Vasco ultrapassa R$ 23 milhões em patrocínios e ainda negocia com outras marcas

Vasco da Gama passou dos R$ 23 milhões com receita de patrocinadores e ainda espera acertar com novos parceiros.

Diretores do Vasco e membros da Pixbet
Diretores do Vasco e membros da Pixbet (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)

A gestão de Jorge Salgado fechou seu primeiro grande patrocínio. Nesta quarta, o Vasco anunciou a parceria com a PixBet. A empresa brasileira do ramo de apostas esportivas vai pagar R$ 9 milhões para estampar sua marca no principal espaço da camisa até dezembro de 2022. Com o acordo, o uniforme passa a valer mais de R$ 23 milhões, e o clube tem negociações em andamento para outras parcerias.

O planejamento é valorizar ainda mais o uniforme, que já tem um valor superior ao do ano passado, por exemplo. Em 2020, com o clube na Série A, o Vasco recebia R$ 14 milhões com patrocínios na camisa.

Até então patrocinador master, o BMG será reposicionado e passará para a parte superior das costas da camisa. Em 2019, quando fechou com banco, o clube colocou uma cláusula no contrato que permitia, em caso de um valor superior, o deslocamento da marca para outra parte do uniforme, garantindo a exposição. O valor pago anualmente pelo banco ao Vasco é de R$ 5 milhões e será mantido, apesar da mudança.

No entanto, a valor do BMG pode aumentar de acordo com variáveis. Hoje são 149.604 contas abertas por vascaínos no banco. O clube recebe um percentual de cada conta aberta.

Além de PixBet (peito) e BMG (parte superior das costas), a camisa do Vasco ainda conta com os patrocínios de Havan (mangas), Tim (dentro dos números) e Forte Aliança (omoplata). Somados, os cinco patrocinadores rendem mais de R$ 23 milhões ao clube. O Vasco ainda tem pelo menos duas negociações bem encaminhadas e planeja preencher o uniforme em breve. Hoje, estão “livres” a barra frontal, a barra das costas, calção e meião.

Na semana passada, em entrevista ao ge, o CEO do Vasco, Luiz Mello, afirmou ter recusado várias ofertas de patrocínio. Segundo o dirigente, muitas empresas que procuraram o clube planejavam pagar um valor menor pelo fato de o clube estar na Série B.

– Temos que reposicionar a marca, e a torcida do Vasco é engajada independentemente de onde eu esteja, Série A ou Série B. A gente recusou propostas de gente que falou que queria pagar um valor na Série A e outro na Série B. Quando eu paro para analisar esse patrocinador, eu falo: “O Vasco é grande independentemente da série em que ele está”. Qual é a sua régua de comparação? É audiência? Eu estou dando audiência no domingo às 16h na Globo. Já tive alguns jogos lá.

– A sua régua de mensuração é impacto no Twitter? Eu sou top 5 na América. Eu estou top 3 no YouTube, falando só do mês de setembro. Então o que você acha que eu não entrego na Série B que você gostaria de ter? Aí eles dizem: “Ah, não, mas você tem que entender o mercado”. E eu respondo: “Amigão, eu vendo o Vasco”. Esse é um posicionamento interno nosso de que o Vasco é grande, independentemente de onde estiver – disse Luiz Mello.

Além das negociações com patrocinadores, o Vasco concluiu recentemente o mapeamento digital do clube e, em breve, irá ao mercado comercializar suas propriedades digitais.

Fonte: Globo Esporte

2 comentários
  • Marcos Antonio de Souza - 23 de outubro de 2021

    Parabéns a gestão Salgado. Transparência e profissionalismo é do o Clube precisa. Chega de amadorismo e paixonites, assim como o arquirrival o Clube necessita se modernizar para se manter competitivo. O Vasco é o clube mais simpático do Brasil, deixem essa gestão trabalhar e aqueles que dizem fazer melhor se lancem as próximas eleições.

    Responder
  • Leandro - 22 de outubro de 2021

    Tomara que todo esse dinheiro seja utilizado prol do CLUBE.
    Se for bem utilizado, pode resultar em muitas melhorias.
    É a chance de se levantar de vez.

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
1 de dezembro de 2021
Andrey se despede do Vasco: ‘Aqui sempre vai existir um coração vascaíno’

Na despedida do Vasco da Gama, o volante Andrey publicou um emocionado texto de despedida citando a trajetória e agradecendo.

Números de Michel, Ernando e Walber pelo Vasco

Confira os números de Michel, Ernando e Walber, que estão oficialmente fora do Vasco da Gama para a próxima temporada.

Gilmar Ferreira afirma que Zé Ricardo está apalavrado com o Vasco

Grande favorito para assumir o Vasco da Gama, o técnico Zé Ricardo ainda não resolveu todas as pendências com o Qatar SC, seu ex-clube.

Fora do Vasco, Andrey analisa proposta de clubes da Série A e do exterior

Depois de oficializada a saída do Vasco da Gama, o volante Andrey agora busca um novo destino, o que ainda está em aberto.

Vasco confirma saídas de Ernando, Michel e Walber

O Vasco da Gama confirmou nesta quarta-feira que Michel e dos zagueiros Ernando e Walber não seguiram no Clube.

Andrey deixa o Vasco após 17 anos

Formado na base, o volante Andrey, que está em São Januário desde 2004, deixou o Vasco da Gama depois de 17 anos.

Vasco vence o Karanba por 1 x 0 pelo Carioca Feminino Sub-18

As meninas do Vasco da Gama venceram o Karanba por 1×0, no Estádio Nivaldo Pereira, pela terceira rodada do Carioca Feminino Sub-18.

Vasco encerra negociações com Ricardo Gomes

O Vasco da Gama encerrou as negociações com Ricardo Gomes, que seria contratado para o cargo de CEO de futebol.

Dispensado pelo Vasco, Michel se reapresentará ao Grêmio

O volante Michel se reapresentará ao Grêmio após passagem apagada pelo Vasco da Gama na Série B do Campeonato Brasileiro.

Cristóvão ressalta importância de Juninho em retorno ao Vasco: ‘Salvou a gente muito’

O ex-técnico do Vasco da Gama, Cristóvão Borges, destacou a qualidade do ídolo Juninho Pernambucano na bola parada e o profissionalismo.

Veja mais notícias