Fernando Diniz ignora críticas ao seu estilo e fala sobre jogar com o goleiro

O técnico Fernando Diniz respondeu sobre o seu estilo de jogo na entrevista coletiva de apresentação no Vasco da Gama.

Fernando Diniz durante apresentação pelo Vasco
Fernando Diniz durante apresentação pelo Vasco (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

A grande questão que cerca as discussões sobre a chegada de Fernando Diniz ao Vasco da Gama é o seu estilo de jogo, que valoriza a posse de bola e a saída desde a defesa até o ataque. Sobre isso, inicialmente, o técnico disse o que é necessário para que seja colocado em prática.

– Futebol é como a vida. É entrega total da minha vida, daquilo que eu sou. As coisas mais importantes são a coragem, a vontade e a solidariedade. Isso antecede o estilo de jogo. Para que aconteça precisa desses elementos. Que a coragem esteja presente, a vontade, e que a solidariedade estejam presentes.

Fernando Diniz ainda contou que busca sempre estar se aprimorando, em busca de um equilíbrio entre os setores. O técnico que pretender ver suas equipes com capacidade de atacar e se defender também, que consiga propor o jogo sem ficar desprotegido, o que, segundo ele, será buscado no Vasco até o fim da temporada.

– Ao longo da minha carreira vou melhorando dia a dia. Toda vez que o time ataca muito bem, provavelmente vai estar se defendendo bem. A gente tem que saber atacar, de modo que consiga se defender. Nesse modelo vou apostar. Tem time que joga de maneira reativa e faz bastante gol. Tem time que joga com a posse e não consegue fazer tanto gol assim. A gente tem que achar uma maneira que o time consiga jogar bem, propor o jogo e que fique protegido, é o que a gente vai tentar fazer até o final do ano.

Críticas

Os últimos trabalhos renderam muitas críticas para o técnico, o que se refletiu nos muitos comentários negativos sobre sua chegada ao Cruzmaltino. Fernando Diniz, no entanto, alega que não se incomoda com isso, e que a convicção só cresce. O comandante vascaíno ressaltou o estilo de jogo bonito, e voltou a frisar a busca por equilíbrio entre os setores.

– Eu não sofro com isso. Eu tenho uma convicção cada vez maior. Os rótulos são ruins. Se tem uma proposta de jogo bonito, que favoreça o futebol como um todo, que o torcedor se agrade além do resultado, é uma característica que eu tenho. Não é porque você tem uma tendência de jogar para frente, que você vai se defender mal. Em todas as equipes que dirigi, nos melhores momentos, a gente atacava bem, fazia muito gol e tomava pouco gol. É esse o equilíbrio que a gente vai buscar aqui no Vasco.

Goleiro

Um ponto que preocupa muitos torcedores é a questão do goleiro, que costuma ser muito acionado nas equipes de Fernando Diniz, isso visto que está longe de ser um forte do Vanderlei jogar com os pés. Sobre isso, o técnico citou o exemplo de Santos, do Athletico-PR, para dizer que se trata de uma questão de treino.

– Quando cheguei no Athletico-PR, o Santos, que foi determinante para o ouro olímpico, falaram que o único goleiro que não jogaria comigo seria ele, porque ele não jogava bem com os pés. Com muito treino, ele evoluiu muito. Hoje, é notabilizado porque sabe jogar com os pés. A maioria das críticas aos goleiros têm a ver com o posicionamento. E nenhum time que joga comigo é obrigado a jogar por baixo.

A estreia de Fernando Diniz será no jogo contra o CRB, marcada para a noite desta quinta-feira (16), às 19h, no Estádio Rei Pelé, pela 24ª rodada da Série B. O técnico, no entanto, já chega com a pressão lá em cima, já que precisa vencer para que o G4 não seja perdido de visto. Atualmente, a distância é de oito pontos e a equipe alagoana é justamente a quarta colocada na tabela.

