Edmundo chama 777 Partners de agiotas e pede ajuda para expulsar empresa do Vasco

Ex-atacante do Vasco da Gama, Edmundo subiu o tom e atacou a 777 Partners, dona de 70% do futebol do Clube.

Edmundo relembra saída do Vasco em 1993
Edmundo em entrevista ao podcast Flow Sport Club (Foto: Reprodução/ Flow Sport Club)

Crítico ferrenho da 777 Partners, Edmundo considera que os torcedores do Vasco foram enganados pela empresa. Antes do acordo ser fechado, o ídolo do clube apontou que o aporte prometido seria dividido entre investimentos e pagamento de dívidas. Porém, houve uma sinalização de que o cenário caótico nas finanças segue presente nos bastidores.

“As administrações foram ruins e levaram o Vasco ao caos, R$ 700 milhões de dívidas impagáveis. Veio uma empresa que enganou o torcedor vascaíno dizendo que pagaria todas as dívidas, e a compra seria de R$ 1,4 bilhão. R$ 700 milhões para pagar dívidas e R$ 700 milhões para investimentos no futebol”, disse Edmundo, no YouTube.

Apesar das contratações feitas pelo Vasco, Edmundo lembrou que nomes como Andrey Santos, Marlon Gomes e Eguinaldo foram vendidos com aval da 777. Neste cenário, os atletas trazidos não agradaram o ex-jogador, que detonou o acordo envolvendo Hugo Moura. Por fim, o ‘Animal’ ainda pediu ajuda para que os atuais donos da SAF sejam expulsos de São Januário.

“As duas coisas são mentirosas. Nessas janelas, o Vasco mais vendeu que comprou. Quando se fala que investiu R$ 100 milhões, mas esquece de dizer que faturou R$ 190 milhões, se quer mostrar só o lado positivo. As contratações foram muito duvidosas.”

“Ter a obrigação de comprar um atleta depois de quatro partidas é para enganar bobo. Como eu não sou bobo, ninguém vai dizer que não tem coisa errada […] A torcida do Vasco tem que ajudar a fazer um mutirão para expulsar esses agiotas do Vasco“, prosseguiu.

Objetivo do Vasco no Brasileirão Série A

Derrotado pelo Athletico, o Vasco segue na zona de rebaixamento. Destacando que, mais uma vez, o Cruz-Maltino vai lutar para não cair, Edmundo enfatizou a necessidade de um bom resultado diante do Vitória.

“Não me interpretem mal, mas o Vasco não joga mais o Campeonato Brasileiro. O Vasco joga para ser o melhor entre seis ou sete times, e ficar fora da zona de rebaixamento ao término do campeonato. O primeiro confronto já perdeu contra o Criciúma. Tem que ganhar do Vitória de qualquer jeito.”

“É triste dizer, que mais uma vez, o Vasco vai lutar para não cair, mas é a realidade. Não temos jogadores para sonhar com coisas maiores.”, lamentou.

Fonte: Torcedores.com

Estamos no Google NotíciasSiga-nos!
3 comentários
  • Responder

    Triste realidade, também achei estranho a obrigação de contrar contratar um jogador depois de apenas 4 partidas.

  • Responder

    Já viram a quantidade de denúncias contra essa empresa, que vai da lavagem de dinheiro à pirâmide financeira? Será que aqueles que fecharam a venda da SAF pela associação não sabiam de nada e nem levantaram a ficha dessa empresa e dos seus negócios? E ainda assinaram um contrato quase todo secreto? Muita inocência.

    • É claro que todos nós, os verdadeiros torcedores Vascaínos, ficamos empolgados com o que foi prometido referente aos investimentos no elenco, pagamentos de dívidas, etc.
      Infelizmente, isso não aconteceu, o resultado é demonstrado na classificação.
      Mas, imaginar que teve inocência durante as negociações de venda para a Saf……
      Não teve inocência, não.
      O que sempre me chamou a atenção foi aquele anunciado “contrato sigiloso”.
      Sigiloso, Por quê?
      Os torcedores não podem saber o que consta no contrato de venda dos direitos do futebol do clube?
      Por quê?

Comente

Veja também
Ednaldo Rodrigues é o presidente da CBF
Brasileirão é paralisado por duas rodadas

O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, comunicou a paralisação do Campeonato Brasileiro por duas rodadas.

Gabriel Pec comemorando gol contra o Fluminense
Gabriel Pec destaca tamanho e exalta fidelidade da torcida do Vasco

Agora no LA Galaxy, dos Estados Unidos, Gabriel Pec fala sobre apoio incondicional da torcida do Vasco da Gama e destaca fidelidade.

Time de futsal do Vasco
Vasco negocia patrocinador master para o futsal

De volta ao Campeonato Brasileiro de Futsal na temporada 2024, o Vasco da Gama está perto de assinar com patrocinador máster.

Pablo Vegetti e Léo Jardim
Vegetti faz comentário inusitado em postagem de Léo Jardim

O atacante do Vasco da Gama, Pablo Vegetti, é conhecido por fazer comentários curiosos em postagens de companheiros.

Time do Vasco no ginásio de São Januário
Vasco surpreende na volta ao NBB e vive grande expectativa para o futuro

O Vasco da Gama teve um retorno surpreendente à elite e teve a melhor campanha do Clube na história do NBB.