Tauan Montalvão: a incompetência da ‘Gestão Salgado’ envergonha o vascaíno

O Vasco da Gama vive a pior fase da sua história, disputando pela 2ª vez consecutiva a Série B do Campeonato Brasileiro.

Jorge Salgado, presidente do Vasco
Jorge Salgado, presidente do Vasco (Foto: Divulgação/ Vasco)

O Vasco da Gama passa o maior vexame da sua história e isso não é por acaso. Desde que o presidente Jorge Salgado assumiu o Clube, o que é notável é uma venda barata de imagem positiva, sendo que na verdade a situação do Clube a cada dia mais se deteriora.

Logo após o rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro, o discurso de Salgado e do seu fiel escudeiro, Alexandre Pássaro, demitido recentemente sob grande pressão da torcida e de aliados do presidente, era de priorizar a Série B.

O ‘focar na Série B’ custou ao Vasco uma campanha dramática no Campeonato Carioca, no qual o time não conseguiu nem mesmo ficar entre os quatro primeiros melhores na competição estadual. Por aí já era possível imaginar como seria a Série B, porém mesmo assim a diretoria fez vista grossa e não investiu em contratações.

A insistência do então técnico da equipe, Marcelo Cabo, em um elenco que não condiz com a grandeza do Vasco fizeram o Operário-PR ‘tirar onda’, já na estreia da competição, vencendo por 3×0 em São Januário. Ou seja, as ‘desculpas’ para os péssimos jogos no Estadual, de que o time estava se encaixando para a Série B, caíram por terra, e assim seguiu o Vasco apostando na sorte.

Em entrevista coletiva já na reta final da competição, Jorge Salgado comentou a possibilidade do time permanecer no 2º escalão por mais uma temporada. Ali foi a imagem ideal do conformismo, quando ele projetou o acesso no ano seguinte, como se a 2ª divisão fosse o lugar conforto para o Cruzmaltino.

A quase certeza do fracasso veio na derrota para o Botafogo por 4×0 no dia 07 de novembro, também no Estádio de São Januário, que infelizmente não mete medo mais em ninguém. Poucos dias depois veio o ‘tiro de misericórdia’, na derrota por 3×0 para o Vitória, confirmando a permanência do Gigante da Colina na Série B. Pobre vascaíno!

Vergonha! Esse é o sentimento do torcedor não somente pelo time não conseguir retornar à elite do futebol nacional, e sim por ver a equipe em campo errando passes de cinco metros. Vergonha por ver crias da base jogando como se estivesse em outro planeta e além disso ver uma diretoria que não passa segurança sobre o futuro do Clube.

Enquanto isso milhões de torcedores sofrem, e o problema principal é que desde o dia 22 de janeiro de 2021 quando Jorge Salgado foi empossado presidente do Clube, ele pouco se manifesta sobre sua gestão pífia, mas quando há três vitórias seguidas a ‘Vasmídia’ entra em ação com campanhas ‘mirabolantes’ que não acrescentam nada no futebol.

Aguardamos os próximos capítulos da austeridade que em outras palavras pode-se dizer mediocridade.

Leia mais sobreJorge Salgado
5 comentários
  • Carlos - 18 de novembro de 2021

    esse presente tem q sair

    Responder
  • Marconi - 17 de novembro de 2021

    Se esse presidente do Vasco não enxergar mais a frente, o Vasco vai cair para série C.
    É hora de esquecer o que passou, apesar de tudo, vamos lembrar que o Vasco é um grande clube.
    Como tal, deve permanecer na elite do futebol.

    Responder
  • Marcos Paulo Costa - 17 de novembro de 2021

    O ideal é esse maldito presidente fake ser expulso da mesma forma que entrou, através do golpe.

    Responder
  • ILDSON ALVES - 16 de novembro de 2021

    Verdade, sou torcedor apaixonado do Vasco, mas infelizmente com essa diretoria não temos esperança de melhoras. Pobre Vasco da Gama.

    Responder
  • Wellington Leandro Celestino - 16 de novembro de 2021

    Um ano lamentável…….
    Muita mudança tem que ser feito para 2022, senão a tendência e piorar cada vez mais..

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
23 de janeiro de 2022
Caio Lopes deve acertar com o Leganés, da 2ª divisão da Espanha

Cria da base do Vasco da Gama, meia Caio Lopes deve acertar sua transferência para o Leganés, da segunda divisão da Espanha.

Confira a programação semanal do futebol profissional do Vasco

Veja a agenda do futebol do Vasco da Gama na semana em que a equipe faz sua estreia no Campeonato Carioca.

Ex-Vasco, Alan Kardec pode voltar ao futebol brasileiro

Atacante revelado na base do Vasco da Gama, Alan Kardec está há quatro meses sem receber salários na China.

Confira o provável time do Vasco na estreia do Carioca contra o Volta Redonda

Veja a provável escalação que o técnico Zé Ricardo deve mandar a campo na estreia do Vasco da Gama no Campeonato Estadual.

Às vésperas do Carioca, Castan e Vanderlei seguem com futuro indefinido no Vasco

Com a estreia do Estadual batendo na porta, Leandro Castan e Vanderlei seguem com suas situações incertas no Vasco da Gama.

Elenco campeão da Copinha 1992 se reúne para celebrar 30 anos da conquista

Estiveram presentes nomes como Pimentel, Alex Pinho, Leandro Ávila e Valdir Bigode; Vasco da Gama faturou o título do torneio sobre o SP.

Parabéns, fera! Juninho completa 21 anos neste domingo

Uma das principais promessas do Vasco da Gama, Juninho nasceu em 23 de janeiro de 2001; em 2022, meio-campista deve ter mais protagonismo.

Definida a arbitragem para o jogo entre Volta Redonda e Vasco

Confira a arbitragem para o jogo entre Volta Redonda e Vasco da Gama nesta quarta-feira, no Raulino de Oliveira, pelo Carioca.

Vasco estaria tentando redução salarial para manter Vanderlei no elenco

Caso o goleiro aceite a sugestão, a tendência é que continue no Vasco da Gama para 2022, disputando posição com Thiago Rodrigues e Halls.

Vasco estreará no Carioca com equipe reformulada

O Vasco da Gama vem reformulando a equipe buscando fazer um boa temporada e mirando o acesso à Série A do Brasileiro.

Veja mais notícias