Campeonato Brasileiro - 10ª Rodada São Januário
Vasco 1
X
0 Sampaio Corrêa

Deu Vascão! Gigante vence o Sampaio Corrêa e avança na luta pelo G4 da Série B

O Vasco da Gama venceu o Sampaio Corrêa e se colocou em condição de poder entrar no G4 da Série B na próxima rodada.

Castan e Cano comemorando gol contra o Sampaio Corrêa
Castan e Cano comemorando gol contra o Sampaio Corrêa (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O Vasco da Gama superou o Sampaio Corrêa por 1×0, na noite desta sexta-feira (09), em São Januário, pela 10ª rodada da Série B. O gol vascaíno foi Germán Cano, ainda nos primeiros minutos da partida. Com o resultado, o Gigante colocou de vez nos primeiros colocados.

Mais precisamente, o Cruzmaltino chegou a 16 pontos e se colocou em condição de entrar no G4 na próxima rodada. Inclusive, encostou no próprio adversário no confronto, que está entre os primeiros com 18. Foi a primeira vez que o Gigante venceu duas partidas consecutivas na competição.

O Vasco venceu o Confiança pelo mesmo resultado, também em São Januário, só que com gol de MT. Voltando ao jogo contra a Bolívia Querida, o responsável pela assistência para o gol do Camisa 14 foi Léo Matos, numa bela enfiada de bola na medida após jogada pela direita.

Mesmo com a vitória, Marcelo Cabo segue sendo alvo de críticas. O motivo para isso é o rendimento da equipe, que continua abaixo, embora tenha melhorado em relação ao jogo contra o Dragão. O Cruzmaltino jogar de um modo reativo incomoda a muitos vascaínos, mas tem rendido vitórias essenciais para a permanência do técnico.

Primeiro tempo

Jogando em casa, o Vasco da Gama começou o jogo em cima do Sampaio Corrêa. A estratégia funcionou com Germán Cano inaugurando o placar aos 2 minutos. O atacante recebeu uma bela enfiada de bola de Léo Matos e precisou somente dar um toque para o fundo das redes.

O resultado a favor já no começo da partida era tudo o que a equipe de Marcelo Cabo queria para dar o seu ritmo. Se aproveitando da necessidade do adversário, o Gigante apostou num estilo mais reativo, entregando a bola e apostando tudo nos contra-ataques, marcando a saída de bola da Bolívia Querida.

Deu certo em alguns momentos, destaque para a dupla Germán Cano e Gabriel Pec, que criaram situações de perigo lá na frente. O Sampaio Corrêa ficou mais com a bola tanto que, aos 14 minutos do primeiro tempo, chegou a ter 85% de posse. Em média, a equipe maranhense ficou com 70%.

A equipe vascaína se defendeu bem de um modo geral, com um adendo ao lado esquerdo de ataque, onde Pimentinha deu muito trabalho, com sua velocidade e habilidade. Entretanto, nada de muito grande. No mais, o Sampaio Corrêa teve uma oportunidade real, que Vanderlei defendeu, e o Cruzmaltino outras através dos contra-ataques.

O Vasco ofereceu mais perigo pelo lado esquerdo, com as subidas de Zeca e MT, uma delas Marquinhos Gabriel quase anotou e, em outra, Germán Cano finalizou e Mota fez grande defesa. Em cobrança de escanteio, Léo Matos cabeceou e Zé Mário salvou em cima da linha, evitando o que seria o segundo gol vascaíno.

No segundo tempo

Com o resultado ao seu favor, o Gigante seguiu com a estratégia reativa, deixando o Sampaio Corrêa com a bola para sair nos contra-ataques. No entanto, desta vez, o adversário se mostrou melhor postado em campo e apresentou mais perigo, o que deixou Marcelo Cabo em alerta.

O Vasco não voltou bem. As subidas ao ataque não tinham a mesma efetividade e o clima de tensão tomou conta da equipe vascaína, pressionada e envolvida pelo toque de bola da equipe maranhense. Preocupado, Marcelo Cabo mexeu no time com as entradas de Figueiredo e Romulo, nas vagas de Matías Galarza e Gabriel Pec, consecutivamente.

Posteriormente, sem muito resultado, o técnico colocou o garoto Arthur Sales no lugar de MT, além de Martín Sarrafiore na vaga de Marquinhos Gabriel. O Sampaio Corrêa, precisando correr atrás do prejuízo, seguiu pressionando, mas o sistema defensivo vascaíno segurou as pontas, com destaque para Leandro Castan.

A bola não parava no pé de um vascaíno. Toda tentativa de contra-ataque estava falhando. Então, já aos 45 minutos, Marcelo Cabo fez a última cartada: a entrada de Riquelme e saída de Germán Cano, que lutou o jogo inteiro. O garoto, mesmo sem muito tempo em campo, mostrou serviço. Ele protagonizou uma belíssima jogada pela esquerda e quase marcou um golaço, mas chutou para fora e ficou assim: Vasco 1×0.

