Cabo destaca entrega, elogia atuação e celebra classificação na Copa do Brasil

O técnico do Vasco da Gama, Marcelo Cabo, reconheceu problemas, mas, de um modo geral, gostou do que viu da equipe contra o Boavista.

Marcelo Cabo durante o jogo contra o Boavista
Marcelo Cabo durante o jogo contra o Boavista (Foto: Thiago Ribeiro/AGIF)

Com direito a a emoção até o último minuto, o Vasco da Gama conseguiu avançar às oitavas de final da Copa do Brasil. A partida com o Boavista terminou empatado em 1 a 1, resultado que foi suficiente para o Gigante por ter vencido o jogo de ida por 1×0. Marcelo Cabo ficou satisfeito com o que viu em campo.

Embora não tenha sido uma apresentação de encher os olhos, o técnico gostou do desempenho dos jogadores, com destaque para a entrega. Ele contou a sua satisfação em entrevista coletiva após a partida, ainda analisando as mudanças que fez no segundo tempo, além de elogiar os laterais e Michel.

Houve uma entrega de Vasco da Gama hoje, pegamos time organizado, tivemos boa chances e não concluímos em gol. Eles fizeram gol, então, baixaram a linha. Tivemos dificuldade em circular a bola, mas mesmo assim criamos as chances e faltou calma para chegar ao empate. A entrada do Marquinhos Gabriel me deu a opção para ganharmos mais volume. A troca de lado do Pec e do Jabá foi fundamental. Tivemos mais profundidade. Pec fez um gol, legítimo, e depois teve a jogada do Jabá para o gol. Na minha opinião, saímos com a vitória. A gente poderia ter tido um placar mais elástico pelo o que o time entregou. Este é o quinto mata-mata que o Vasco passa, estamos nas oitavas da Copa do Brasil. Michel foi bem, ele deu mais liberdade ao Galarza. Os laterais foram bem, muito agudos. Vamos continuar construindo o time. Saio feliz.

Marcelo Cabo

Ainda sobre o desempenho

Seguindo no assunto atuação, o técnico vascaíno reconheceu, entretanto, que o Gigante precisa melhorar o acabamento das jogadas e que oscilou no primeiro tempo do jogo contra o Boavista. Porém, voltou a elogiar seus comandados ao dizer que a equipe foi absoluta na segunda etapa, citando a forte presença no ataque.

– Acho que tivemos o controle do jogo, boas transições. Temos que melhor o acabamento final. A equipe conseguiu entrar 45 vezes no terço final do adversário. Precisa melhorar o acabamento. Fomos intensos e tivemos o controle do jogo. Concordo que no primeiro tempo oscilamos um pouco. No segundo tempo fomos absolutos. O Vanderlei fez uma ou duas defesas, o resto foi bola aérea. Foram 25 finalizações do Vasco. Nós criamos, fomos intensos, jogamos a maior parte do jogo no campo do Boavista. Precisamos ter mais tranquilidade no terço final – disse Marcelo Cabo, que concluiu destacando as dificuldades e a busca por equilíbrio:

– Buscamos sempre o equilíbrio. Temos uma proposta de marcar em linha alta, marcar pressão. Não conseguimos ter esse volume de marcação durante 90 minutos. Do outro lado tinha um time organizado, com só um volante. Conseguimos ser equilibrados. Não saímos satisfeitos quando tomamos gol. O Vasco está na quarta fase da Copa do Brasil. É um jogo de 180 minutos, mudamos um pouco o nosso sistema.

Antes de tudo, o Vasco está garantido na próxima fase da Copa do Brasil, o que mais importa. O adversário, no entanto, não está decidido ainda, o que vai ser conhecido em sorteio. Enquanto isso, os comandados de Marcelo Cabo voltam as atenções para a Série B. O próximo compromisso vascaíno pela competição será na noite deste sábado (12), às 19h, contra o Brasil de Pelotas, fora de casa.

10 comentários
  • Vasco angra - 10 de junho de 2021

    Esse técnico é burro e enganador. O time não tem esquema de jogo, não tem tesão, não tem garra. A defesa é um bosta, tem que ser muito burro pra preferir trazer o Ernando e dispensar a Marcelo Alves. Da raiva de assistir o jogo do Vasco, tem que honrar essa camisa, entrar no jogo com a faca nos dentes e sangue nos olhos pra matar os adversários, isso sim é Vasco. Hoje esse time de chupa sangues perdem pra qualquer time de pelada.

