Leven vê eleição do dia 14 como inválida e diz: ‘Não desistiria de lutar pelos vascaínos’

Leven Siano defende que eleição do dia 14 de novembro, que elegeu Jorge Salgado não é válida, mas não confirma se vai recorrer.

Leven Siano, ex-candidato à presidência do Vasco
Leven Siano, ex-candidato à presidência do Vasco (Foto: Marcelo Baltar)

Existe um certo clima de suspense sobre o que pode acontecer depois que o recesso judicial acabar, no próximo dia 6. Luiz Roberto Leven Siano, um dos candidatos à presidência do Vasco, discorda de quem considera que a decisão do dia 17 fez de Jorge Salgado o presidente eleito do clube. E afirma: “Não deixará de lutar pelos vascaínos”.

Do dia 17, quando o Tribunal de Justiça do Rio decidiu que a votação do dia 7 de novembro não teve validade, até agora, Leven Siano disse ter sido procurado por vascaínos para que interferisse no processo que leva Salgado à presidência baseado no resultado da eleição do dia 14 de novembro, da qual Leven Siano não participou.

O candidato chegou a afirmar, ainda no dia 17, que não recorreria da decisão e que estava aposentado da política vascaína. Agora, acusado por partidários de Jorge Salgado de que estaria descumprindo com a palavra, dá sua versão:

— Não disse que não faria nada depois do resultado do dia 17. Eu disse apenas que não recorreria porque não caberia recurso. Após ler a decisão ficou evidente que a mesma é inconstitucional. Se o conhecimento jurídico deles é limitado eu apenas posso lamentar. A decisão disse como tinha que ser (certo ou errado), mas não analisou como foi. Ela precisa ser reconsiderada.

Questionado sobre o que vai efetivamente fazer a respeito, Leven Siano afirmou não saber:

— Não tomei decisão nenhuma alguma, mas recebi pedidos de milhares de pessoas indignadas com a decisão do dia 17. Por ora apenas esclareci que essa decisão apenas disse como a eleição teria que ser, não tendo analisado que ela ocorreu, nem a validade ou invalidade de nenhuma das eleições. Logo, após ler a decisão vê-se que ela não é definitiva.

Pelos lados de Jorge Salgado, a postura é de que o processo eleitoral já acabou. O empresário acelerou o processo de transição com o atual presidente, Alexandre Campello, e já trabalha para tentar ajudar a gestão a pagar ao menos parte dos salários atrasados com jogadores e funcionários.

Em entrevista como presidente eleito, afirmou também que gostaria de conversar com Luiz Roberto Leven Siano e que estava esperando uma ligação do adversário. Por sua vez, o advogado sinaliza que a eleição pode ter novos desdobramentos.

— Da minha parte, por ora apenas disse que Jorge Salgado não é presidente, que a eleição do dia 14 é inválida e que não desistiria de lutar pelos vascaínos, posto que milhares me pedem isso todos os dias. A interpretação de que não tenho palavra ou que vou recorrer é de cada um. Eu não disse isso. Existem muitas lutas e muitas formas de lutar.

Questionado se defende que uma nova eleição aconteça, respondeu:

— Eu defendo que qualquer associação tem o direito de estabelecer suas próprias regras sem interferência externa, conforme está estabelecido na Constituição da República.

Fonte: Extra Online

14 comentários
  • VASCÃO MIL GRAU - 29 de dezembro de 2020

    LEVEN É O NOSSO 1° PRESIDENTE ELEITO NO VOTO DIRETO, PELA MAIORIA DOS SÓCIOS VOTANTES. “VOU DEIXAR DE SER SÓCIO DESSA VERGONHA NACIONAL”
    VASCO VAI PERDER DEZENAS DE MILHARES DE TORCEDORES POR CAUSA DOS MALDITOS PERDEDORES QUE SAÍRAM DO GINÁSIO E APAGARAM A LUZ, PORQUE JÁ TINHAM UM PLANO “B” e “C” ARQUITETADO NA JUSTIÇA MAIS CORRUPTA DO PLANETA.

    Responder
  • João Chaves Boaventura - 29 de dezembro de 2020

    ESTA ME FAZENDO MAL, TODO ANO TORCO, PARTICIPO E SIMPLESMENTE É TUDO IGNORADO, SÃO MILHÕES DE TORCEDORES QUE PAGAM A CONTA E NÃO DECIDE NADA, TEMOS QUE FICAR FEITO IDIOTAS VENDO UM MONTE DE VELHOS BURROS ARROGANTES E MALDITOS TRAVAR AS MUDANCAS NO VASCÃO, NÃO TEM JEITO SO MATANDO ESTE CONSELHO MALDITO

    Responder
  • João Chaves Boaventura - 29 de dezembro de 2020

    Meu Deus, como é possível tanta incompetência, tanta arrogância, tanta corrupção. Acabaram com o Vasco, uma tragédia anunciada com os desmandos E ROUBOS DE EURICO, junto com seus acéfalos destruíram um dos maiores clube das Américas. Sou torcedor do Vasco há 54 anos e não vejo uma saída, jogadores medíocre com rara exceção, dirigentes incompetentes é o FIM, É O FIM!

    Responder
  • VASCÃO MIL GRAU - 29 de dezembro de 2020

    “ESSA CAMISA PESA PRA CARALHO”
    LUXA TIROU O VASCO DO 20° LUGAR P/ 12°
    PQP… QUEM É ZÉ RICARDO?
    FORA CAMPELLO E SALGADO GOLPI$TA FDP…
    MANCHARAM A HISTÓRIA MAIS LINDA DO FUTEBOL SEUS FDP’$ MERCENÁRIOS…
    LEVEN É O NOSSO 1° PRESIDENTE ELEITO NO VOTO DIRETO!

