Ricardo Sá Pinto avalia mudança no esquema tático para potencializar Talles

Ricardo Sá Pinto define Talles como diamante e planeja mudar o esquema tático para os atletas mostrarem suas qualidades.

Ricardo Sá Pinto durante treino do Vasco
Ricardo Sá Pinto durante treino do Vasco (Foto: Roberto Rosendo/Vasco)

A temporada do Vasco, independentemente do técnico e do momento do time, tem duas questões corriqueiras: a baixa produção ofensiva e o rendimento insuficiente de Talles. Em pouco tempo de clube, Ricardo Sá Pinto as identificou e estuda como mudá-las. O técnico português começou a avaliar uma mudança de esquema e ações para potencializar a promessa da base, a quem definiu como “diamante”.

Sá Pinto concedeu entrevista ao Canal 11, de Portugal. O comandante vascaíno, ao ser perguntado sobre a possibilidade de escalar Talles mais centralizado, abordou os dois temas.

– O Talles tem como preferência inicial jogar do lado esquerdo. Eu tive a preocupação, obviamente, de querer saber a preferência dele e dos outros jogadores. Mas eu concordo que é na frente que ele realmente é um talento, um diamante a ser lapidado. Tem uma qualidade técnica excepcional, mas ainda não pensa o jogo, não interpreta o jogo como queremos. Portanto, ainda não consegue desequilibrar no último terço como poderia com o talento que tem. Temos de ajudá-lo a tornar-se um jogador desequilibrador. Por ora, ele tem a bola, dribla um ou outro e faz uma assistência ou outra. Com a qualidade dele, tem de fazer mais e fazer mais gols. É o que queremos. Para isso, tenho de fazer algumas ações para que ele tenha mais liberdade no último terço – disse o técnico.

Com Abel Braga e Ramon Menezes, Talles atuou por todo 2020 como atacante de lado, pela esquerda – a equipe era formada basicamente no 4-3-3. Em dois jogos de comando do interino Alexandre Grasseli, o posicionamento dele mudou. Foi adiantado para ser segundo atacante, ao lado de Cano, no tradicional 4–4-2. Em todas as situações, apresentou um futebol abaixo do que pode. Mesmo assim, lidera o time em assistências (cinco) e marcou dois gols.

Sá Pinto comandou o Vasco em apenas um jogo. Sem poder escalar Benítez e Cano, com problemas musculares, optou por Marcos Junior e Vinícius, inicialmente em um 4-3-3. No segundo tempo da derrota para o Corinthians, o time melhorou, e Talles, mais centralizado, deu passe para gol de Ribamar.

Encontrar a melhor maneira de fazer o time jogar é um desafio a Sá Pinto. Ao dizer que talvez tenha de mudar a organização tática (sem dizer qual pensa implantar), o português afirmou que atualmente o esquema não potencializa as qualidades individuais:

– O que ocorre é que o time tem muitos jogadores novos e não há um equilíbrio neste plantel. Os melhores e mais experientes jogadores não estão sendo potencializados neste sistema, e acho que provavelmente podemos passar para outro, assim acredito que posso aproveitar melhor a qualidade de todos. Para isso, é preciso de tempo, não posso mudar tudo em apenas três dias. Agora está identificado claramente onde cada um rende mais. Eles estão habituados a jogar nesse esquema, mas há um desconforto. Não há hoje uma harmonia e um equilíbrio entre o atual sistema tático e a qualidade dos jogadores. É um desafio que tenho pela frente.

O Vasco não atua neste final de semana pelo Brasileirão. Após os jogos de sábado, caiu para a 17ª posição, com 18 pontos, ou seja, na zona do rebaixamento. A equipe tem duas partidas a menos. Na quarta, recebe o Caracas, da Venezuela, pelo jogo de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana.

Fonte: Globo Esporte

2 comentários
  • RODOLFO FREIRE DA COSTA - 25 de outubro de 2020

    F Miguel, Leo Matos, Miranda, Ricardo e Riquelme; Leo Gil, Carlinhos, Juninho e Benitez; Tales e Cano.
    Time muito técnico e brigador no meio campo e com jogadores com capacidade de drible e quebra das linhas.

    Responder
  • Mauricio Brandão - 25 de outubro de 2020

    Potencializar o Talles… blz… mas acho que o cara que tem que ser potencializado é o Cano… ele é quem faz gol…

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
5 de dezembro de 2021
Contrato de Zé Ricardo com o Vasco será até o final de 2022 com opção de renovação

Zé Ricardo assinou o contrato com o Vasco da Gama até o fim de 2022 com opção de renovação em caso de acesso à Série A.

Olympiacos estaria interessado em Andrey, de saída do Vasco

Clube grego vê no volante uma boa oportunidade devido ao fato de ficar livre no mercado, sem precisar pagar multa rescisória ao Vasco da Gama.

Zé Ricardo tem previsão de chegada ao Rio de Janeiro em 16 de dezembro

Ainda terminando de resolver trâmites sobre sua saída do Catar SC, Zé Ricardo iniciará trabalho no Vasco da Gama em 16/12.

Edu, centroavante do Brusque, teria sido sondado pelo Vasco

Artilheiro da Série B, Edu, que é torcedor declarado do Vasco da Gama, teria informado a Salgado quanto gostaria de ganhar no Gigante.

Zé Ricardo comenta retorno ao Vasco: ‘Alegria estar de volta à Colina Histórica’

Treinador, que fará sua segunda passagem pelo Vasco da Gama, se manifestou via Instagram após acerto com o Clube.

Andrey Santos, Erick Marcus e mais: Vasco tem 5 grandes promessas para 2022

Andrey Santos, Erick Marcus, Lucas Eduardo, Marlon Gomes e Victor Araújo são atletas da base do Vasco da Gama que podem vingar em 2022.

4 de dezembro de 2021
Vasco estaria interessado em Jailson, goleiro do Palmeiras

O Vasco tem interesse na contratação do goleiro Jailson, de 40 anos, que não permanecerá no Palmeiras para 2022.

Zé Ricardo se manifesta após acerto com o Vasco: ‘É um momento de satisfação’

O técnico Zé Ricardo não escondeu a felicidade ao falar sobre seu retorno ao Vasco da Gama e projetou muito trabalho.

Vasco anuncia Zé Ricardo como novo treinador

O Vasco da Gama anunciou na noite deste sábado o retorno do técnico Zé Ricardo para comandar a equipe na próxima temporada.

Vasco perde nos pênaltis para o Fluminense e é eliminado do Carioca Feminino Sub-18

A equipe feminina Sub-18 do Vasco da Gama foi derrotada nos pênaltis para o Fluminense na semifinal do Campeonato Carioca.

Veja mais notícias