alma. Isso é fundamental. Isso temos de ter em todos os jogos. Senti que há compromisso dos jogadores. Isso é meio caminho andado, depois as questões táticas poderão ser melhoradas – disse Sá Pinto.

– Pequenos detalhes impediram de o time não ter melhores resultados. Não foi pelo adversário ou pela nossa falta de volume. É na concentração e na organização defensiva que podemos melhorar, nossa agressividade nos duelos. Podemos melhorar no último terço para fazer mais gols. Pouco a pouco e passo a passo para podermos chegar ao que melhor que queremos – finalizou.

Fonte: Lancenet

Leia mais sobreRicardo Sá Pinto
Nenhum comentário ainda.
Deixe sua opinião

Últimas notícias
28 de setembro de 2021
Andrey recebe camisa comemorativa de seus 150 jogos pelo Vasco

Volante do Vasco da Gama, Andrey completou 150 jogos com a camisa Cruzmaltina na partida desta segunda-feira (27) contra o Goiás

Léo Matos fica à disposição do Vasco contra o Confiança após suspensão

O lateral-direito Léo Matos está disponível ao Vasco da Gama após cumprir suspensão no jogo contra o Goiás.

Jogadores do Vasco arremessam camisas para a torcida após vitória sobre o Goiás

Os jogadores do Vasco da Gama arremessaram camisas para a torcida após vencerem o Goiás por 2×0 no Estádio de São Januário.

Diniz se impressiona com torcida do Vasco: ‘Parecia que tinham 40 mil pessoas’

Técnico do Vasco da Gama, Fernando Diniz foi só elogios aos pouco mais de 3 mil vascaínos que estiveram em São Januário contra o Goiás.

Com Fernando Diniz, Vasco mostra que ainda pode ser protagonista na Série B

O Vasco da Gama mostrou que ainda pode ser protagonista na Série B do Campeonato Brasileiro, apesar da classificação ainda estar distante.

Vasco mantém esperança no acesso com 1º tempo impecável e apoio da torcida

Com força dos vascaínos, Vasco da Gama tem primeiro tempo quase perfeito diante do Goiás e começa a sonhar com acesso à Série A.

Fernando Diniz se rende ao talento de Riquelme e diz contar com jovens do Vasco

Treinador do Vasco da Gama, Fernando Diniz, elogia Riquelme, fala da importância dos jovens no elenco e diz contar com todos.

Andrey celebra marca de 150 jogos pelo Vasco

Volante formado no Vasco da Gama, Andrey atingiu a marca de 150 jogos disputados com a camisa do Gigante da Colina.

Chances de acesso do Vasco praticamente dobram com vitória sobre o Goiás

Vitória diante por 2×0 contra o Goiás faz o Vasco da Gama aumentar consideravelmente suas chances de acesso à Série A.

27 de setembro de 2021
Fernando Diniz analisa melhora do sistema defensivo do Vasco

Muito criticado, o sistema defensivo do Vasco da Gama saiu de campo sem sofrer gols na partida contra o Goiás nesta segunda.

Veja mais notícias