Análise

É um Vasco que ainda não convence, mas pelo menos tem conseguido vencer. A questão é: até quando jogando assim? Não será sempre que a estratégia reativa irá funcionar, e a falta de repertório preocupa muito. O Gigante até fez um bom primeiro porque se mostrou perigoso nos contra-ataques, com a dupla Germán Cano e Gabriel Pec entrosada.

Ressalta-se também que foi a segunda partida seguida em que o Vasco não teve a sua meta vazada. Muito disso pode ser creditado à presença de Leandro Castan, o capitão vascaíno, que incrementou qualidade e liderança ao sistema defensivo. Ele não vive uma grande fase, mas continua sendo importante dentro do possível, do que as próprias limitações da idade permitem. Ernando também foi bem no jogo.

O diagnóstico é que a situação do Vasco ainda preocupa. Embora esteja melhor na tabela, o rendimento ainda está aquém do que se espera do Gigante. Não precisa ser uma exibição de gala, mas o elenco vascaíno, analisando cada peça de forma individual, ainda pode entregar muito mais. Tem qualidade, mas o coletivo está longe do 100%, e cabe ao técnico resolver isso.

Fotos

Melhores momentos

Confira o vídeo com os melhores momentos da partida, publicado pelo Globo Esporte.

Próximo jogo

Embalado com duas vitórias, o Vasco terá mais um delicado confronto na próxima rodada. O adversário será o Coritiba segundo colocado na tabela com 20 pontos, isso com um jogo a menos, no Couto Pereira. O Alviverde Paranaense ainda não foi derrotado em seu território, o que torna a missão ainda mais delicada. O jogo será na próxima terça-feira (13), às 21h30min.

3 comentários
  • Aurélio Belido - 10 de julho de 2021

    Time merda, técnico burro, retranqueiro, medroso incompetente.
    Time não perdeu por falta de sorte do adversário, foi um verdadeiro massacre.
    FORA CABO, BURRO, INCOMPETENTE, TÉCNICO DE TIME PEQUENO.

    Responder
  • Moura, Henrique - 10 de julho de 2021

    A que ponto o Vasco chegou! Uma vitória com sabor de vexame. Não é desmerecendo o Sampaio, mas um clube que tem um patrimônio como o Vasco ( 60 mil sócios torcedores) jogar encurralado contra uma equipe em q o presidente faz campanha pra chegar a 5 mil sócios, como garantia de acesso, é vergonhoso… Esse técnico e esses diretores têm q serem expulsos de São Januário!!!

    Responder
  • Fernando Ricardo Marques da Silva - 10 de julho de 2021

    FORA, CABO! FORA, CABO!

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
24 de setembro de 2021
Vascaínos protestam na CBF contra arbitragem

Torcedores do Vasco da Gama protestaram na porta da CBF contra erros de arbitragem na Série B do Campeonato Brasileiro.

Prefeitura do Rio autoriza 7.700 torcedores em São Januário no jogo entre Vasco e Goiás

Com a autorização da Prefeitura do Rio de Janeiro, o Vasco da Gama pode receber até 7.700 torcedores em São Januário no jogo contra o Goiás.

CSA vence o Botafogo e Vasco encerra 25ª rodada em 10º na Série B

O Vasco da Gama finalizou a 25ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro na 10ª colocação, há 10 pontos do G4.

Ernando desfalca o Vasco contra o Brusque

Em recuperação de um edema na coxa, o zagueiro Ernando desfalca o Vasco da Gama no jogo contra o Brusque nesta sexta-feira.

Andrey recebe o terceiro cartão amarelo e desfalca o Vasco contra o Brusque

Andrey, volante do Vasco da Gama, levou o terceiro cartão amarelo e não enfrentará o Brusque na próxima sexta-feira.

Escalação do Vasco contra o Brusque

Confira a escalação do Vasco da Gama para a partida contra o Brusque nesta sexta-feira, pela Série B do Brasileiro.

Olho no rival! Escalação do Brusque contra o Vasco

Confira a escalação do Brusque para o jogo contra o Vasco da Gama nesta sexta-feira, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Confira quais canais transmitem o jogo entre Brusque e Vasco

Confira quais canais transmitem a partida entre Brusque e Vasco da Gama, válida pela 26ª rodada da Série B do Brasileiro.

Brusque terá desfalques contra o Vasco

Zé Carlos e Thiago Alagoano desfalcarão o Brusque contra o Vasco da Gama na próxima sexta-feira, no Estádio Augusto Bauer.

Gomes? Galarza? Amorim? Os cenários para a escalação do Vasco contra o Brusque

Tirando as duas ausências, o técnico do Vasco da Gama, Fernando Diniz, deve manter o mesmo time que mandou a campo nos outros jogos.

Veja mais notícias