Opinião: Vasco comete erro grave ao não renovar com Marcelo Alves

A comissão técnica do Vasco da Gama não quis contar com o zagueiro Marcelo Alves, que retornou ao Madureira.

Avatar
Por Willams Meneses
-  4 de março de 2021 às 08:38-  Atualizada em 4 de março de 2021 às 08:38
Marcelo Alves durante o jogo contra o Palmeiras
Marcelo Alves durante o jogo contra o Palmeiras (Foto: Rafael Ribeirto/Vasco)
data-full-width-responsive="true"

Depois de ter sido dada como certa, a renovação com o zagueiro Marcelo Alves com o Vasco da Gama não vai acontecer. A decisão foi tomada em conjunto pela nova comissão técnica, com aval de Marcelo Cabo. Foram 16 partidas do defensor pelo Gigante.

Marcelo Alves tem 22 anos e chegou ao Vasco emprestado pelo Madureira, mesmo caso do atacante Ygor Catatau, outro que não estava nos planos e foi para o Vitória. Por parte do Tricolor Suburbano, não havia obstáculo para que a renovação de ambos acontecesse, mas não teve interesse do Gigante.

Foi a primeira grande decisão de Marcelo Cabo no Vasco, que pretende dar prioridade ao jovens zagueiros formados em São Januário, casos de Ricardo Graça, Miranda e Ulisses. No entanto, é um erro enorme simplesmente não manter no elenco um jogador barato, jovem e que mostrou serviço quando exigido.

A saída de Marcelo Alves pode custar muito caro para o Vasco, sendo que ele vinha se destacando, inclusive, formando uma boa dupla com Ricardo Graça na zaga. Lembrando que, além dos garotos, o Gigante ainda conta com os experientes e contestados Werley e Leandro Castan no elenco.

Promissor e barato, Marcelo Alves já vinha sendo sondado por clubes da Série A, e deve encontrar um destino em breve. Não se trata de um primor técnico, intocável, mas joga sério, conhece suas limitações e não costuma comprometer nas partidas. Quem o adquirir receberá uma boa opção, e para o Vasco basta torcer para que os garotos supram a sua ausência.

Leia Mais Sobre