Galvão Bueno diz a Sá Pinto após invasão: ‘Se tiver vergonha na cara, vai embora’

Galvão Bueno falou sobre a invasão da torcida ao CT do Almirante e defende que Ricardo Sá Pinto vá embora após o ocorrido.

Ricardo Sá Pinto conversando com membros da Ira Jovem
Ricardo Sá Pinto conversando com membros da Ira Jovem (Foto: ge)

No Seleção SporTV desta quinta-feira, o narrador Galvão Bueno falou sobre a invasão ao CT do Vasco na manhã desta quinta-feira. Além do treinador Sá Pinto, Talles Magno e Leandro Castan foram os principais alvos dos protestos dos torcedores.

– Isso explica a situação do Vasco. Alguém permitiu que essas pessoas entrassem. E a pessoa que permitiu que isso acontecesse não pode mais trabalhar com futebol. O técnico português, com a cultura que tem, se tiver o mínimo de vergonha na cara, pega o avião e vai embora – disse.

Leia o posicionamento do Vasco a respeito da invasão:

“Nesta quinta-feira (10/12), integrantes de uma torcida organizada invadiram o CT do Almirante durante o treinamento do time profissional. O Club de Regatas Vasco da Gama compreende a insatisfação de seus torcedores e entende que os resultados em campo estão aquém do esperado, mas é absolutamente injustificável que jogadores e comissão técnica sejam ameaçados e intimidados em seu local de trabalho. O futebol brasileiro já deu inequívocas provas de que este tipo de ação, além de ilegal, não surte qualquer efeito prático positivo. Providências já foram tomadas para que episódios como o desta quinta não voltem a se repetir. O Vasco reafirma que atletas, comissão técnica e diretoria estão comprometidos e empenhados em reverter a situação no Campeonato Brasileiro”.

Veja o vídeo

Fonte: Globo Esporte

22 comentários
  • Cesar Morais - 11 de dezembro de 2020

    ESSE GALVÃO, TÁ FALANDO COMO SE FOSSE A PRIMEIRA VEZ E O PRIMEIRO TIME QUE TEVE ESSE TIPO DE SITUAÇÃO.
    PORQUÊ NÃO FALOU SOBRE OS OUTROS CLUBES NA ÉPOCA….QUER TUMULTUAR O VASCO. SAI FORA O INFAME

    Responder
  • ROBERTO ALUISIO MAURI JUNIOR - 10 de dezembro de 2020

    Galvão vai jogar merda na parede vai !!!

    Responder
  • Silvio Coelho Bastos - 10 de dezembro de 2020

    O técnico teria que reunir os atletas e ir pro vestiário. Inadmissível a atitude desses invasores. É a Diretoria ? Fez o quê? Porque não chamaram a polícia? Esse bando tinha que ter saído preso, direto pra cadeia. Onde já se viu torcedores invadir o local de trabalho dos atletas ! É ainda vem uns idiotas criticar o Galvão Bueno! Não me interessa pra que time ele torce, mas ele está certíssimo em condenar esse episódio.

    Responder
  • Sandro laerton - 10 de dezembro de 2020

    Esse cidadão Galvão Bueno é um hipocrita, vivia dormindo, ou em outro planeta para nunca ter visto uma invasão de CT em São Paulo, e em outros clubes, os torcedores do Vasco apenas pediram empenho da equipe, não agiram com violência, esse mal caráter não tem credibilidade nenhuma, assim como a empresa a qual ele faz parte.
    Ridiculo.

    Responder
  • Tó Zé - 10 de dezembro de 2020

    Se o Galvão tivesse vergonha,já tinha se aposentado faz tempo.
    O homem narra,comenta o jogo e arbitragem e ainda sugere ao técnico a substituição.
    Não leva a mal,mas é muito chato.

    Responder
  • Joelson Alexandre - 10 de dezembro de 2020

    Quem tem que ter vergonha na cara e deixar de hipócrita é o Galvão. Quando acontece no flamengo ou Corinthians ele não fala isso. Babaca..