Leia mais sobreFernando Diniz
5 comentários
  • Liberato Pereira da Silva Filho - 14 de setembro de 2021

    Diniz ,o que você pretende fazer o Vasco vem fazendo há muito tempo e,diga se de passagem tem sido um horror e as causas de muitas derrotas ,o Vanderlei já entregou vários gols ,Castan que gosta de trocar passes com o seu companheiro de zaga também já entregaram vários lances de gol ,saindo lá de trás com a bola quando chega ao ataque ,a defesa adversária já fica toda posicionada pra dar o bote tem sido assim sempre ,com Jorginho ,Mendes e outros .Vamos torcer que dê certo ,eu ainda não vi ,no Vasco não .Mas já vi contra o Vasco mesmo ,o adversário dar um chutão pra frente e conseguir marcar gol .Ainda está engasgada na garganta da torcida aquela do Vanderlei entregar bola para um companheiro de defesa que acabou com um gol do adversário ,foram tantos que nem sei qual foi contra quem .Foi ridículo .

    Responder
  • Carlos Tavares De Oliveira - 14 de setembro de 2021

    Dinis nois torcedores estamos juntos.faça o seu.melhor.estamos te apoiando.a melhor defesa e o ataque.mais se você achar qui deve trocar o goleiro nois te apoiaremos.eu acho na minha opinião aí na base temos coisa melhor olha com carinho que tu vai achar.

    Responder
  • André luiz mendes - 14 de setembro de 2021

    Diniz boa tarde tbm cara na minha opinião vc deveria troca de goleiro primeiramente ele e velho pra posição já perdeu os reflexos sai mal do gol não sebe arma um barreira e ainda pior para o futebol moderno e dinâmico como de hj em dia Se vc fizer isso vai dar um grande passo para nosso retorno o resto vc já sabe oq fazer a final vc e um técnico de primeira divisão Fassa as.coisas serras 🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🥶🥶🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🚝🚝🚝🙏🙏🙏🙏🙏🚝🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽🚝⚽⚽⚽⚽🚝🚝🚝🚝⚽🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽🙏🙏🙏🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🥶🥶🥶🥶🥶🥶🥶⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽🙏🙏🙏🙏🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽🚝🚝🚝🚝⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽⚽🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝🚝

    Responder
  • Raimundo Vicente de Souza - 14 de setembro de 2021

    Eu sou do tempo que goleiro usava era as mãos, é melhor da chutão pra frente do que ficar inventando lá atrás, até porque nossos zagueiro não tem lá essas qualidades.
    Bola pra frente!

    Responder
  • Alcimar Alves dos Santos - 13 de setembro de 2021

    Dinis pede outro goleiro ou treina os reservas para isso porque Vanderlei não

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
16 de setembro de 2021
Diniz revela frustração com empate, mas destaca atuação do Vasco: ‘Gostei de tudo’

Fernando Diniz não escondeu a decepção com empate do Vasco da Gama com o CRB, mas elogiou o desempenho do time.

Fernando Diniz rasga elogios a Nenê por boa estreia pelo Vasco

Técnico do Vasco da Gama, Fernando Diniz, rasga elogios para a boa atuação de Nenê, na estreia do jogador contra o CRB.

Pássaro é suspenso por 15 dias pelo STJD e não poderá ir aos estádios

O diretor executivo do Vasco da Gama, Alexandre Pássaro, já não esteve no Estádio Rei Pelé e acompanhou o jogo contra o CRB no hotel.

Próximos jogos do Vasco

Veja os próximos jogos do Vasco da Gama nesta temporada 2021, que serão disputados pela Série B do Brasileiro.

Assista aos melhores momentos de CRB 1 x 1 Vasco

Veja o que de mais importante aconteceu no empate entre o Vasco da Gama e o CRB, pela 24ª rodada da Série B.

Germán Cano marca contra o CRB e põe fim a jejum de 10 jogos sem gols pelo Vasco

Germán Cano abriu o placar contra o CRB nesta quinta-feira e colocou fim a jejum de 10 jogos sem gols pelo Vasco da Gama.

Notas dos jogadores do Vasco contra o CRB

Notas dos jogadores do Vasco da Gama na partida desta quinta-feira, contra o CRB, pela 24ª rodada da Série B do Brasileiro.

Sabor de derrota! Vasco empata com o CRB e segue longe do G4

Na estreia do técnico, Fernando Diniz Vasco da Gama empatou com o CRB fora de casa, com direito a gol no fim, e se manteve longe do G4.

Miranda é suspenso pela Conmebol por tempo indeterminado

O zagueiro do Vasco da Gama, Miranda, está com a delegação vascaína em Maceió, e possivelmente seria titular contra o CRB.

Olho no rival! Escalação do CRB contra o Vasco

Confira a escalação do CRB para o jogo contra o Vasco da Gama nesta quinta-feira, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Veja mais notícias