Mussa lamenta confusão e promete procurar candidatos por eleição online dia 14

Mussa lamentou a confusão ocorrida neste sábado em São Januário e diz que procurará os candidatos por eleição online no dia 14.

Faués Cherene Jassus, o Mussa
Faués Cherene Jassus, o Mussa (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

O presidente da Assembleia Geral do Vasco, Faués Jassus, o Mussa, divulgou nota nos primeiros minutos da madrugada deste domingo. No texto, Mussa lamenta a confusão ocorrida na eleição deste sábado e diz que a decisão do presidente do STJ, Humberto Martins, recolocou em vigor a liminar que prevê pleito online no próximo sábado, dia 14.

Na nota, Mussa diz que já começou os preparativos para a eleição online e promete procurar todos os candidatos: Alexandre Campello, Jorge Salgado, Julio Brant, Leven Siano e Sérgio Frias.

– Esta Presidência da Assembleia Geral procurará os srs. candidatos para conversar e tentar obter algum consenso em torno da AGO (Assembleia Geral Ordinária) do dia 14/11/2020, cujos atos preparatórios, conforme decisão judicial ora restaurada, já se iniciaram.

Nas últimas semanas, o presidente da Assembleia Geral recebeu diversas críticas dos candidatos. O presidente do clube, Alexandre Campello, por exemplo, disse que Mussa é “senil e manipulado pela Sempre Vasco (grupo de Julio Brant)”.

Em reunião na última terça, quatro dos cinco candidatos concordaram com a realização da eleição híbrida: Campello, Salgado, Leven Siano e Frias. Apenas Brant preferiu esperar a viabilidade do pleito presencial e online no mesmo dia. No entanto, Mussa argumenta que não há tempo hábil para a eleição híbrida, pois o estatuto do Vasco prevê a eleição na primeira quinzena de novembro.

Na mesma terça, ele pediu realização da eleição exclusivamente online e foi atendido pela juíza Debora Maria Barbosa Sarmento, da 7ª Vara Cível do Rio, que determinou a eleição no dia 14. Porém, o candidato Leven Siano e o presidente do Conselho Deliberativo, Roberto Monteiro, entraram com recurso, acatado na noite de sexta pelo desembargador Camilo Ribeiro Ruliére, determinando o pleito neste sábado, em São Januário.

Mussa responsabilizou Leven Siano e Monteiro pela confusa eleição interrompida deste sábado. O presidente da Assembleia Geral considerou que houve “cenas bizarras”, com descumprimento de recomendações sanitárias.

Em momento algum se garantiu o distanciamento mínimo de dois metros, nem dentro, nem fora das dependências de São Januário. Como fora antecipado, foi impossível coibir as condutas vedadas pela recomendações da SMS (Secretaria Municipal de Saúde), especialmente o uso de celular. E, dentro do Ginásio “Vasco da Gama”, os exaustores não estavam funcionando, deixando de se promover a necessária renovação de ar, de acordo com o exigido na legislação – disse.

Por fim, Mussa afirma que a decisão do presidente do STJ, que suspendeu a eleição presencial pouco depois das 19h deste sábado, deixou a botar em vigor a liminar que prevê o pleito online no dia 14.

Fonte: Globo Esporte

Leia mais sobreEleiçãoMussa
4 comentários
  • Renato Azevedo da Silveira - 8 de novembro de 2020

    Esse Mussa é um Ridículo velho caquético tem que ser expulso de são Januário a ponta pés velho canalha safado pilantra nojento seu merda fora

    Responder
  • Tom silva - 8 de novembro de 2020

    Senhor mussa ! o senhor e o grande culpada desta bagunça ! Culpavam Eurico por isto e agora ele não está aí mais . Vá procurar um asilo e deixe o Vasco em paz . Suas ideias não corresponde aos fatos ! Lamentável !!!!!!

    Responder
  • Matheus de Lima Lyra - 8 de novembro de 2020

    Caro Mussa…. O senhor é um ignorante….. Não entende de TI, muito menos de eleição on-line. Eu sou de TI e afirmo que sem uma base de dados integra é impossível ter eleição on-line. O que quero dizer com base de dados integra? É uma base com informações mínimas de cada sócio, como CPF e email. Ou seja, para se ter eleições online, os sócios do Vasco teriam que fazer na secretaria do clube um recadastramento passando essas informações!!!!!!!!! Com estas informações o mecanismo de voto on-line garante um mínimo de segurança do processo eleitoral!!!!!!!!! Digo o seguinte… o sócio inclusive off rio…. Não vai fazer este recadastramento até fds que vem… Tão em cima da hora!!!!!! E ninguém tá com saco pra isso neste momento devido às brigas que andam acontecendo. Digo como profissional de TI com mais de 10 anos de experiência………. se fizerem essa eleição dessa forma, ELA SERA MANIPULADA!!!!!!!!!!!!!!! COM CERTEZA!!!!!!!! E isso acabaria de vez com o mínimo de DEMOCRACIA que ainda existe no clube… Caro senhor da razão/dono da verdade/ignorante (senhor Mussa) . Esqueca seu interesses pessoais em cargos pra sua família…. e veja q AQUI É VASCO!!!!!!!!!! a torcida não vai permitir mais uma vez manipulação de resultados! Faça um favor para o senhor e a torcida vascaína… SAIA DO VASCO E NÃO VOLTE MAIS!!!!

