Luiz Mello, futuro CEO do Vasco, abriu mão do cargo no início de 2020, diz jornalista

Luiz Mello desistiu de ser CEO do Vasco no início de 2020 ao saber que Adriano Mendes havia deixado o Clube.

Avatar
Por Altair Alves
-  7 de janeiro de 2021 às 01:42-  Atualizada em 7 de janeiro de 2021 às 01:43
Luiz Mello, novo CEO do Vasco da Gama

Segundo informou o jornalista Gilmar Ferreira, do jornal Extra, pelo seu Twitter, o advogado Luís Mello, contratado por Jorge Salgado para o cargo de CEO do Vasco, esteve para assumir o cargo no início de 2020. Ele chegou a acertar bases salariais, visitou os departamentos do Clube, mas desistiu ao saber que o Adriano Mendes, então vice de controladoria, deixaria sua função.

– Trata-se de mais uma tentativa da profissionalização da gestão, algo que Hamílton Mandarino, vice de Roberto Dinamite, buscou entre 2009 e 2011. O clube ganhou alguma musculatura, conquistou a Copa do Brasil, foi vice do Brasileiro, mas sucumbiu, diante das mazelas políticas.

Gilmar Ferreira destacou os trabalhos realizados por Luís Mello ao longo de sua carreira e de como a sua atuação por onde passou é elogiada por especialistas.

– Luís Mello é elogiado por especialistas do mercado corporativo por sua passagem como presidente da ApFut (Associação Pública de Governança de Futebol), e tem vivência nas explorações de propriedades comerciais por sua participação na Golden Goal – agência de marketing esportivo.

O repórter também comentou sobre a função de CEO de um Clube, que muitas não é percebida pelos torcedores, mas que faz toda diferença, sobretudo para um Clube que busca reestruturação como o Vasco.

– O trabalho do CEO nem sempre é percebido por quem está nas arquibancadas ou diante da TV. Mas é um passo adiante na reestruturação do clube. É quem gera práticas e condições de governança para atingimento das metas, prestando contas à presidência ou a um conselho administração.

O comentarista conclui afirmando que a nova gestão já deu um ânimo para os vascaínos, com as contratações de Luxemburgo e Alexandre Pássaro.

– Jorge Salgado ainda não assumiu, mas já renovou as expectativas dos vascaínos. A chegada de Vanderlei Luxemburgo compensa a inexperiência de Alexandre Pássaro e a ideia de uma gestão profissional abre a perspectiva de voos mais altos. Basta agora que o time comece a corresponder.

Luiz Mello foi anunciado para o cargo de CEO Corporativo do Vasco da Gama na última terça-feira (05) pelo presidente eleito Jorge Salgado.

Leia Mais Sobre