Gol do Inter validado após defeito no VAR gera revolta no Vasco

VAR não funciona e primeiro gol do Inter contra o Vasco da Gama é validado por decisão do árbitro de campo.

Jogo entre Vasco e Internacional em São Januário
Jogo entre Vasco e Internacional em São Januário (Foto: Max Peixoto/Dia Esportivo/Estadão Conteúdo)

O gol de Rodrigo Dourado para o Internacional contra o Vasco, aos nove minutos do primeiro tempo do duelo deste domingo, em São Januário, está recheado de polêmicas. O programa que determina a posição das linhas na imagem do VAR não funcionou, e o lance foi validado pela decisão de campo do árbitro Flávio Rodrigues. A CBF avisou que vai se posicionar após o jogo.

Após Dourado desviar de cabeça para as redes, Flávio Rodrigues esperou a análise do VAR para validar o gol colorado, já que havia suspeita de impedimento. No lance, Moisés cobrou falta para a área do Vasco, e o volante subiu para cabecear. A dúvida era se o colorado estava à frente dos marcadores.

No momento da análise das imagens, a equipe que comanda o VAR percebeu um problema com o programa que traça as linhas no vídeo e determina se o lance estava ou não irregular. Com o erro na tecnologia, a decisão foi de Flávio Rodrigues, sem a ajuda da cabine.

– Lance muito difícil, só que agora não dá para defender a arbitragem. Como fala que reta final do campeonato as linhas não estão calibradas?! Lance difícil, não tem imagem conclusiva, fica a decisão de campo. Isso não pode acontecer, num momento como esse. Reta final do campeonato. Está disputando a liderança, e o outro rebaixamento. Para mim, isso é inadmissível – disse Nadine Basttos, comentarista de arbitragem da Globo.

O repórter Edson Viana, que estava no campo, trouxe mais informações:

– Aquela linha não é automática. É um programa de computador para quem está no VAR, e ele estava descalibrada. Então foi decisão de campo para validar o gol do Internacional. Na hora da colocação da linha, foi percebido que estava descalibrado e prevaleceu a decisão do campo – disse Edson Viana, que no início do segundo tempo informou que o problema foi corrigido.

Autor do gol, o volante Rodrigo Dourado comentou o lance.

– A gente falou com o juiz. Ele falou que não estavam conseguindo fazer a linha lá em cima do VAR, por isso que demorou um pouco. Eu estava em condição legal e o gol foi bonito – disse o jogador do Inter.

Na saída para o intervalo, o árbitro Flávio Rodrigues foi cercado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, o preparador físico Antonio Mello e o diretor de futebol Alexandre Pássaro. Houve forte cobrança dos vascaínos pela validação do gol.

Fonte: ge

Leia mais sobreInternacionalVAR
Nenhum comentário ainda.
Deixe sua opinião

Últimas notícias
27 de novembro de 2021
Vasco pode ter mudanças no meio-campo para enfrentar o Londrina; veja quais

Fábio Cortez deve mudar todo o setor de meio-campo do Vasco da Gama para o jogo contra o Londrina neste domingo.

Técnico do Londrina projeta jogo difícil contra o Vasco e reforça clima de decisão

O técnico Márcio Fernandes busca a permanência do Londrina na Série B e conta com o resultado positivo contra o Vasco da Gama.

Caio Lopes deve ser titular contra o Londrina

Caio Lopes deve ser titular no Vasco da Gama contra o Londrina no próximo domingo, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Luiz Mello se manifesta após reuniões com Camila Farani e Carol Paiffer

Luiz Mello, CEO do Vasco da Gama, afirmou que as conversas com as empreendedoras Camila Farani e Carol Paiffer foram boas.

Vasco vence o Boavista e está na final da Taça Rio Sub-15

O Sub-15 do Vasco da Gama venceu o Boavista por 2×1 neste sábado e garantiu a vaga para as finais da Taça Rio.

Jhon Sánchez deve ser titular contra o Londrina

Jhon Sánchez, atacante do Vasco da Gama, deve ser titular no jogo contra o Londrina no próximo domingo, pela Série B.

Enquanto a torcida sonha, Salgado, sequer, comparece à reunião com Carol Paiffer

Jorge Salgado não compareceu à reunião com Carol Paiffer, para entender como ele pretende ajudar o Vasco da Gama.

Ricardo Gomes revela ‘boas chances’ de acerto com o Vasco

Ricardo Gomes se reunirá novamente com o Vasco da Gama em breve, quando deve selar o acordo para ser o CEO de futebol.

Vasco encerra temporada neste domingo com o pior turno de sua história na Série B

Com uma campanha frustrante, o Vasco da Gama somou 21 pontos e é apenas o 16º no returno da Série B do Brasileiro.

Goleiro Júlio César teria sido oferecido ao Vasco

Livre no mercado, o goleiro Júlio César, ex-Botafogo, Fluminense e Grêmio, teria sido oferecido para reforçar o Vasco da Gama.

Veja mais notícias