Leven Siano desmarca pronunciamento e alerta que pode ficar inelegível no Vasco

Leven Siano alerta que pode ficar inelegível no Vasco da Gama, caso supostas mudanças no estatuto sejam efetivadas.

Leven Siano, candidato à presidência do Vasco em 2020
Leven Siano, candidato à presidência do Vasco em 2020

O ex-candidato à presidência do Vasco da Gama, Leven Siano, desmarcou um pronunciamento que faria na segunda-feira (11), em seu canal no Youtube. Leven prometia fazer esclarecimentos acerca dos bastidores da política vascaína, e no final da sua publicação, deixou no ar um tom de despedida da luta pela presidência do Cruzmaltino.

Citando cobiça e vaidade de alguns, o vascaíno prometeu revelar toda a verdade que envolveu a sua pessoa, após a apresentação do plano para salvar o Gigante da Colina.

– Minha intenção é revelar toda a verdade, mostrando tudo que o clube desperdiçou por cobiça e vaidade de alguns, todas as covardias que fizeram comigo com acusações falsas para destruir meu nome e reputação, que deixariam qualquer um enojado e teriam feito qualquer um desistir, mas mesmo assim eu segui obstinado em dar alegria aos vascaínos – publicou.

Integra da publicação

Já que é difícil ser apenas um VASCAÍNO comum torcendo por seu time porque sempre tem meia dúzia querendo te sacanear, vai um esclarecimento básico: Do mesmo jeito que Maracanã não é o nome do Estádio Mário Filho, mas aquele estádio ficou conhecido como Estádio do Maracanã, por estar naquele bairro, nosso templo sagrado também não se chama SÃO JANUÁRIO. O nome do nosso Estádio é VASCO DA GAMA. Ficou conhecido como Estádio de São Januário pelo fato que, no passado, o grande público tomava o bonde para ir até o estádio e o mesmo ia até o final da Rua São Januário. Daí ficou a fama de Estádio de São Januário.

Esclarecimento dado, muito embora seja desnecessário, vale dizer que conheço e frequento o estádio, tenho até um camarote próprio e outro que sou convidado com muita honra pelos descendentes do ex-Presidente Aghatyrno da Silva Gomes. No mais comunico a toda FAMÍLIA VASCAINA que estou refletindo acerca de um pronunciamento que deverei fazer na próxima segunda-feira através de uma Live às 20:00 horas no meu canal no YouTube Leven 2020 (inscreva-se!).

Minha intenção é revelar toda a verdade, mostrando tudo que o clube desperdiçou por cobiça e vaidade de alguns, todas as covardias que fizeram comigo com acusações falsas para destruir meu nome e reputação, que deixariam qualquer um enojado e teriam feito qualquer um desistir, mas mesmo assim eu segui obstinado em dar alegria aos VASCAINOS.

Também vou comentar a decisão da ação dos Templários e a atuação da Justiça desde o início e os personagens políticos da política nacional e da política do Vasco que atuaram nos bastidores, incluindo parentes de autoridades. Por fim vou falar sobre o futuro das ações na Justiça, mas principalmente sobre o futuro sombrio do VASCO se a TORCIDA VASCAÍNA não tomar atitudes importantes e urgentes.

Direi o que pode ser feito e como, mostrarei claramente as alternativas e, falarei a que estarei me dedicando a partir de agora. Será um pronunciamento honesto, franco e verdadeiro de um Vascaíno apaixonado pelo VASCO e desapegado que apenas lutou para mudar o clube para melhor.

Espero todos lá para essa despedida. Que nosso time vença hoje e sempre, independentemente de tudo.

Após o resultado do jogo contra o Sampaio Corrêa, no qual o Vasco foi derrotado por 1×0, mesmo jogando com um atleta a mais desde a primeira etapa, Leven Siano desmarcou a live e pontuou algumas situações.

Dentre os assuntos abordados, o ex-candidato esclareceu a utilização da palavra ‘despedida’, no texto anterior, e alertou para uma possível reforma estatutária no intuito de deixá-lo inelegível para o próximo pleito.

– Disse que me despediria não porque desisti de vocês mas porque há rumores de que uma alteração do estatuto será feita para impedir que eu tenha condição de elegibilidade para uma futura eleição.

A íntegra

Devido ao resultado prefiro não mais fazer o pronunciamento que faria na segunda. Acho importante, porém pontuar que

1 – O VASCO não é pequeno, mas está sendo feito de pequeno propositadamente;

2 – Há alguns poucos VASCAÍNOS que são traidores do VASCO e se prestam a esse papel por interesses pessoais;

3 – Outros tantos VASCAÍNOS foram sistematicamente educados por esses traidores a acreditar que não há solução rápida para o VASCO e que devemos nos contentar com quaisquer migalhas;

4 – A cartilha que devemos seguir a trilha do rival é uma mentira criada pela imprensa para nos humilhar;

5 – Não se pode confiar que haverá Justiça no Judiciário. O VASCO precisa ser governado de dentro para fora pelos VASCAÍNOS como associação livre e autônoma que é, para isso tem que modificar seu estatuto para que qualquer disputa entre os sócios, os poderes e o clube seja por arbitragem;

6 – Significativa parte do colégio eleitoral do VASCO é de voto de cabresto ou de voto pago ou ainda de sócios admitidos irregularmente sem os devidos pagamentos. Tudo indica que o número de sócios votantes do clube aumentou significativamente desde o início dessa gestão.