    Responder
  • Irapuan C de França - 10 de dezembro de 2020

    Eu nunca que eu me lembre concordo com o Galvão Bueno, vou abrir uma exceção, bando desocupados, vão trabalhar, não concordo em nada com o momento do Vascão más daí adentrarem o local de trabalho para ameaçar os jogadores e coisa de desocupados não de torcedores, hoje temos redes de comunicações que se pode demonstrar as insatisfações , foi coisa permitida de dentro para fora…

    Responder
    • WANDERSON ALEX ROSA - 10 de dezembro de 2020

      Concordo que a maneira como foi feita a cobrança está errado, mas alguém tem que cobrar, já tem jogador do Vasco marcando jogos de final de ano, isso aí é falta de comprometimento.

  • Rubi Moura Uchôa - 10 de dezembro de 2020

    Não pode fazer esse tipo de ameaça o culpado disso tudo é que encontra tou jogador medíocre

    Responder
  • Zizo Garcez - 10 de dezembro de 2020

    Galvão, você é flamenguista, vá se meter nós problemas do mulambo. Deixe o Vasco em paz. A torcida fez o que essa diretoria medíocre já devia ter feito há muito tempo.

    Responder
  • Heuley Alves Damasceno - 10 de dezembro de 2020

    Não sou a favor da violência, mas apoio os torcedores irem ao clube cobrar mais empenho, que dêem o máximo dentro de campo, eles vivem disso, não fazem outra coisa a não ser jogar futebol. Querem o que? Deixar o Vasco passar vergonha? Muitos que estão ali, se o clube cair, vão estar fora no próximo ano, aí eu pergunto: quem vai querer ser contratado para disputar seria B?
    Outra coisa, cadê o presidente que não resolve o caso do Benitez. Vai esperar outro clube contratar para arrumar desculpinha.
    Tem que invadir mesmo e civilizadamente cobrar de todos.
    Queremos raça e técnica daqui para frente.
    AQUI É VASCO!!!

    Responder
    • sidney levi da silva rodrigues - 10 de dezembro de 2020

      boa noite galvao , porque voce nunca criticou a torcida do corinthians ,palmeira ,sao paulo flamengo ,cruzeiro botafogo , fluminense .voce nunca falou isso pros treinadores desses times se tiver vergonha sai forra que tem que sair forra e voce .esquece o vasco .

  • Cesar Morais - 10 de dezembro de 2020

    O Galvão Bueno é puxa saco do Flamengo, pelos donos da globo e Corintiano, deve se meter lá nestes lugares e deixar o Vasco.
    Sá pinto não deve pedir demissão e o Galvão tem que para de colocar lenha.
    porque não colocou lenha no ocorrido do ninho do urubu.

    Responder
  • Leonardo Gama - 10 de dezembro de 2020

    Manda Galvão se meter nas coisas dele, muito ajuda quem ñ atrapalha, qnd isso aconteceu com o queridinho da mídia ngm achou um absurdo ou mandou o técnico pegar avião… neh!?!

    Responder
  • Jorge Plaza - 10 de dezembro de 2020

    Cala boca Galvão, seu Flamenguista doente, vai se meter no seu clube, e não dos os outros, voce e Globo só sabem defender o Flamengo, não fazem comentários sérios sobre os outros clubes, O clube de voces não tem nenhum defeito.

    Pede sair e vai embora se aposenta seu MALA

    Responder
  • VANDERLEI DE SOUZA OLIVEIRA - 10 de dezembro de 2020

    Esse Galvão tem que falar do time dele, os mulambo. Ninguém está pedindo opinião dele, ele e Casa Grande, já poderia esquecer futebol, ninguém da assunto pra quê esses caras falam.

