Vasco vence o Caracas por 1 x 0 em São Januário pela Sul-Americana

O Vasco da Gama venceu o Caracas por 1x0 nestaquarta-feira (28), em São Januário, pela Copa Sul-Americana.

Tiago Reis marcou o gol da vitória do Vasco contra o Caracas
Tiago Reis marcou o gol da vitória do Vasco contra o Caracas (Foto: Reuters)

O Vasco derrotou o Caracas por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), pela partida de ida da segunda fase da Copa Sul-Americana. Tiago Reis fez o único gol do jogo.

Com este resultado o Vasco depende de um simples empate na partida de volta, na Venezuela, para garantir a classificação. Também serve aos brasileiros derrota por um gol de diferença. Mas a partir de 2 a 1, uma vez que os tentos anotados como visitante valem como critério de desempate. Aos venezuelanos resta devolver o 1 a 0 e forçar a disputa de pênaltis ou ganhar por dois ou mais gols de vantagem.

O jogo

O Vasco começou o jogo pressionando, mas com a velha dificuldade de ser criativo. Um problema ampliado pelas ausências de Benitez e de Cano. O Caracas, por sua vez, estava bem postado no campo de defensivo, tornando a tarefa dos brasileiros ainda mais complicado.

A dificuldade fez com que o Vasco criasse a primeira oportunidade de gol aos 18 minutos. Talles Magno acionoi Leonardo Gil que cruzou, Ribamar, de cabeça, cabeceou por cima, desperdiçando grande oportunidade. Quatro minutos depois foi a vez de Cayo Tenório cruzar e Talles Magno cabecear para a defesa de Velásquez.

Com problemas para penetrar na defesa rival, o Vasco insistia nas jogadas aéreas, facilmente neutralizadas pelo adversário. Além disso tentava os chutes de fora da área. Mas aí a marcação era o problema e dificultava a finalização.

No último lance de perigo do primeiro tempo, aos 41 minutos, Vinícius cruzou e Carlinhos escorou de cabeça, assustando o goleiro do time venezuelano.

O Vasco voltou ainda mais ofensivo para o segundo tempo, com um pouco mais de movimentação. Aos nove minutos, após boa jogada de Talles Magno, a bola sobrou para Andrey chutar para fora. Mas a a maior oportunidade viria aos 12 minutos. Henrique penetrou na área e foi derrubado por Casiani. O árbitro peruano Michael Espinoza marcou corretamente a penalidade. Mas Carlinhos cobrou muito mal, praticamente recuando a bola e facilitando a defesa de Velásquez.

O Vasco sentiu o golpe e desanimou. Assim o Caracas adiantou a marcação e deu o primeiro chute a gol aos 26 minutos, em uma cobrança de falta de Hernández, defendida por Fernando Miguel. A situação vascaína piorou aos 39 minutos quando Ygor Catatau, que tinha entrado um pouco antes, foi expulso por sequência de faltas.

Quando tudo indicava que o Vasco se complicaria o time abriu o marcador aos 43 minutos. Andrey acionou Guilherme Paredes, que cruzou rasteiro. Tiago Reis, que tinha acabado de entrar, chutou para estufar a rede.

Nos acréscimos Talles Magno recebeu na área após belo passe de Tiago Reis, mas chutou para fora. Era a última chance do jogo.

O duelo de volta entre as duas equipes acontecerá no dia 4 de novembro, a quarta-feira da próxima semana, na Venezuela. Antes disso, no domingo, às 20h30(de Brasília), o Cruzmaltino visita o Goiás no Estádio da Serrinha, em Goiânia (GO), pelo Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA:
VASCO-BRA 1 X 0 CARACAS-VEN

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 28 de outubro de 2020 (Quarta-feira)
Hora: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Michael Espinoza (Peru)
Assistentes: Coty Carrera (Peru) e Raul Lopes Cruz (Peru)
Cartões amarelos: Cayo Tenório e Ygor Catatau (Vasco) e Guarirapa e Febres (Caracas)
Cartões vermelhos: Ygor Catatau (Vasco)
Gols:
VASCO: Tiago Reis aos 43 minutos do 2º Tempo

VASCO: Fernando Miguel, Cayo Tenório, Miranda, Leandro Castán e Henrique; Andrey, Leonardo Gil (Marcos Júnior) e Carlinhos (Guilherme Paredes); Vinícius (Ygor Catatau), Talles Magno e Ribamar (Tiago Reis)
Técnico: Ricardo Sá Pinto
CARACAS: Velásquez, Casiani, Villanueva, Osio e Notaroberto; Castillo, Junior Moreno (Andreutti), Luis González (Guarirapa), Robert Hernández (Bonsu Osei) e Celis (Edgar Silva); Blanco (Febres)
Técnico: Noel Sanvicente

Fonte: Gazeta Esportiva

Leia mais sobreCaracasSul-Americana
1 comentário
  • Vlademir Aluísio Costa - 29 de outubro de 2020

    Parabéns! Jogou muito meu Vascão! Não fosse o Frodo VAR! E o a!ar no pênalti mau cobrado teríamos três gols..

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
10 de maio de 2021
Vasco esclarece que contrato com a Havan é de R$ 4,2 milhões

O Vasco da Gama esclareceu que o contrato com a Havan é de R$ 4,2 milhões anuais e não R$ 2,8 milhões, como divulgado antes.

Sub-20: Vasco x Internacional será nesta sexta-feira com transmissão pelo SporTV

A garotada do Vasco da Gama enfrenta o Internacional nesta sexta-feira, no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil Sub-20.

Marcelo Cabo deve contar com reforços para a decisão contra o Botafogo

O técnico do Vasco da Gama, Marcelo Cabo, deve contar com os jogadores que foram poupados no jogo de volta contra o Madureira.

Juninho nervoso e sonho realizado: Mauro Galvão relembra Libertadores pelo Vasco

O ídolo do Vasco da Gama, Mauro Galvão, ainda disse que a imagem mais marcante daquela Libertadores foi quando ergue o troféu de campeão.

Vasco não chega a acordo com funcionários demitidos sobre parcelamento de verbas

A proposta apresentada pelo Vasco da Gama aos funcionários foi debatida em assembleia em São Januário, mas rejeitada pela maioria presente.

Patrocínio da Havan ao Flamengo pode ser 3 vezes maior que o valor pago ao Vasco

O valor do patrocínio da Havan ao Flamengo pode ser superior em até três vezes em relação ao que a empresa paga ao Vasco da Gama.

Neto Borges recorre de decisão e busca rescindir contrato com o Vasco na Justiça

Nesta segunda-feira o lateral-esquerdo Neto Borges recorreu da decisão que negou sua rescisão contratual indireta com o Vasco da Gama.

Vasco prorroga promoção e aumenta desconto em camisas após 30º gol de Cano

O Vasco da Gama deu mais 14 dias de promoção e aumentou o desconto para 30%, em referência ao gol de Germán Cano contra o Madureira.

Vasco parabeniza Luan pelo seu aniversário de 28 anos: ‘Tudo de bom para você!’

O Vasco da Gama utilizou o Instagram para parabenizar o zagueiro Luan, hoje no Palmeiras, que está fazendo 28 anos nesta segunda-feira.

Parceira do Vasco, Havan fecha patrocínio com o Flamengo

A Havan, empresa que patrocina o Vasco da Gama desde o ano de 2020, vai estampar sua marca na camisa do Flamengo.

Veja mais notícias