WTorre reduz participação na reforma de São Januário

Recuo da empresa de engenharia WTorre na modernização e ampliação de São Januário aumenta as responsabilidades do Vasco da Gama no projeto.

Gráfico do projeto de reforma e ampliação do estádio de São Januário: parceria com a WTorre
Gráfico do projeto de reforma e ampliação do estádio de São Januário: parceria com a WTorre (Foto: Reprodução / Vasco TV)

Sonho de muitos torcedores do Vasco da Gama, o processo de reforma e modernização de São Januário ganhou um obstáculo e tanto. Isso porque a empresa de engenharia WTorre, principal parceira do Cruzmaltino no projeto, decidiu reduzir sua atuação nas obras, que ainda nem haviam saído do papel.

Diante deste fato, o Clube passa a ter que assumir a frente do planejamento, aumentando sua responsabilidade e, consequentemente, a captação de recursos para ter o estádio remodelado. A informação foi publicada originalmente pelo site Papo da Colina e posteriormente pelo Lance.

Vasco e Wtorre celebraram o contrato para revitalização da Colina Histórica em agosto do ano passado, durante a comemoração dos 122 anos do Cruzmaltino, sob a gestão de Alexandre Campello. Na ocasião, foi assinado um documento chamado MOU (sigla em inglês para memorandum of understanding, o que, no português, é um memorando de intenção.

De lá pra cá, uma verdadeira reviravolta do ponto de vista administrativo mudou o rumo da história duas instituições. Walter Torre, fundador e presidente da empresa morreu no final do ano passado. Dois meses depois, Alexandre Campello deixou a cadeira de presidente do Gigante, hoje ocupada por Jorge Salgado, em um processo eleitoral conturbado.

Posição do Vasco

Em nota, o Time da Cruz de Malta adotou tom positivo em relação ao recuo da WTorre no projeto; confira abaixo:

– No MOU assinado em 2020, Vasco e WTorre definiram as condições para juntos desenvolverem o projeto e realizarem a captação dos recursos necessários junto a investidores. A WTorre se responsabilizava por algumas ações preliminares (técnicas e jurídicas) que retornaram para a responsabilidade do Vasco. WTorre permanece participando do projeto trazendo sua experiência na operação e comercialização das propriedades do equipamento. Com isso o Vasco passa também a ter mais liberdade para trabalhar alternativas.

Contrato expirou em Março

A carta de intenções assinada por Vasco e WTorre referente à reforma de São Januário expirou no último dia 22 de março, segundo informou na época o próprio presidente Jorge Salgado. De acordo com fala do mandatário vascaíno, a diretoria manteve conversas regulares com a empresa, pedindo a prorrogação do acordo assinado para poder analisar os termos com mais calma. A intenção do Cube era ganhar tempo para angariar investimentos para obra.

Projeto

O projeto de modernização do complexo de São Januário, incialmente, teve a data de início marcada para o segundo semestre de 2021, com duração de cerca de dois anos e previsão de conclusão para o dia 21 de agosto de 2023, quando o Vasco completa 125 anos.

Entre os principais pontos do projeto, estão o aumento da capacidade do estádio de 22.000 para 43.200 lugares; arquibancada popular coberta nos setores atrás dos gols; preservação da fachada, cobertura, tribuna de honra e capela como elemento arquitetônico; e ampla área de circulação dos torcedores com esplanada para acesso ao estádio com cerca de 20.000 metros quadrados, com melhoria dos acessos e criação de espaços de convivência para o torcedor antes e depois do jogo. O custo seria em torno de R$ 275 milhões.

Leia mais sobreSão JanuárioWTorre
4 comentários
  • Roberto Moulin - 31 de julho de 2021

    Acredito que a obra de modernização e ampliação da capacidade do estádio do nosso querido CR VASCO DA GAMA,para 43.200 torcedores,vai se concretizar,ainda nesta administração e acredito ainda que mais uma vez os verdadeiros vascaínos vão se unir (como no passado) e arrecadar os recursos necessários para essa importante obra.

    Responder
  • Waldionor Monteiro Silva - 16 de julho de 2021

    Com essa turminha no comando não vai acontecer nunca a reformulação do estádio, a obra que precisa acontecer no Vasco de imediato é a reformulação no quadro de beneméritos e diretores, colocar pessoas com outra mentalidade diretores profissionais que trabalhe verdadeiramente para o Vasco!

    Responder
  • Ivan+Carlos+Cardoso - 16 de julho de 2021

    Kkkk VERHONHA OU TRISTEZA

    Responder
    • José Alberto Leandro dos Santos - 17 de julho de 2021

      Sou apoiador das causas vascaínas, independentemente de qual grupo político estiver no poder. As causas vascaínas, para mim, estarão sempre acima das rusgas políticas.

Deixe sua opinião

Últimas notícias
3 de dezembro de 2021
Jurídico do Vasco teria enviado pré-contrato a Zé Ricardo sem avaliação do financeiro

Para desfazer o problema, departamento financeiro do Vasco da Gama teria solicitado que o documento fosse ”devolvido” para ser reavaliado.

Grupo político Malta do Vasco critica gestão Salgado e possível SAF: ‘Não serve’

Em tom bastante crítico, Malta do Vasco da Gama se referiu a Salgado como ”presidente sob judice” e afirmou que SAF não serve para o Clube.

Empresário de Cano elogia Salgado mas pondera sobre negociação: ‘Não será fácil’

Jose Costanzo, responsável por gerir a carreira de Germán Cano e negociar com o Vasco da Gama, afirmou que Salgado é alguém ”muito correto”.

Parazinha e Bento fala sobre o jogo contra o Fluminense pelo Carioca Feminino Sub-18

A lateral-esquerda e Parazinha e o técnico Leonardo Bento falaram sobre o clássico que o Vasco da Gama terá pela frente na competição.

Vasco inicia tratativas para manter Germán Cano; Daniel Amorim está em espera

O Vasco da Gama espera que o atacante Germán Cano aceite uma redução salarial, mas a dívida de R$ 3,5 milhões pode ser impasse.

Flamenguista, Marcelo Freixo conta quando foi zoado por aluno vascaíno de forma épica

O deputado federal, Marcelo Freixo, contou que foi zoado pelo aluno após o Vasco da Gama vencer o Carioca de 88 sobre o Flamengo.

61 beneméritos assinam carta-aberta com críticas a Salgado e contra a SAF

Os 60 beneméritos e grandes beneméritos fizeram fortes críticas ao presidente Jorge Salgado e a criação da SAF no Vasco da Gama.

Clubes de São Paulo e Minas Gerais teriam sondado Tiago Reis

De volta após empréstimo ao Confiança, o atacante do Vasco da Gama, Tiago Reis, está com o futuro indefinido em São Januário.

Confira os melhores momentos de Vasco 2 x 2 Fonseca pela Copa Liga Rio de Futsal

Assista aos melhores momentos da classificação do Vasco da Gama para a final da Copa Liga Rio de Janeiro de Futsal.

Vasco empata com o Volta Redonda no 1º jogo da final da Taça Rio Sub-15

Nesta sexta-feira o Vasco da Gama empatou com o Volta Redonda no 1º jogo da final da Taça Rio Sub-15, no Estádio Raulino de Oliveira.

Veja mais notícias