Novo Conselho Deliberativo do Vasco priorizará reforma do estatuto

O novo Conselho Deliberativo do Vasco da Gama tem intenção de votar novo texto da reforma do estatuto do Clube em até seis meses.

Mesa do Conselho Deliberativo do Vasco
Mesa do Conselho Deliberativo do Vasco (Foto: Hector Werlang/ge)

Adversários na campanha, aliados no Conselho Deliberativo. A eleição para a Mesa Diretora revelou a união entre os grupos políticos Mais Vasco (Jorge Salgado) e Sempre Vasco (Julio Brant), algo especulado na época eleitoral e que nunca se confirmou.

Os dois grupos acordaram que, após a posse de Salgado como novo presidente, a prioridade no Conselho é reformar o estatuto. Representantes dos dois lados revelaram entender que o cenário será de tranquilidade mesmo que apoiadores de Leven Siano tentem reverter o quadro eleitoral na Justiça – há uma ação no Supremo Tribunal Federal que carece de decisão.

O exemplo mais claro do acordo foi a presença de Renato Brito, um dos líderes da Sempre Vasco, na única chapa que se apresentou para formar a Mesa Diretora – ele assumiu como vice-presidente do Conselho. Na campanha eleitoral, a Mais Vasco indicou Carlos Fonseca à presidência, com Leandro Coutinho como vice. Leandro, após o entendimento, virou segundo secretário – Marcelo Rocha, primeiro secretário, completou a formação.

– O Carlos Fonseca é meu amigo, temos relacionamento próximo. Eles (Mais Vasco) entenderam que era bom ter o contraponto na Mesa. E isso poderia dar uma mensagem de união no clube. Partiu dele (Carlos), algo endossado pelo presidente Salgado. Não é um recado de adesão à gestão. A Sempre Vasco não aderiu à gestão, ela continua como oposição responsável. Mas é um recado importante de união para fora e para dentro. Estou pronto para honrar o mandato e ajudar a reformar o estatuto – explicou Renato Brito.

Julio Brant, candidato da Sempre Vasco derrotado na luta pela presidência, em discurso no Conselho, disse que o Vasco está “mais unido do que nunca” o que, no entender dele, é “um recado a todos que querem o caos”. Mesmo com uma série de disputas judiciais questionando o processo eleitoral, Brant criticou uma manchete do ge que apontou a divisão interna no clube. Os números da formação do novo Conselho apontam uma tendência ao entendimento, mas não significa que alguns pontos da reforma não possam gerar divergências.

A Mais Vasco elegeu 120 conselheiros. A Sempre Vasco, 30. Outros 150 conselheiros natos, alguns ligados a Leven, completam o quadro.

– Com esse Conselho, a gente tem todas as possibilidades de fazer a reforma tão sonhada. Temos de colocar os pontos em debate. Vou tentar fazer isso no primeiro semestre – resumiu Salgado.

Na gestão de Roberto Monteiro, até então presidente do Conselho, a reforma do estatuto foi debatida. Algumas sessões tiveram brigas e confusões. No final, a tentativa fracassou à exceção da aprovação da eleição direta para presidente.

– No último triênio, vimos reuniões confusas, conduzidas de forma autoritária. Acho que a gente inaugura um triênio para que mudanças sejam feitas. Precisamos atualizar o estatuto, precisamos de modernidade. E temos um grupo de conselheiros, os eleitos e os natos, que vai conseguir, afinal, concordavam bastante em vários temas. Temos tudo para colocar em análise no Conselho, e aí é uma questão política. É no voto – acrescentou Carlos Fonseca.

O direito a voto do sócio-torcedor, a votação à presidência de forma online e a proibição que conselheiros mantenham direito a voto caso sejam contratados e passem a ser remunerados pelo Vasco são alguns dos temas que devem monopolizar o debate da reforma. Para ela ser aprovada, precisa de 2/3 dos votos do Conselho.

– A intenção é de que façamos isso nos primeiros seis meses. Temos de avaliar a situação política, mas tendo 150 conselheiros alinhados no propósito de reformar… é mais fácil – finalizou Renato Brito.

Fonte: Globo Esporte

Leia mais sobreConselho Deliberativo
2 comentários
  • Silvio Lucio de Souza - 23 de janeiro de 2021

    Somente o fato de tirar o Poder do mercenario, pilantra , ladrão e chefinho de torcida organizada Roberto Bosta Monteiro, com certeza , dias melhores virão para o nosso vasco.

    Responder
  • Marco Antonio bazon de Andrade - 23 de janeiro de 2021

    Espero dias melhores para o clube mais é bom observar que o discurso é o mesmo de sempre. Pagar salários em dia, recuperação financeira, blá, blá, blá, blá etc…

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
18 de maio de 2021
Germán Cano está a 6 gols de alcançar nova marca pelo Vasco

O atacante do Vasco da Gama, Germán Cano, está a seis gols de alcançar a segunda posição na lista de artilheiros estrangeiros do Clube.

Feminino: Ariely comenta dificuldades enfrentadas pelo Vasco nos jogos fora de casa

Atleta do Vasco da Gama, Ariely falou dos percalços quando o time atua fora de casa e destacou a estratégia nos duelos longe do Rio.

Sub-17: Victor Araújo participa do quadro ‘1 Minuto de Resenha’; assista

Assista ao zagueiro Victor Araújo, do Sub-17 do Vasco da Gama, se apresentando à torcida no quadro 1 Minuto de Resenha.

Sub-20: Vasco assina contrato com o atacante Elias Ovelar

Vasco da Gama oficializou a contratação do atacante paraguaio Elias Ovelar, que chega para reforçar a equipe Sub-20 do Cruzmaltino.

17 de maio de 2021
Sub-20: Vasco estreia na Taça Guanabara contra o Boa Vista nesta terça-feira

O time Sub-20 do Vasco da Gama da o pontapé inicial na busca pelo bicampeonato Estadual diante do Boavista nesta terça-feira (18).

Talles Magno declara seu amor pelo Vasco e afirma que não jogaria no Flamengo

De saída do Vasco da Gama, Talles Magno não escondeu seu carinho pelo Cruzmaltino e desconsiderou a possibilidade de jogar no Flamengo.

Desembargadora mantém reintegração dos 186 funcionários no Vasco

O Vasco da Gama recorreu em segunda instância, mas teve seu pedido negado e tem até esta quarta-feira para reintegrar os funcionários.

De saída! Veja os números de Talles Magno pelo Vasco

Confira agora os números do atacante Talles Magno pelo Vasco da Gama, ele que está fechando com o New York City, dos Estados Unidos.

Assista aos bastidores de Botafogo 0 x 1 Vasco pela decisão da Taça Rio

Confira agora os bastidores da vitória do Vasco da Gama por 1×0 sobre o Botafogo, no jogo de ida da semifinal da Taça Rio.

Talles Magno pode se tornar a 2ª venda mais cara da história do Vasco

Podendo chegar a R$ 63 milhões, o atacante Talles Magno pode ficar atrás apenas de Paulinho na lista de vendas do Vasco da Gama.

Veja mais notícias