    Responder
  • Matheus Lyra - 8 de novembro de 2020

    Caro Mussa….
    O senhor é um ignorante….. Não entende de TI, muito menos de eleição on-line.
    Eu sou de TI e afirmo que sem uma base de dados integra é impossível ter eleição on-line. O que quero dizer com base de dados integra? É uma base com informações mínimas de cada sócio, como CPF e email.
    Ou seja, para se ter eleições online, os sócios do Vasco teriam que fazer na secretaria do clube um recadastramento passando essas informações!!!!!!!!!
    Com estas informações o mecanismo de voto on-line garante um mínimo de segurança do processo eleitoral!!!!!!!!!
    Digo o seguinte… o sócio inclusive off rio…. Não vai fazer este recadastramento até fds que vem…
    Tão em cima da hora!!!!!! E ninguém tá com saco pra isso neste momento devido às brigas que andam acontecendo.
    Digo como profissional de TI com mais de 10 anos de experiência………. se fizerem essa eleição dessa forma, ELA SERA MANIPULADA!!!!!!!!!!!!!!! COM CERTEZA!!!!!!!! E isso acabaria de vez com o mínimo de DEMOCRACIA que ainda existe no clube… Caro senhor da razão/dono da verdade/ignorante (senhor Mussa) . Esqueca seu interesses pessoais em cargos pra sua família…. e veja q AQUI É VASCO!!!!!!!!!!
    a torcida não vai permitir mais uma vez manipulação de resultados!
    Faça um favor para o senhor e a torcida vascaína… SAIA DO VASCO E NÃO VOLTE MAIS!!!!

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
18 de junho de 2021
Ação contra o rebaixamento do Vasco é encaminhada ao presidente do TJ-RJ

A ação em que um torcedor pede o cancelamento do rebaixamento do Vasco da Gama foi encaminhada ao presidente do TJ-RJ.

Mesmo pressionado, Cabo conta com apoio do elenco do Vasco

Apesar do mau momento atual, elenco do Vasco da Gama simpatiza com o trabalho de Marcelo Cabo e também com seu jeito de ser no dia a dia.

Sempre Vasco critica montagem do elenco para a Série B e diz que ‘quer ajudar’

Grupo político de Julio Brant criticou o atual elenco do Vasco da Gama e se colocou à disposição de Salgado para ajudar no que for preciso.

Vasco encara o Athletico-PR nesta sexta pelo Brasileiro Sub-17; SporTV transmite

Athletico-PR e Vasco da Gama se enfrentam nesta sexta-feira (18), às 19h, no CT do Caju, em Curitiba, pela 7ª rodada do Brasileiro Sub-17.

Vasco foi derrotado pelo CRB na última vez que enfrentou o time alagoano

Último Vasco da Gama x CRB aconteceu em outubro de 2016, em São Januário, também pela Série B, e equipe alagoana saiu vitoriosa por 2×1.

Nos últimos 200 jogos, Vasco teve menos de 50% de aproveitamento

Aproveitamento do Vasco da Gama nas últimas 200 partidas, que contam desde 2018, foi de 46,33%; foram 74 vitórias, 56 empates e 70 derrotas.

17 de junho de 2021
Marcelo Cabo tem mais que o dobro de vitórias em comparação a derrotas no Vasco

Em 21 jogos comandando o Vasco da Gama, Cabo tem 9 vitórias, 8 empates e 4 derrotas; aproveitamento é de 55,5%.

Vasco encerra 4ª rodada da Série B em 15º lugar e a apenas 1 ponto do Z4

Com 4 pontos conquistados em 12 disputados, o Vasco da Gama está a apenas 1 do Vitória, primeira equipe da zona de rebaixamento da Série B.

4-4-2 ou outro! Vasco precisa sair do 4-3-3 de ‘conforto’ e testar um esquema diferente

As opções são limitadas, mas qualidade não é o único problema do Vasco da Gama, que precisa sair da zona de conforto testar outro esquema.

Werley consegue rescisão na Justiça e não é mais jogador do Vasco

Fora dos planos da diretoria, o zagueiro Werley conseguiu uma liminar na Justiça para rescisão indireta com o Vasco da Gama.

Veja mais notícias