7 – Repito o que disse uma outra vez: não adianta o torcedor me usar de bucha e me pedir para eu não desistir sem realmente entender que eu não consigo fazer essa transformação sem um verdadeiro e maciço apoio popular. O número de seguidores e o engajamento que tenho ainda é pouco significativo para eu conseguir realmente liderar esse processo de transformação de uma instituição cujos mecanismos estão fortemente encalacrados;

8 – O torcedor que puder e quiser fazer parte dessa transformação deve se associar estatutariamente e ter poder de voto;

9 – Mesmo assim será difícil competir com a capacidade da máquina de criar votos, caso estejam se prestando a esse papel;

10 – Por isso a gestão deve ser veementemente cobrada a alterar o estatuto para que sócios torcedores possam votar.

11 – Disse que me despediria não porque desisti de vocês mas porque há rumores de que uma alteração do estatuto será feita para impedir que eu tenha condição de elegibilidade para uma futura eleição.

12 – Lutem por mim como eu tenho lutado por vocês.

Leven Siano foi eleito na eleição presencial realizada no dia 07 de novembro, porém, interrompida judicialmente no final daquele dia. O candidato se recusou a disputar a eleição do dia 14 seguinte, na qual Jorge Salgado venceu Júlio Brant. A partir daí, eis o Vasco.

Leia mais sobreLeven Siano
6 comentários
  • José Luiz Leal Darós - 11 de outubro de 2021

    Leven é o legítimo presidente e enquanto estes golpistas não entenderem que o Vasco só é grande por causa de sua torcida e não de suas vaidades não sairemos do buraco.

    Responder
  • valerio Lopes Cardoso - 11 de outubro de 2021

    O Leven já mostrou que a intenção dele é destruir o Vasco. Já perdeu a eleição, inclusive na justiça e continua arrumando confusão. Por favor cara vc perdeu, espera a próxima eleição, turma do Eurico!!!!

    Responder
  • Antonio Simplício Filho - 11 de outubro de 2021

    O Leven é o presidente do vasco.

    Responder
  • Os golpistas têm que engolir o que ele vai falar? Deixem o vasco em paz o salsicha , Leven é o presidente do vasco. - 11 de outubro de 2021

    O Leven é o presidente do vasco.

    Responder
  • fabio alves - 11 de outubro de 2021

    Fazem de tudo para prejudicar o vasco. O Leven ja mostrou que tem projeto para tirar o vasco dessa lama e agora esse grupo quer usar o vasco para prejudicar o Leven e favorecer empresarios que ganham grana preta com a falencia do vasco.

    Responder
  • SJZ - 10 de outubro de 2021

    Até q enfim se mancou…

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
22 de outubro de 2021
Vasco pode ter mudanças para o jogo contra o Náutico

O técnico Fernando Diniz pode fazer algumas mudanças na escalação do Vasco da Gama para o jogo contra o Náutico, nos Aflitos.

Fique por dentro! Confira o tempo de contrato dos jogadores do Vasco

A temporada 2021 já está se encerrando e alguns jogadores do Vasco da Gama estão com os contratos se encerrando.

Proposta para clubes administrarem o Maracanã prevê 70 jogos por temporada

Exigência estabelecida pelo Governo do Rio de Janeiro tem como objetivo garantir uma receita que pague, pelo menos, as despesas do estádio.

Vasco melhora aproveitamento contra equipes do G4 com a chegada de Diniz

Vasco da Gama vem obtendo resultados mais expressivos contra times da ponta da tabela com Fernando Diniz no comando técnico.

Partida entre Vasco e Náutico pode ser suspensa por falta de policiamento

Partida entre Vasco da Gama e Náutico corre o risco de não ser realizada caso não haja policiais no campo de jogo.

Torcedoras se divertem ao criar o ‘Club de Renatas Vasco da Gama’

Torcedoras do Vasco da Gama falam do sentimento de poder voltar a acompanhar o time e da criação de torcida organizada.

Bobô comenta expectativa do Vasco para disputa do Mundial de Beach Soccer

Recém chegado ao Vasco da Gama, o goleiro Tiago Bobô projetou a participação do time de beach soccer no mundial da modalidade.

Cano celebra parceria com Nenê: ‘Mudou a cara do Vasco’

Germán Cano e Nenê vem sendo peças fundamentais para a melhora do Vasco da Gama nesta retal final de Série B.

Anny e Larissa Araújo projetam clássico contra o Botafogo pela Taça Guanabara

Time feminino do Vasco da Gama encara o clássico contra o Botafogo, neste sábado (23), pela sexta rodada da Taça Guanabara.

Marquinhos Gabriel se manifesta sobre críticas da torcida e projeta acesso do Vasco

Marquinhos Gabriel falou sobre as críticas que vem recebendo da torcida cruzmaltina e projetou a volta do Vasco da Gama à Série A.

Veja mais notícias