Pássaro revela meta de pontos do Vasco para garantir acesso

Alexandre Pássaro, diretor executivo do Vasco da Gama, revelou a meta de pontos trabalhada pelo Clube para o seu retorno à Série A.

Pássaro em coletiva nesta sexta-feira
Pássaro em coletiva nesta sexta-feira (Foto: Reprodução/ Vasco TV)

O diretor executivo do Vasco da Gama, Alexandre Pássaro, participou do podcast da ESPN Brasil apresentado pelos jornalistas Gustavo Zupak, Eugênio Leal e Mário Marra.

Entre os diversos temas comentados na entrevista, Pássaro falou sobre a projeção de acesso do Cruzmaltino à elite do futebol nacional, que segundo ele, o time tem a meta de alcançar 64 pontos até o final.

– Antes de começar o campeonato a gente pegou praticamente os últimos dez anos, e o que a gente encontrou é que 64 pontos acaba sendo praticamente o número mágico. 32 pontos no primeiro turno e 32 no segundo. Com a exceção de um ano, se não me engano, em que o 4º colocado subiu com 65. Então, por amostragem, a gente entente que acaba subindo com 64 pontos. Essa é uma conta final que a gente faz, mas hoje fazemos a conta jogo a jogo. Mas a gente sabe que para ter alguma segurança lá no fim precisamos chegar a 64 pontos.

Destacando o equilíbrio da competição, Pássaro citou que o importante é pontuar jogo a jogo para não chegar nas últimas rodadas correndo risco, o que pode interferir no psicológico dos jogadores.

– Agora, a gente sabe também que essa Série B está sendo uma das mais equilibradas dos últimos tempos. Tem muita gente perdendo ponto, e o sobe-desce da tabela está sendo muito intenso, tirando o Coritiba que está bem praticamente desde o começo. O que isso vai refletir no final da competição, a gente ainda não sabe. Para não correr riscos, a gente quer chegar no final do campeonato com 64 pontos. Se gente em algum momento fizer uma conta de que precisamos de menos, vai nos dar uma tranquilidade maior.

Em outro trecho, Alexandre Pássaro exaltou o trabalho da atual gestão, capitaneada pelo presidente Jorge Salgado, citando que algumas ações realizadas estão sendo essenciais para o equilíbrio do Clube.

– Sobre o ponto de vista financeiro, que acaba sendo secundário nesse momento, seria muito bom. Um acelerador de todo o projeto traçado pela gestão do Jorge Salgado que o Vasco subisse. Na verdade, esse já é um ano de atraso. Mas acabou sendo, por outro lado, uma oportunidade para fazer um ajuste mais radical do que a gente teria que fazer na Série A. O Vasco precisa subir por seu tamanho, importância. E será muito bom que suba. Outro ano na Série B será mais difícil ou mais do que esse.

Braço direito do presidente Jorge Salgado, Alexandre Pássaro é o responvável por todas as contratações do Vasco na atual temporada, as quais não agradaram a grande parte da torcida vascaína.

Leia mais sobreAlexandre Pássaro
2 comentários
  • José Francisco - 9 de outubro de 2021

    Fala sério um diretor de merda a que ponto chegou o Vasco brigar pra chegar em quarto colocado na competição, será que ele sabe o tamanho da torcida do Vasco temos e que brigar e por títulos seu incompetente

    Responder
  • Paulo Roberto - 8 de outubro de 2021

    O Alexandre Pássaro deve uma explicação no caso da contratação do jogador Michel

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
1 de dezembro de 2021
Andrey se despede do Vasco: ‘Aqui sempre vai existir um coração vascaíno’

Na despedida do Vasco da Gama, o volante Andrey publicou um emocionado texto de despedida citando a trajetória e agradecendo.

Números de Michel, Ernando e Walber pelo Vasco

Confira os números de Michel, Ernando e Walber, que estão oficialmente fora do Vasco da Gama para a próxima temporada.

Gilmar Ferreira afirma que Zé Ricardo está apalavrado com o Vasco

Grande favorito para assumir o Vasco da Gama, o técnico Zé Ricardo ainda não resolveu todas as pendências com o Qatar SC, seu ex-clube.

Fora do Vasco, Andrey analisa proposta de clubes da Série A e do exterior

Depois de oficializada a saída do Vasco da Gama, o volante Andrey agora busca um novo destino, o que ainda está em aberto.

Vasco confirma saídas de Ernando, Michel e Walber

O Vasco da Gama confirmou nesta quarta-feira que Michel e dos zagueiros Ernando e Walber não seguiram no Clube.

Andrey deixa o Vasco após 17 anos

Formado na base, o volante Andrey, que está em São Januário desde 2004, deixou o Vasco da Gama depois de 17 anos.

Vasco vence o Karanba por 1 x 0 pelo Carioca Feminino Sub-18

As meninas do Vasco da Gama venceram o Karanba por 1×0, no Estádio Nivaldo Pereira, pela terceira rodada do Carioca Feminino Sub-18.

Vasco encerra negociações com Ricardo Gomes

O Vasco da Gama encerrou as negociações com Ricardo Gomes, que seria contratado para o cargo de CEO de futebol.

Dispensado pelo Vasco, Michel se reapresentará ao Grêmio

O volante Michel se reapresentará ao Grêmio após passagem apagada pelo Vasco da Gama na Série B do Campeonato Brasileiro.

Cristóvão ressalta importância de Juninho em retorno ao Vasco: ‘Salvou a gente muito’

O ex-técnico do Vasco da Gama, Cristóvão Borges, destacou a qualidade do ídolo Juninho Pernambucano na bola parada e o profissionalismo.

Veja mais notícias