    Responder
  • JOSE LUIZ DA SILVA ELLER - 10 de dezembro de 2020

    Já viu com o Vasco tudo e negativo os torcedores foram protestar não agrediu ninguém tão certo de protestar de forma passifica vai pra merda rede Globo e Galvão flamenguista Bueno

    Responder
  • Valdinei barros - 10 de dezembro de 2020

    Vai se fuder Galvão vc e flamenguista

    Responder
  • Juarez - 10 de dezembro de 2020

    Culpados não são os profissionais e sim quem contratou eles, e ninguém aguenta mais essa situação da a impressão de corpo mole. Enquanto não tiver uma comissão seria de olheiros o Vasco continuará sendo essa bagunça a começar pela administração.

    Responder
  • MAURICIO FONSECA MADUREIRA - 10 de dezembro de 2020

    Todos nós temos o sagrado direito de falar o que quer, assim como muitas vezes ouvir o que não quer. O Galvão deve ter visto o que todos vimos, cobrança da torcida sem nenhuma agressão, afinal sem público no estádio não tem muitas maneiras da torcida de manifestar, essa mesma torcida que tira o seu sagrado dinheiro para abraçar todas as causas em prol do CRVG. Não vi nenhuma indignação do Galvão com o gasto de 80 mi para comprar um jogador e entrar na justiça para diminuir pensões de meninos que morreram estando sob responsabilidade do Flamengo.

    Responder
  • Lenine padilha - 10 de dezembro de 2020

    O Galvão não tem nada sue intrometer, ele é Flamenguista e não sabe o que estamos passando e sentindo com essa situação vexatória. Time Ruim.

    Responder
  • Darly - 10 de dezembro de 2020

    Falou o mesmo pro treinador do Palmeiras, do são Paulo, do Goiás, do Corinthians, do Botafogo , ohhh Galvão vai comer capim

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
16 de setembro de 2021
Diniz revela frustração com empate, mas destaca atuação do Vasco: ‘Gostei de tudo’

Fernando Diniz não escondeu a decepção com empate do Vasco da Gama com o CRB, mas elogiou o desempenho do time.

Fernando Diniz rasga elogios a Nenê por boa estreia pelo Vasco

Técnico do Vasco da Gama, Fernando Diniz, rasga elogios para a boa atuação de Nenê, na estreia do jogador contra o CRB.

Pássaro é suspenso por 15 dias pelo STJD e não poderá ir aos estádios

O diretor executivo do Vasco da Gama, Alexandre Pássaro, já não esteve no Estádio Rei Pelé e acompanhou o jogo contra o CRB no hotel.

Próximos jogos do Vasco

Veja os próximos jogos do Vasco da Gama nesta temporada 2021, que serão disputados pela Série B do Brasileiro.

Assista aos melhores momentos de CRB 1 x 1 Vasco

Veja o que de mais importante aconteceu no empate entre o Vasco da Gama e o CRB, pela 24ª rodada da Série B.

Germán Cano marca contra o CRB e põe fim a jejum de 10 jogos sem gols pelo Vasco

Germán Cano abriu o placar contra o CRB nesta quinta-feira e colocou fim a jejum de 10 jogos sem gols pelo Vasco da Gama.

Notas dos jogadores do Vasco contra o CRB

Notas dos jogadores do Vasco da Gama na partida desta quinta-feira, contra o CRB, pela 24ª rodada da Série B do Brasileiro.

Sabor de derrota! Vasco empata com o CRB e segue longe do G4

Na estreia do técnico, Fernando Diniz Vasco da Gama empatou com o CRB fora de casa, com direito a gol no fim, e se manteve longe do G4.

Miranda é suspenso pela Conmebol por tempo indeterminado

O zagueiro do Vasco da Gama, Miranda, está com a delegação vascaína em Maceió, e possivelmente seria titular contra o CRB.

Olho no rival! Escalação do CRB contra o Vasco

Confira a escalação do CRB para o jogo contra o Vasco da Gama nesta quinta-feira, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Veja mais notícias