Rivais! Anderson Martins, Rossi e Gilberto tiveram final parecido no Vasco; relembre

Anderson Martins, Gilberto e Rossi, hoje no Bahia, reencontram o Vasco da Gama neste domingo, em São Januário.

França Fernandes
Por França Fernandes
-  31 de janeiro de 2021 às 08:50-  Atualizada em 31 de janeiro de 2021 às 08:58
Gilberto e Rossi comemoram gol do Bahia contra o Santa Fé-ARG
Gilberto e Rossi comemoram gol do Bahia contra o Santa Fé-ARG (Foto: Marcelo Malaquias)
data-full-width-responsive="true"

As passagens de Anderson Martins, Gilberto e Rossi ainda estão frescas na memória do torcedor vascaíno. Em comum, os três, agora do lado adversário (o Vasco enfrenta o Bahia hoje (31), às 16h, pelo Campeonato Brasileiro), viveram intensamente o microcosmos que é São Januário e acabaram com um final parecido: histórias interrompidas sem um acordo, cada um ao seu modo.

Dos três, o mais marcante é o zagueiro, campeão da Copa do Brasil de 2011 e integrante da campanha que levou o Vasco à Copa Libertadores de 2018 após seis anos. Anderson Martins teve o retorno muito festejado pelos torcedores em 2017 e “namorou” com o status de ídolo, mas ao final daquela temporada, mesmo com uma campanha de cruzmaltinos pedindo sua permanência, preferiu deixar o clube inconformado com os velhos problemas dos salários atrasados. Ele foi, então, para o São Paulo e deixou alguns vascaínos magoados, antes de se transferir para o Bahia nesta temporada.

Gilberto teve uma história interessante. Ele chegou ao Vasco em 2015, por empréstimo do Toronto FC (CAN), ainda lesionado e tendo que se recuperar. Curado posteriormente, foi decisivo no título do Campeonato Carioca de 2015, fazendo gol na semifinal, contra o Flamengo, e na finalíssima, diante do Botafogo. Na ocasião, o atacante queria permanecer em São Januário, mas o Vasco não quis pagar a multa rescisória e o jogador ficou apenas uma temporada, retornando para a Major League Soccer. Atualmente, é um dos principais atletas do Bahia e uma liderança no elenco.

Rossi atuou no clube carioca em 2019. Com um estilo aguerrido e veloz, ganhou a simpatia de muitos torcedores, que o chamavam de “Búfalo”, por conta da comemoração imitando o animal. Ao fim daquela temporada, o Vasco manifestou interesse em sua permanência, mas o atacante recebeu uma tentadora proposta do Bahia e preferiu se transferir. O jogador, porém, sempre que pode, costuma falar com carinho e gratidão sobre o Cruzmaltino. No primeiro turno, inclusive, preferiu não comemorar seu gol na vitória por 3 a 0 na Fonte Nova (BA).

Dois devem ser titulares

Dos três, dois deverão ser titulares na partida de hoje contra o Vasco: Gilberto e Rossi. Foi desta maneira que o Bahia venceu o Corinthians na última quinta-feira (28) por 2 a 1. Anderson Martins ficou no banco de reservas.

Fonte: Uol