Vasco com 3 zagueiros é opção viável, mas não pode ter Henrique como ala

Miranda, Graça e Castan juntos, como trio de zaga, faria o Vasco da Gama precisar atuar com alas ofensivos, e Henrique não seria esse jogador.

Henrique em campo contra o Santos
Henrique em campo contra o Santos (Foto: Richard Callis)

O Vasco da Gama que entrou em campo e foi goleado por 4×1 pelo Atlético-MG no último domingo (04), no Mineirão, em Belo Horizonte, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, teve, pela primeira vez, seu setor defensivo formado por Miranda, Ricardo Graça, Leandro Castan e Henrique.

Embora os três primeiros sejam zagueiros de ofício, Miranda atuou improvisado como lateral-direito, com o Vasco escalado no 4-3-3.

Já Henrique, que atua pelos profissionais do Gigante da Colina desde 2013, apesar de ser originalmente lateral-esquerdo, viveu seus melhores momentos no Cruzmaltino escalado pelo técnico Ramon Menezes como um ”falso” zagueiro pela esquerda, recentemente.

Pois bem, embora contra o Galo não tenha dado certo, vide o placar, a ideia de utilizar Miranda, Graça e Castan juntos é válida, pois são jogadores de qualidade, com bom potencial defensivo. Acontece que, na opinião deste que vos escreve, eles devem jogar como trio de zaga, mesmo, e não como uma linha de quatro como foi na derrota para os atleticanos.

Jogando com três zagueiros, o Vasco teria o apoio de alas no setor de ataque. Na direita, infelizmente Yago Pikachu não vive boa fase, mas é um jogador com características para desempenhar essa função. Caso ele não consiga recuperar o futebol de outrora, Cayo Tenório, também ofensivo, poderia ser testado. Ou até mesmo Antonio Valencia, fortemente especulado no Gigante e que está em negociações com o Clube.

.Já na esquerda é onde está o problema. ”Queridinho” de Ramon, Henrique deixa muito a desejar no apoio. Ele não é um jogador de drible, de velocidade, habilidade ou de cruzamentos precisos. Até por isso se ”encontrou” atuando mais recuado, praticamente sem subir ao ataque.

Com isso, é impensável ver o Vasco no 3-5-2 ou 3-4-3 com Henrique ocupando a ala-esquerda. Simplesmente, não dá. No atual elenco, as opções imediatas seriam Neto Borges, que deixou boa impressão nas vezes em que foi escalado, e Riquelme, cria das categorias de base do Clube e tido como uma grande promessa cruzmaltina (inclusive sendo chamado para integrar os treinos da seleção brasileira na Granja Comary).

Ambos são ofensivos e, de maneira oposta a Henrique, têm no drible e habilidade seus principais atributos. Num primeiro momento, Neto Borges leva vantagem, pelo fato de ser mais experiente e já ter sido aproveitado por Ramon Menezes, enquanto Riquelme sequer estreou pelos profissionais.

Fernando Miguel; Miranda, Leandro Castan e Ricardo Graça; Yago Pikachu (Cayo Tenório), Andrey, Juninho, Martín Benítez e Neto Borges (Riquelme); Vinícius (Talles Magno) e Germán Cano. Essa possível escalação seria uma alternativa interessante a ser, no mínimo, testada. Alô, Ramon!

Leia mais sobreHenriqueHenrique
2 comentários
  • Silvio Lucio de Souza - 6 de outubro de 2020

    Henrique nunca foi jogador, não marca, não apoia, é mediocre, dificil entender como o cara se torna profissional, deve ter empresário no meio disso.

    Responder
  • Ituassu - 6 de outubro de 2020

    Concordo com vc em ter 3 zagueiros, mas realmente tirando o Henrique e colocando o Borges. O problema é quem seria sacado do time pra entrar o Miranda.
    Mas se colocar Ricardo e Castan sem o Henrique, e por os dois laterais pra apoiar, o Vasco vai crescer mto. Enquanto o Ramon insistir com Henrique, o Vasco vai sempre jogar com 1 a menos. Deixa de ser cego e burro Ramon.
    Esse é o time: FM, Castan, Ricardo, Neto, Pikachu, Andrey, Juninho, Benitez, Vinicius, Talles e Canon. Sem claro, essa coisa de lateral fixo como falso zagueiro. Não inventa e deixa de ser retranqueiro Ramon.
    Escala pfv esse time jogando como todos os outros times jogam, com os laterais apoiando. Aí vc vai ver esse Vasco decolar. Se vc não fizer isso, teus dias tão contados Ramon. Tô avisando, como ja avisei pra todos antes de ti que foram demitidos.
    SV

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
26 de setembro de 2021
Vasco termina 26ª rodada da Série B a 7 pontos do G4

Com os resultados da 26ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Vasco da Gama está a sete pontos do G4.

Fernando Diniz exalta experiência de Nenê e clima do vestiário após vitória vascaína

Técnico do Vasco da Gama, Fernando Diniz elogiou Nenê e falou sobre o clima no vestiário após vitória sobre o Brusque.

Confira quais canais transmitem o jogo entre Vasco e Goiás

Confira quais canais transmitem o jogo entre Vasco da Gama e Goiás nesta segunda-feira, em São Januário, pela Série B do Brasileiro.

25 de setembro de 2021
Presidente do Fortaleza exalta o Vasco: ‘Continua sendo gigante e talvez volte maior’

Presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, exalta grandeza do Vasco da Gama e afirma que talvez o time volte mais forte para a Série A.

Diniz evita falar do VAR e explica ajustes após expulsão de Léo Matos

Treinador do Vasco da Gama, Fernando Diniz, evita falar sobre atuação do VAR e explica alterações na equipe após a expulsão de Léo Matos.

Nenê veste camisa da Força Jovem e agradece pelo carinho; assista

Meia do Vasco da Gama, Nenê, grava vídeo com a camisa da torcida organizada Força Jovem e agradece o carinho dos torcedores.

Padre Julinho vira meme entre vascaínos, que fazem doações à sua paróquia

Padre Julinho, que benzeu o estádio do Vasco da Gama, virou meme e recebeu doações via Pix após vitória da equipe contra o Brusque.

Vasco empata com o Flamengo pela Taça Guanabara Sub-17; Sub-15 perde

Sub-17 do Vasco da Gama empata com o Flamengo pela Taça Guanabara, e o Sub-15 é derrotado na mesma competição.

Título, acesso e rebaixamento: as probabilidades do Vasco na Série B

O Vasco da Gama diminuiu as chances de acesso e título com o empate diante do Brasil de Pelotas, pela 24ª rodada da Série B.

‘Sai do gol caralh@’, disparou Castan para Vanderlei durante o jogo contra o Brusque

O zagueiro do Vasco da Gama, Leandro Castan, não ficou satisfeito com a decisão de Vanderlei em não sair do gol em lance no primeiro tempo.

Veja mais notícias