Salgado comenta os 97 anos da Resposta Histórica e interesse no Maracanã

O presidente Jorge Salgado disse que é dever do Vasco da Gama seguir na luta contra o racismo, e que o Maracanã é estratégico para o Clube.

Avatar
Por Willams Meneses
-  7 de abril de 2021 às 14:48-  Atualizada em 7 de abril de 2021 às 14:54
Jorge Salgado toma posse em definitivo
Jorge Salgado toma posse em definitivo (Foto: Jorge Porciuncula/Vasco.com.br)
data-full-width-responsive="true"

Em publicação no Twitter destinada ao vascaínos, o presidente do Vasco da Gama, Jorge Salgado, se manifestou sobre dois assuntos que estão em destaque nesta quarta-feira (07) no noticiário vascaíno.

O mandatário vascaíno destacou o aniversário de 97 anos da Resposta Histórica, dizendo que a luta ainda continua e que o Vasco tem o dever de continuar na liderança de causas contra o racismo, além de injustiças sociais de qualquer natureza.

– Hoje é um dia especial para nós. Celebramos os 97 anos da Resposta Histórica que tanto nos orgulhamos, cientes que a luta ainda não acabou. É dever do Vasco seguir liderando as causas contra o racismo e as injustiças sociais.

Em seguida, o presidente destacou um trecho da Resposta Histórica: “São esses doze jogadores, jovens,….., e o ato público que os pode macular, nunca será praticado com a solidariedade dos que dirigem a casa que os acolheu, nem sob o pavilhão que eles com tanta galhardia cobriram de glórias”.

A Resposta Histórica foi uma carta redigida pelo então presidente do Vasco, José Augusto Prestes, em 7 de abril de 1923, para a AMEA, se negando a excluir 12 jogadores negros e operários do seu elenco, cravando ali um marco na luta contra o racismo.

Jorge Salgado também comentou o encontro com o governador do Rio de Janeiro, Claudio Castro, para oficializar o interesse na licitação do Maracanã. O presidente relembrou o protagonismo na construção da lenda do estádio, e afirmou que o retorno ao estádio é uma decisão estratégica para o futuro do Clube.

– Ao reverenciar o passado, projetamos nosso futuro. Estive ontem com o governador Claudio Castro para oficializar o interesse do Vasco na licitação do Maracanã. Fomos protagonistas na construção da lenda do maior palco do futebol mundial. Voltar para o Maracanã é uma decisão estratégica para o futuro do Vasco e perfeitamente compatível com nosso projeto de modernização de SJ. Em frente!

O Vasco vê o Maracanã como alternativa para mandar suas partidas enquanto São Januário é reformado, o que está previsto para começar no segundo semestre deste ano, deixando o estádio fechado até agosto de 2023. A licitação deve ser lançada pelo Governo do Estado em breve.