Briga do Vasco contra o rebaixamento tem semelhanças com 2004

Luta do Vasco da Gama pela permanência na série A tem semelhanças com o ano de 2004, quando o Clube também brigava para não cair.

Petkovic em ação pelo Vasco da Gama em 2004
Petkovic em ação pelo Vasco da Gama em 2004

O Vasco da Gama, mais uma vez, convive com o fantasma do rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Em 2021, o time até que começou bem a competição, chegou a ser líder em dado momento, porém, as más atuações viraram uma constante e, hoje, o time luta para evitar seu quarto rebaixamento na história.

O Twitter NBC Vasco relembrou algumas coincidências de um passado não tão distante onde o Vasco também brigava para não cair e, no final, acabou se salvando do que seria seu primeiro rebaixamento.

No ano de 2004, o Gigante também lutava para não ir para a Série B e na penúltima rodada enfrentou o Athletico-PR, que era o líder do torneio. Neste domingo (14/02), o Cruzmaltino volta a receber o líder do torneio nas rodadas finais (antepenúltima, neste caso) e precisando mais do que nuca da vitória.

Mas voltando há 17 anos atrás, o Vasco também necessitava dos três pontos para se safar e conseguiu, ao derrotar o time paranaense por 1 a 0, que acabou perdendo o título depois. Nesse caso não seria bom se o Internacional deixasse a taça escapar, uma vez que o Flamengo é o principal concorrente do colorado, mas claro que o objetivo principal é que o Vascão da Gama permaneça na elite do futebol brasileiro.

Na ocasião, o gol do Vasco foi marcado pelo zagueiro Henrique, que se profissionalizou no Clube da Cruz de Malta. Atualmente, o Time de São Januário também tem no elenco um defensor revelado nas categorias de base com o mesmo nome, o lateral-esquerdo Henrique.

Outra semelhança é que naquela época, o principal jogador do time era um estrangeiro. O sérvio Petkovic, assim como Germán Cano, foi responsável por comandar o ataque do Vasco e fundamental para a equipe. No Brasileirão, Pet marcou 18 gols e deu 11 assistências.

Confira a ficha técnica da partida entre Vasco e Atlético-PR em 2004

Vasco – Everton; Henrique, Fabiano (Gomes) e Daniel; Thiago Maciel, Ygor, Coutinho, Júnior (Marco Brito), Petkovic e Daniel; Anderson. Técnico: Joel Santana

Atlético-PR – Diego; Marinho, Rogério Corrêa e Marcão; Raulen (Pingo), Alan Bahia (Morais), Fabiano, Fernandinho e Ivan; Denis Marques e Washington. Técnico: Levir Culpi.

Árbitro: Wilson de Souza Mendonça (Fifa-PE)

Cartões amarelos: Henrique (V), Ygor (V), Ivan(A)

Gol: Henrique, aos 21min do segundo tempo

Nenhum comentário ainda.
Deixe sua opinião

Últimas notícias
19 de setembro de 2021
Na luta por um milagre! Vasco enfrenta o Cruzeiro às 16h em São Januário

O Vasco da Gama enfrenta o Cruzeiro em São Januário às 16h, em partida válida pela 25ª rodada da Série B do Brasileiro.

18 de setembro de 2021
Desfalques e pendurados do Vasco contra o Cruzeiro

Desfalques do Vasco da Gama para o jogo contra o Cruzeiro neste domingo, às 16h, no Mineirão, pela 25ª rodada da Série B.

Olho no rival! Escalação do Cruzeiro contra o Vasco

Confira a escalação do Cruzeiro para o jogo contra o Vasco da Gama neste domingo, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Escalação do Vasco contra o Cruzeiro

Confira a escalação do Vasco da Gama para a partida contra o Cruzeiro neste domingo, pela Série B do Brasileiro.

Confira quais canais transmitem o jogo entre Vasco e Cruzeiro

Confira quais canais transmitem a partida entre Vasco da Gama e Cruzeiro, válida pela 25ª rodada da Série B do Brasileiro.

Definida a arbitragem para o jogo entre Vasco e Cruzeiro

Confira a arbitragem para o jogo entre Vasco da Gama e Cruzeiro, neste domingo, em São Januário, pela 25ª rodada da Série B.

Vasco projeta 8 mil ingressos contra o Goiás e 11 mil diante do Coritiba; preço reduzirá

O Vasco da Gama tem o intuito de atingir os 50% de ocupação liberados pela prefeitura no jogo contra o Coritiba, pela 30ª rodada da Série B.

Castan e Graça buscam sequência em dupla antiga, mas pouco usada no Vasco

Zagueiros mais antigos do elenco do Vasco da Gama, Leandro Castan e Ricardo Graça jogaram juntos poucas vezes ao longo dos anos.

Presidente do Fluminense cita caos político no Vasco em comentário sobre voto online

Mario Bittencourt, presidente do Fluminense, colocou a situação política do Vasco da Gama nos últimos anos como um exemplo a não ser seguido.

Nenê celebra reestreia pelo Vasco e destaca participação em gol: ‘Muito feliz’

O meio-campista do Vasco da Gama, Nenê, teve uma boa reestreia e se mostrou muito satisfeito em ter participado do gol diante do CRB.

Veja mais notícias