Dedé revela bastidores da sua saída do Vasco e cita atrasos salariais

O zagueiro Dedé revelou detalhes da sua saída do Vasco da Gama em 2013, quando se transferiu para o Cruzeiro.

Dedé em ação pelo Vasco na Copa Sul-Americana 2011
Dedé em ação pelo Vasco na Copa Sul-Americana 2011

O zagueiro Dedé, que está sem clube, comentou sobre sua saída do Vasco da Gama em entrevista concedida ao canal Flow Sport Club no YouTube.

Dedé defendeu o Gigante da Colina entre os anos de 2009 a 2013, onde conquistou o título da Copa do Brasil 2011 e se tornou um dos zagueiros mais queridos da história do Clube.

Na entrevista, o defensor disse que na época o Vasco estava com cinco meses de salários atrasados, e sua decisão de deixar o Clube aconteceu após se sensibilizar com um funcionário que estava passando por dificuldades financeiras.

Segundo Dedé, que ficou conhecido após boas atuações com a camisa cruzmaltina, com o dinheiro da sua saída, o Vasco teria condições de quitar os salários, além de resolver outras prioridades da época.

– Tinha um cara fazendo uma mureta, com um tijolinho, fazendo um calor, de uns 37, 38º, e a gente conversando ele disse que estava com uns cinco meses de salários atrasados, e ele ganhava uns R$ 600,00 na época, que correspondia a um salário mínimo, então nós reunimos e o ajudamos. Aquilo ali me fez pensar, ‘Será que eu estou sendo egoísta de não ir para o Cruzeiro, dar uma verba para o Clube pelo menos quitar os salários atrasados’, então aquilo ali abriu minha mente e foi uma das coisas que me motivou a sair.

O jogador que hoje está com 33 anos, destacou que sua saída foi definida numa preleção, mas ele decidiu fazer seu último jogo com a camisa cruzmaltina após a decisão final.

– A batida do martelo foi numa preleção. A gente ia jogar contra o Mesquita, e a gente sentado com Paulo Autuori em uma preleção para jogar, eles me tiraram da sala, continuaram a preleção para eu não jogar, com medo de acontecer alguma coisa, mas eu queria jogar meu último jogo. A decisão foi na minha casa, eu sabia que ia para o Cruzeiro, mas ali foi o final mesmo, de assinar o contrato.

Após a saída de Dedé do Cruzeiro, seu nome passou a ser ventilado em São Januário, porém, o alto salário e as constantes lesões, causam certa desconfiança na torcida.

A atual diretoria cruzmaltina também não se manifestou se tem interesse em contratar Dedé para a temporada seguinte, assim como o jogador não demonstrou interesse em voltar, apesar de ter participado da live da Vasco TV em comemoração ao aniversário de 11 anos do título da Copa do Brasil 2011.

Leia mais sobreDedé
5 comentários
  • Ronaldo Vargas - 15 de outubro de 2021

    Concordo com vc, porém pior que ele foi Romário no Flamengo e depois fizeram estátua para ele. Desdenharam da torcida.

    Responder
  • Paulo - 15 de outubro de 2021

    Dedé. MERCENÁRIO. EX JOGADOR. QUANDO JOGAVA NÃO ERA GRANDE COISA. MEDIANO.

    Responder
  • JULIANO PIERRE CAIRES DE SOUZA - 15 de outubro de 2021

    Ninguém quer esse ex-jogador, não conseguiu nenhum clube para pagar uma perna de vidro desse para compor seu elenco. Lembro bem quando ele quis ir jogar no mulambo, estava desdenhando o Vasco nas redes sociais, por isso eu não o quero no Vasco, prefiro os jovens garotos que darão ao Vasco retorno.

    Responder
  • Carlos lomba - 14 de outubro de 2021

    Sou favoravel do retorno do DEDÉ ao Vasco

    Responder
  • Mauricio Brandão - 14 de outubro de 2021

    só jogou no vasco… despontou no volta redonda e não jogou nada no cruzeiro…

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
1 de dezembro de 2021
Pássaro entrega relatório com realizações e cita benefício de R$ 77 milhões ao Vasco

O ex-diretor executivo do Vasco da Gama, Alexandre Pássaro, entregou um relatório com pontos que seu trabalho teria melhorado no Clube.

Paiffer explica importância de pesquisa com torcedores e afirma que não sugeriu SAF

Com reunião nesta quinta (02) com a diretoria, Carol Paiffer se manifestou nesta quarta (01) sobre assuntos relacionados ao Vasco da Gama.

Andrey se despede do Vasco: ‘Aqui sempre vai existir um coração vascaíno’

Na despedida do Vasco da Gama, o volante Andrey publicou um emocionado texto de despedida citando a trajetória e agradecendo.

Números de Michel, Ernando e Walber pelo Vasco

Confira os números de Michel, Ernando e Walber, que estão oficialmente fora do Vasco da Gama para a próxima temporada.

Gilmar Ferreira afirma que Zé Ricardo está apalavrado com o Vasco

Grande favorito para assumir o Vasco da Gama, o técnico Zé Ricardo ainda não resolveu todas as pendências com o Qatar SC, seu ex-clube.

Fora do Vasco, Andrey analisa proposta de clubes da Série A e do exterior

Depois de oficializada a saída do Vasco da Gama, o volante Andrey agora busca um novo destino, o que ainda está em aberto.

Vasco confirma saídas de Ernando, Michel e Walber

O Vasco da Gama confirmou nesta quarta-feira que Michel e dos zagueiros Ernando e Walber não seguiram no Clube.

Andrey deixa o Vasco após 17 anos

Formado na base, o volante Andrey, que está em São Januário desde 2004, deixou o Vasco da Gama depois de 17 anos.

Vasco vence o Karanba por 1 x 0 pelo Carioca Feminino Sub-18

As meninas do Vasco da Gama venceram o Karanba por 1×0, no Estádio Nivaldo Pereira, pela terceira rodada do Carioca Feminino Sub-18.

Vasco encerra negociações com Ricardo Gomes

O Vasco da Gama encerrou as negociações com Ricardo Gomes, que seria contratado para o cargo de CEO de futebol.

Veja mais notícias