Cortez revela tristeza por vaias antes do jogo e explica Romulo titular: ‘Suporte’

Técnico interino do Vasco da Gama lamentou os protestos da torcida durante o aquecimento e disse ter priorizado quem saberia lidar com vaias.

Fábio Cortez durante entrevista após empate com o Remo
Fábio Cortez durante entrevista após empate com o Remo (Foto: Reprodução/Vasco TV)

O técnico interino do Vasco da Gama, Fábio Cortez, concedeu entrevista coletiva após o empate em 2×2 com o Remo nesta sexta-feira (19), em São Januário. Entre outros assuntos, o profissional, que pertence à comissão permanente do Gigante da Colina, comentou sobre as vaias proferidas aos jogadores.

Segundo ele, apesar de entender a insatisfação dos torcedores, há uma certa tristeza pelos protestos terem acontecido até mesmo antes da bola começar a rolar.

– É uma tristeza sem tamanho. O torcedor está no direito de cobrar e vaiar. Isso não tem problema. Fizemos um ano triste. Se for avaliar, em muitos jogos, tivemos coisas complicadas. Bola desviando em jogador, erro técnico… Mas mostramos muito empenho e unidade nesses últimos dois jogos. Tenho de agradecer aos jogadores. Já vi uma desse nível aqui, tenho muito tempo de Vasco. Mas ser vaiado no aquecimento, sem chance de mostrar que está se querendo melhorar, é triste – afirmou.

Paralelamente, Cortez explicou o motivo pelo qual escalou o volante Romulo entre os titulares, deixando para colocar Caio Lopes, que melhorou a performance do meio de campo, somente no segundo tempo.

– A gente precisava de jogador no meio para dar suporte, alguém que não ligue para vaia. O xingamento começou no aquecimento. Resolvi mesclar para dar oportunidade a todos. No segundo tempo, com o jogo mais aberto, com os jovens, a gente poderia ter um desempenho melhor – concluiu.

Último jogo

De maneira melancólica, o Vasco encerra sua participação na Série B 2021 no próximo dia 28 de novembro, contra o Londrina. A partida está marcada para às 16h, no Estádio do Café, no Paraná.

Leia mais sobreFábio CortezRomulo
2 comentários
  • Anizio vascaino - 20 de novembro de 2021

    Dá oportunidade pra que e pra quem ? O ano todo de oportunidade não foi o suficiente pra esses jogadores enganadores que estão no Vasco até.

    Responder
  • Caio RJ - 20 de novembro de 2021

    Esse cabeça de ovo é um doente mental ! Escalar esse morto desse Rômulo !!!

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
30 de novembro de 2021
ArquiVasco se posiciona contra movimento do Vasco de se tornar clube-empresa

Grupo político emitiu comunicado fazendo fortes críticas a intenção do Vasco da Gama em transformar seu futebol em clube-empresa.

Roberto Monteiro critica pedido de constituição de clube-empresa

Ex-presidente do CD do Vasco da Gama, Roberto Monteiro disparou contra a possibilidade do futebol do Clube ser gerido por uma empresa.

Decisões centralizadas de Salgado provocam desconforto em parte de base aliada

Postura do presidente Jorge Salgado na condução do futebol do Vasco da Gama vem sendo criticada até por membros da base aliada.

Ex-presidente do Vasco, Campello diz que não vê nenhum nome capaz de unir o Clube

Em entrevista ao Blog do jornalista Ricardo Gonzales, Alexandre Campello se mostrou pessimista quanto ao futuro do Vasco da Gama.

Oposição do Vasco se mobiliza pela saída de Jorge Salgado

Número necessário de assinaturas para convocação de Assembleia Geral Extraordinária vem aumentando nos corredores de São Januário.

‘Juntos vamos conduzir o Vasco ao seu devido lugar’, afirma Nenê

Um dos pouquíssimos destaques do Vasco da Gama em 2021, meia diz ainda que ”vestir a camisa do Vasco da Gama é uma honra”.

‘O Vasco não precisa ter seu futebol vendido’, critica Leven sobre possível SAF

Via redes sociais, Leven Siano se manifestou contrariamente à possível transformação do futebol do Vasco da Gama em clube-empresa.

29 de novembro de 2021
Em vídeo com torcedor, Salgado revela que Zé Ricardo e Ricardo Gomes devem chegar

Respondendo informalmente a um torcedor do Vasco da Gama, presidente Jorge Salgado confirma negociações por Zé Ricardo e Ricardo Gomes.

Marquinhos Gabriel lamenta temporada mas afirma que Vasco ‘voltará ao seu lugar’

Meia diz ainda que faltaram detalhes ao Vasco da Gama e que ”carregar a Cruz de Malta é a principal motivação para quem está no Clube”.

Salgado e outros dirigentes comentam possível constituição da SAF no Vasco; assista

Falaram sobre o pedido para que o futebol do Vasco da Gama vire empresa o 2º VP geral, Duque Estrada, e o presidente do CD, Carlos Fonseca.

Veja mais notícias