Norberto Tomaghello

Defensa y JusticiaDYJ

1 x 1
Vasco

VascoVAS

Hoje o Vasco joga, amor! Duelo é contra o Defensa y Justicia na Argentina

O Vasco da Gama enfrenta o Defensa y Justicia nesta quinta-feira, pelo jogo de ida das oitavas de final da Sul-Americana.

Avatar
Por França Fernandes
-  26 de novembro de 2020 às 10:28-  Atualizada em 26 de novembro de 2020 às 10:42
Castan durante treino no CT do Almirante (Foto: Twitter Oficial do Vasco)

O Vasco entra em campo pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana nesta quinta-feira. O adversário será o Defensa y Justicia-ARG, na Argentina.

Os argentinos vão em busca de um bom resultado para ir em vantagem para o Rio de Janeiro. No entanto, o Defensa y Justicia não vive boa fase no Campeonato Argentino.

O técnico Hernán Crespo está pressionado pelos maus resultados. Os donos da casa veem na Sul-Americana a competição para conquistar.

O mesmo pensamento acontece no Vasco. Mal no Brasileiro, os cruz-maltinos esperam ir longe na competição continental.

Só que os cariocas vão para a partida com muitos desfalques. Além disso, o técnico Ricardo Sá Pinto não viajou após testar positivo para covid.

O volante Marcos Júnior afirmou que os cruz-maltinos vão em busca de um bom resultado.

“Acredito que chegamos mais forte. Sabemos que o Defensa y Justicia é uma equipe forte, mas temos capacidade de ir lá e conquistar um bom resultado”, disse.

A boa notícia para o Vasco será a presença da zaga titular. Leandro Castán e Miranda se recuperaram da covid e se juntam a Ricardo Graça. A esperança de gols segue sendo o atacante Germán Cano.

FICHA TÉCNICA:
DEFENSA Y JUSTICIA-ARG X VASCO

Local: Estádio Norberto “Tito” Tomaghello, em Santa Rosa (ARG)
Data: 26 de novembro de 2020, quinta-feira
Hora: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Andrés Matonte (URU)
Assistentes: Carlos Barrero (URU) e Martín Soppi (URU)
VAR: Jhon Ospina (COL)

DEFENSA Y JUSTICIA: Unsain, Frias, Rodríguez, Martínez; Acevedo, Loaiza, Rius, Benítez, Camacho (Isnaldo), Pizzini; Braian Romero.
Técnico: Hernán Crespo

VASCO: Lucão, Miranda, Leandro Castán e Ricardo Graça; Léo Matos, Marcos Júnior, Leo Gil e Henrique; Vinícius, Gustavo Torres e Germán Cano.
Técnico: Alexandre Grasseli (auxiliar)

Fonte: Gazeta Esportiva