    Responder
  • Ailton - 10 de junho de 2021

    Esse técnico é doido, maluco, fora da realidade, ele vê outro jogo e pensa que é o Vasco, tá demorando demais diretoria de merda, toma providências antes que piore mais, vai perder pro Brasil de Pelotas

    Responder
  • Mamorim - 10 de junho de 2021

    Time não está encaixando, não joga sem a bola, fica fácil a marcação adversária, zaga rifando a bola e tomando nas costas; o time precisa melhorar e muito. Ontem assistindo o jogo do Vasco e depois do CRB, ficamos apreensivos. Dá tempo de acordar, mas tem que ser agora.

    Responder
  • LUIZ FELIPE FERNANDES CPF - 10 de junho de 2021

    Depois dessa, esperar mais o que além de uma nova tragédia e mais uma mácula na história do Vasco? Treinador pequeno. Jogadores abaixo da mediocridade.

    Responder
    • Jota wilson - 10 de junho de 2021

      Se o treinador gostou então estamos ferrado porque o time não fez nada ganhou porque do outro lado não tinha quem pudesse fazer alguma coisa ,e triste ver como e da forma que e colocado em campo ,esse cabo vai acabar com a paciência do torcedor ,e os meninos como pec,galarza,figueredo e outros estão fudido com esse treinador

  • MARCOS ALBERTO MATSUSHIMA - 9 de junho de 2021

    Estão de brincadeira a quem estão enganando , quase fomos desclassificados pelo Boa Vista e ainda estão fazendo festa
    Fora Marcelo cabo

    Responder
    • Aurélio Belido - 10 de junho de 2021

      A maior prova de q o Vasco tah ferrado é esse imbecíl desse Cabo elogiar essa bosta q ele bota pra jogar.
      O time é a cara dele, uma merda.

  • Wanderley da Silva - 9 de junho de 2021

    Definitivamente, eu não consigo enxergar o mesmo jogo que o treinador vascaíno!
    Não é possível que alguém ache que o time do Vasco tenha jogado bem!

    Responder
    • Ney+vianna - 10 de junho de 2021

      Esse senhor deve estar vendo outro jogo. Ficar satisfeito com essa atuação? Só pode estar brincando com a torcida.

  • D. Armando10 - 9 de junho de 2021

    Ganhar de time da série D é obrigação e não ganhou.
    Nada a elogiar.
    Deu sorte.

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
4 de dezembro de 2021
Vasco empata em 0 x 0 com o Fluminense no 1º jogo da final do Carioca Sub-17

Com a igualdade no jogo de ida, o Vasco da Gama buscará o título Estadual sobre o Fluminense na tarde da próxima sexta-feira, nas Laranjeiras.

Castan é criticado após relembrar os 10 anos do título Brasileiro pelo Corinthians

O detalhe que rendeu mais críticas ao zagueiro Leandro Castan foi que o Corinthians levou a competição após disputa com o Vasco da Gama.

Andrey estaria acertado com o Internacional

Depois de deixar o Vasco da Gama, o volante Andrey já estaria com tudo acertado para reforçar o Internacional em 2022.

Fabio Azevedo afirma que Zé Ricardo já tem indicado reforços ao Vasco

Mesmo ainda tentando liberação no Catar, o técnico Zé Ricardo já estaria procurando reforços para o Vasco da Gama.

Assista a Vasco x Fluminense pelo jogo de ida da decisão do Carioca Sub-17

Confira agora a transmissão de Vasco da Gama x Fluminense, clássico válido pela decisão do Campeonato Carioca Sub-17.

Talles Magno publica foto de encontro com Alexandre Pássaro nos Estados Unidos

O ex-diretor executivo do Vasco da Gama, Alexandre Pássaro, está nos Estados Unidos em visita a clubes da Major League Soccer.

Em 2021, Vasco levou quase o dobro de gols do que na Série B de 2009

O Vasco da Gama teve a defesa vazada 52 duas vezes na edição de 2021, enquanto na sua melhor campanha, em 2009, levou apenas 29 gols.

Vasco encara o Fluminense neste sábado pelo 1º jogo da final do Carioca Sub-17

Na manhã deste sábado, a partir das 10h, o Vasco da Gama começará a busca pelo título do Campeonato Carioca Sub-17.

Jhon Sánchez admite ter deixado a desejar, mas fala em ‘continuar a trabalhar’ no Vasco

Sánchez se mostrou grato pelas chances em 2021 e falou em ”fazer o Vasco da Gama voltar ao lugar de onde nunca deveria ter saído”.

3 de dezembro de 2021
Jurídico do Vasco teria enviado pré-contrato a Zé Ricardo sem avaliação do financeiro

Para desfazer o problema, departamento financeiro do Vasco da Gama teria solicitado que o documento fosse ”devolvido” para ser reavaliado.

Veja mais notícias