PVC culpa Alexandre Campello por fracasso de Ricardo Sá Pinto no Vasco

O jornalista PVC afirmou que o maior fracasso de Ricardo Sá Pinto pelo Vasco da Gama é Alexandre Campello.

Paulo Vinícius Coelho
Paulo Vinícius Coelho (Foto: Reprodução/Bem, Amigos/SporTV))

O maior fracasso da passagem de Sá Pinto pelo Vasco é do presidente Alexandre Campello. Foi quem perguntou se o momento certo para demitir Ramon Menezes seria quando o time estivesse na zona de rebaixamento. Ramon caiu depois de perder para o Bahia, quando a equipe estava em décimo lugar. Alexandre Graselli assumiu interinamente e, quando Sá Pinto estreou, já estava em 15o. Hoje é o décimo sétimo.

Campello esperou chegar à zona de rebaixamento para fazer as mudanças necessárias no clube que dirige? A pergunta existe, porque não se trata de um clube sempre brigando por títulos, mas que tem vivido na parte baixa da tabela, entra técnico, sai técnico. Com Luxemburgo, ano passado, terminou em 12o lugar.

Da definição de que os treinadores estrangeiros transformariam o futebol brasileiro às demissões de portugueses e espanhois no intervalo de 15 jogos não durou um ano sequer. Jesualdo Ferreira caiu em julho, após perder a classificação nas quartas-de-final do Campeonato Paulista, para a Ponte Preta. Foram 6 vitórias, 4 empates e 5 derrotas. Quem mede o trabalho de um técnico em quinze partidas?

Sá Pinto deixa o cargo após três vitórias, seis empates e seis derrotas. Muito ruins os resultados, sem dúvida. Mas só por causa do técnico?

O mesmo vale para Keisuke Honda. Contratado para ser marketing, ajudou o Botafogo a vender R$ 1 milhão em camisas oficiais em um mês. Mas não existe marketing tão bom quanto ser campeão. Honda tinha quatro partidas pelo Vitesse, em sua última experiência antes de chegar a General Severiano. O passado recente não indicava a contratação, apesar do sucesso no CSKA, da passagem pelo Milan e de ser o único jogador com gol e passe para gol nas últimas três Copas do Mundo.

Assim como Kalou, sua contratação foi mercadológica, não técnica. O mercado do Botafogo é reconquistar torcedores jovens, o que só haverá com conquistas de troféus.

Honda disputou 29 partidas e teve sete treinadores neste período. Exerce a cláusula de rescisão e sai por perceber que o Botafogo tem apenas uma coisa em dia: os salários. É grave quando um clube entende que está cumprindo seu papel por cumprir apenas um item básico e obrigatório.

Quem está errado é o protocolo do futebol brasileiro.

Fonte: Blog do PVC

Leia mais sobrePVCRicardo Sá Pinto
4 comentários
  • Luiz Prado - 30 de dezembro de 2020

    É muito cômodo, é moda, culpar Campello. Claro que ele é responsável final por tudo. Mas o prezado jornalista sabe quem buscou, bancou e segurou Sá Pinto no cargo.
    E ele teve a melhor das intenções…
    Ter a informação e não repassar é irresponsabilidade (?) do jornalista que joga para a torcida.
    Pior, parcela da torcida que não ajuda o Vasco…. como ele…. especula e critica… agita…outro adepto do quanto pior melhor.

    Responder
  • ATENÇÃO 300 - 29 de dezembro de 2020

    TOMA VERGONHA NA CARA, E DEIXA O PRESIDENTE ELEITO ASSUMIR ESSA BARCA FURADA, COM PROJETOS DE VERDADE!!!
    NÃO ENTENDO PORQUE OS VOTOS DA MAIORIA NÃO SÃO RESPEITADOS…
    VCS ESTÃO ESPERANDO A GALERA SE UNIR E QUEBRAR A PORRA TODA NÉ?
    SEUS VERMES DESGRAÇADOS!!!

    Responder
  • Carlos Antunes Ferreira da Silva - 29 de dezembro de 2020

    Feito PVC, não só este fato,como tudo que não andou no Vasco é culpa do Campello maior auê que fez pra se eleger fez o quê?

    Responder
  • junin - 29 de dezembro de 2020

    E Com toda razão. Esse bosta aprendiz de presidente , ficou longos três anos esquentando a cadeira e n aprendeu porra nenhuma de administração , só conseguiu levar o nome do clube ao ridiculo.!!

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
3 de dezembro de 2021
Empresário de Cano elogia Salgado mas pondera sobre negociação: ‘Não será fácil’

Jose Costanzo, responsável por gerir a carreira de Germán Cano e negociar com o Vasco da Gama, afirmou que Salgado é alguém ”muito correto”.

Parazinha e Bento fala sobre o jogo contra o Fluminense pelo Carioca Feminino Sub-18

A lateral-esquerda e Parazinha e o técnico Leonardo Bento falaram sobre o clássico que o Vasco da Gama terá pela frente na competição.

Vasco inicia tratativas para manter Germán Cano; Daniel Amorim está em espera

O Vasco da Gama espera que o atacante Germán Cano aceite uma redução salarial, mas a dívida de R$ 3,5 milhões pode ser impasse.

Flamenguista, Marcelo Freixo conta quando foi zoado por aluno vascaíno de forma épica

O deputado federal, Marcelo Freixo, contou que foi zoado pelo aluno após o Vasco da Gama vencer o Carioca de 88 sobre o Flamengo.

61 beneméritos assinam carta-aberta com críticas a Salgado e contra a SAF

Os 60 beneméritos e grandes beneméritos fizeram fortes críticas ao presidente Jorge Salgado e a criação da SAF no Vasco da Gama.

Clubes de São Paulo e Minas Gerais teriam sondado Tiago Reis

De volta após empréstimo ao Confiança, o atacante do Vasco da Gama, Tiago Reis, está com o futuro indefinido em São Januário.

Confira os melhores momentos de Vasco 2 x 2 Fonseca pela Copa Liga Rio de Futsal

Assista aos melhores momentos da classificação do Vasco da Gama para a final da Copa Liga Rio de Janeiro de Futsal.

Vasco empata com o Volta Redonda no 1º jogo da final da Taça Rio Sub-15

Nesta sexta-feira o Vasco da Gama empatou com o Volta Redonda no 1º jogo da final da Taça Rio Sub-15, no Estádio Raulino de Oliveira.

Confira vídeo sobre a captação de atletas para o Remo do Vasco

Assista ao vídeo sobre a captação de atletas para o Remo do Vasco da Gama, que está com inscrições abertas para jovens de 12 a 17 anos.

Prass tem visitado clubes na Europa e está no Lyon a convite de Juninho

Cogitado para o departamento de futebol do Vasco da Gama, Fernando Prass está em processo de experiência em clubes europeus.

Veja mais notícias