Pássaro comenta possível demissão e diz estar satisfeito com trabalho do Lisca

Gerente de futebol do Vasco da Gama, Pássaro, comentou sobre uma possível demissão de Lisca e satisfação com o trabalho do treinador.

Pássaro durante entrevista após o jogo contra o São Paulo
Pássaro durante entrevista após o jogo contra o São Paulo (Foto: Reprodução / Vasco TV)

O Vasco da Gama vem de duas derrotas no Campeonato Brasileiro da Série B, e na coletiva após o jogo da rodada passada, Lisca deu duras declarações. O treinador afirmou que o time não conseguiu assimilar as suas ideias de jogo e o calendário apertado impede um melhor aproveitamento nos treinamentos. Pássaro falou sobre a satisfação da diretoria com o trabalho do Lisca e se há interferência nas escalações da equipe para os jogos.

– Na verdade, estamos satisfeitos com o trabalho do Lisca, mas não estamos satisfeitos com os resultados. Se tínhamos convicção no trabalho do Lisca naquele momento, temos ainda mais agora. Conhecendo agora mais de perto, temos ainda mais convicção. Tudo que o treinador quer é semana cheia e tempo para trabalhar. Poder descansar os jogadores, mas também poder dar uma carga maior. O treino de ontem foi amistoso contra o sub-20. Hoje o treino é mais leve, mas a partir da semana que vem teremos três semanas cheias. Dependendo do calendário da CBF, poderemos ter 13 dias entre um jogo e o outro. A gente precisa utilizar esse tempo da melhor maneira possível. Quanto a isso, estamos completamente convictos do trabalho dele. Nossa responsabilidade é total. Sempre estive aqui nessa mesa em todas as apresentações. A divisão de responsabilidade dentro do departamento de futebol não existe. Lisca é 100% responsável pelo time, assim como eu sou, assim como o médico é na área dele.

O treinador estava bastante abatido e desanimado na entrevista coletiva, após a derrota em casa para o Londrina, Lisca falou sobre a dificuldade de acertar o time, o sistema de jogo que ele não consegue encaixar, Pássaro foi questionado se teme que o treinador peça demissão, caso aconteça um resultado negativo diante do Operário-PR.

– A gente teme que qualquer profissional gabaritado, com bom trabalho, peça demissão. A gente evita isso a todo tempo. Só nos últimos dias tivemos propostas para três profissionais deixarem o clube, e eles preferiram ficar sem que a gente mexesse em salário. Que bom que o Lisca sente daquele jeito a derrota, ele sente demais a derrota. Não vejo como defeito.

O dirigente falou sobre o sentimento do treinador após a derrota, que é normal ter o abatimento, que ele não poderia demonstrar animação. Ressaltando que as falhas individuais foram determinantes para o resultado negativo diante do Londrina.

– Acho que se ele viesse com um papo todo animado, não tinha como. Ficamos até tarde aqui. Ele foi o único por questão regulamentar que teve de se expor. Exatamente por causa disso que ele estava daquela forma. A gente entrega os gols em falhas individuais.

Outra questão levantada por Pássaro, foi sobre a partida diante do Remo, na coletiva Lisca sentiu culpado pela estratégia escolhida para o jogo, na sua visão isso foi determinante para a derrota em Belém. Alexandre explicou que conversou com o treinador após o jogo, eximindo ele de culpa e esclarecendo que confia no seu trabalho.

– Contra o Remo, ele disse que agiu errado estrategicamente, e eu não concordo. Ele não teve controle absoluto das ações tomadas. Não temo, pelo contrário. Lisca sempre reforça o prazer e a alegria que ele tem de estar no Vasco. A gente acredita em tudo que ele sempre quis e colocou para nós.

O Vasco volta a campo no próximo sábado (21), contra o Operário, no Estádio Germano Krüger, partida válida pela vigésima rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Gigante da Colina está na décima primeira colocação, com 28 pontos conquistados.

4 comentários
  • EDUARDO GOMES DE ARAUJO JUNIOR - 21 de agosto de 2021

    O Pássaro é que tem de ser demitido. Há 11 clubes na série B na frente do Vasco, que conseguiram montar um time melhor, com orçamento bem menor.

    Responder
  • Josias - 21 de agosto de 2021

    O Vasco precisa de alguém que assuma de verdade o controle da direção não adianta ficar trocando de treinador como se troca de camisa, esse pássaro porque ele não bate asas e vai embora deixa pra alguém que faça análise melhor e não ficar tentando ressuscitar jogadores que estão encostados porque não conseguiu espaço em suas equipes, o vasco precisa de jogadores que esteja na ativa jogando futebol no momento e não aqueles que estão encostados porque não conseguiram ganhar vaga de seus concorrentes na posição.

    Responder
  • José Luiz Pereira - 21 de agosto de 2021

    Lisca precisa fazer melhor as subtituiçoes e usar todo o banco se for preciso valel?

    Responder
  • D. Armando10 - 20 de agosto de 2021

    Passaro tem que sair primeiro.
    Não agrega nada.

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
19 de outubro de 2021
Alemão e Diogo Calhau são eleitos o melhor goleiro e técnico da Copa Brasileirinho Sub-14

Alemão e Diogo Calhau foram escolhidos como melhor goleiro e técnico, respectivamente, da Copa Brasileirinho Sub-14.

Na Gávea? Conheça a origem do apelido ‘Dinamite’

Saiba como Roberto Dinamite ganhou o apelido ‘Dinamite’ antes de se tornar o maior artilheiro da história do Vasco da Gama.

Dinamite agradece mobilização dos torcedores do Vasco: ‘Honra e orgulho’

Roberto Dinamite agradeceu o carinho dos torcedores do Vasco da Gama que irão financiar sua estátua em São Januário.

Torcedor do Vasco viraliza ao ‘proteger’ cerveja durante comemoração de gol em SJ

O vascaíno Aluízo Deodato ficou famoso nas redes sociais ao tentar proteger sua cerveja após um dos gols da vitória sobre o Coritiba.

Mauro Cezar destaca festa da torcida do Vasco contra o Coritiba

Jornalista do UOL, Mauro Cezar Pereira elogiou a presença e o apoio da torcida do Vasco da Gama na partida contra o Coritiba.

Nenê e Cano lideram estatísticas no Vasco de Diniz e comandam reação da equipe

Lideranças técnicas do Vasco da Gama, Nenê e Germán Cano são os dois grandes destaques dos da equipe comandada por Fernando Diniz.

18 de outubro de 2021
Pesquisa aponta que Vasco tem 2,3% da torcida de Minas Gerais

Levantamento realizado pelo Instituto Datatempo mostra que os vascaínos representam 2,3% do total de torcedores em Minas Gerais.

Vasco fecha patrocínio com a Pixbet; Edmundo será garoto-propaganda, diz jornalista

Vasco da Gama acerta com novo patrocinador máster que trará Edmundo para ser o garoto propaganda, afirma jornalista.

Vasco arrecada R$ 211 mil para estátua de Dinamite e agradece torcida: ‘Craque do jogo’

Vasco da Gama arrecadou mais de 100% do valor previsto para a construção da estátua do ídolo Roberto Dinamite.

CRB empata com Vila Nova e Vasco pode terminar a rodada a 1 ponto do G4

Vasco da Gama pode se beneficiar do empate entre CRB e Vila Nova e terminar a 31ª rodada da Série B a 1 ponto do G4.

Veja mais notícias