    Responder
  • Antonio Raimundo dantas - 28 de dezembro de 2020

    Aqueles poucos torcedores que apoiam as eleições do dia 14 , são cegos e não enxergam que o leven tem a melhor proposta de imediato para o vasco , o salgado não tem um projeto para ajudar o Vasco, acordem, somos todos vascaínos porrraa vcs colocaram na justiça do Rio para ficar no poder caralho, o salgado está no Vasco há muito tempo e que ele fez no Vasco? Espero o Leven siano leve o caso para o STJ se for o caso. Vc tem o meu apoio leven siano e da maioria da torcida do Vasco.

    Responder
  • Lima - 28 de dezembro de 2020

    Leven Siano melou a própria eleição e agora fica fazendo comentários que ao invés de unir divide ainda mais o Clube e seus torcedores. Pare com isso e cumpra o que disse. Acreditou que levaria na justiça e não participou da eleição do dia 14 e ainda afirmou que quem perdesse na justiça não deveria recorrer. Pois cumpra! Chega de bagunça.

    Responder
  • Albuquerque - 28 de dezembro de 2020

    Leven eleito pelos sócios (conforme estatuto). não pelo Judiciário do Rio de Janeiro …. Kkk amigos???

    Responder
  • Tó Zé - 28 de dezembro de 2020

    Mais uma matéria paga para aparecer, esquece a justiça, liga para o Salgado e junta recursos para sair do blá blá blá

    Responder
  • Ricardo - 28 de dezembro de 2020

    vc deve ser da turma do Salgado vc poderia me dizer porque tem pessoas da lava jato que vao esta na gestão dele isso vcs nao falam ne acham que tem moral pra falar dos outros

    Responder
  • José Ribamar Xavier - 28 de dezembro de 2020

    Leven Siano presidente eleito pelo torcedores não pela justiça

    Responder
  • Carlos Tavares De Oliveira - 28 de dezembro de 2020

    Atenção toradores vascainos….não vamos amolecer vamos lutar pra tirar esse senhor sabe pinto que chamam de treinador… não é e nunca será. Isso é um enganador…vamos marcar com os diretores do nosso clube uma reunião pra saber o ritmo das coisas mas sem violencia

    Responder
    • Raimundo Vicente - 28 de dezembro de 2020

      Chega de trapaceiros no Vasco.
      Querem assumir o clube mais nem projeto tem.
      O nosso presidente é o leven siano que foi eleito pelo torcedor.

  • Valter José - 28 de dezembro de 2020

    Leven seja homem e cumpra sua palavra.Chega de mutreta.Você está coligado com a família do Eurico e Roberto Monteiro.Em vez de brigar seja humilde e aceita.

    Responder
    • Benedito reis reis lustosa de sousa - 28 de dezembro de 2020

      Complicado a situaçao do nosso vasco,

Deixe sua opinião

Últimas notícias
27 de novembro de 2021
Léo Jabá revela vontade de volta ao Vasco: ‘Para marcar meu nome na história’

De saída após de uma temporada negativa, o atacante Léo Jabá mostrou carinho pelo Vasco da Gama e espera voltar um dia.

Luxemburgo descarta interesse em Cano para o Cruzeiro

O técnico do Cruzeiro, Vanderlei Luxemburgo garantiu que o atacante do Vasco da Gama, Germán Cano, não está nos planos da Raposa.

Ex-Vasco, Rogério Corrêa viveu drama com a Covid-19 e a morte do pai

Campeão carioca em 2003 com o Vasco da Gama, Rogério Corrêa descobriu a morte do pai por Covid após ser extubado.

26 de novembro de 2021
Vasco tenta vitória na última rodada para amenizar vexame na Série B

Sem conquistar o acesso para à elite, Vasco da Gama faz último jogo da Série B neste domingo contra o Londrina.

Kauan Kelvin, do Sub-15, assina contrato de formação com o Vasco até 2024

O atacante Kauan Kelvin, da equipe Sub-15, assinou contrato de formação com o Vasco da Gama até novembro de 2024.

GB comenta classificação sobre o Flamengo e possibilidade de encarar o Fluminense

O atacante GB balançou as redes na vitória sobre o Flamengo que levou o Vasco da Gama à final do Campeonato Carioca Sub-17

Torcida aciona Caito Maia, que ‘passa’ missão de ajudar o Vasco para Carol e Camila

O ‘shark’ Caito Maia, fundador da Chilli Beans, garantiu confiança em Carol Paiffer e Camila Farani na busca de ajuda para o Vasco da Gama.

Morato deve ser emprestado novamente pelo Red Bull Bragantino

Possivelmente fora do Vasco da Gama, o atacante Morato está fora dos planos do Red Bull Bragantino e deve ser emprestado novamente.

Carol Paiffer se diz animada ao comentar sua ida a São Januário

Carol Paiffer falou sobre sua visita ao Estádio de Sâo Januário nesta sexta-feira, onde se reuniu com dirigentes do Vasco da Gama.

Carol Paiffer se reúne com dirigentes do Vasco em São Januário

Após se colocar à disposição para ajudar o Vasco da Gama, Carol Paiffer visitou São Januário para conhecer mais sobre o Clube.

Veja mais notícias