Crise no Vasco foi a pior na carreira de Fernando Prass

Fernando Prass jamais sofreu na pele tanta humilhação em 14 anos de carreira.

Derrota traz ensinamentos. Mas, no caso do Vasco, a lição veio com uma crise sem precedente. A pior campanha do clube na história do Campeonato Carioca vitimou o técnico Paulo César Gusmão e o meia Carlos Alberto. Quem ficou no clube diz que as quatro derrotas seguidas na abertura da Taça Guanabara vão ajudar a amadurecer o grupo. O goleiro Fernando Prass, um dos mais experientes do elenco, jamais sofreu na pele tanta humilhação em 14 anos de carreira.

Fernando Prass

“Vivi situações curiosas, mas nada como esta. O lado bom é que o grupo se fortaleceu com tudo isso. Hoje, temos mais estrutura para reagir numa nova série de derrotas”, alertou Prass.

O goleiro acredita que os jogadores ganharam experiência com o episódio. Em meio à crise, os jogadores se fortaleceram. O mau rendimento da equipe foi meramente técnico. Apesar das saídas de PC e Carlos Alberto, o ambiente entre os dois era amistoso, assim como a relação com Felipe. Os dois jogadores podiam não ser amigos, já que nunca atuaram juntos. Mas pessoas próximas a eles afirmam que não havia problema de relacionamento.

Fernando Prass revela ainda que as adversidades mostraram um elenco repleto de líderes. Quando se esperou que a força para a reação estaria na rodagem de Carlos Alberto e Felipe, outros jogadores, cada um com a sua característica, ajudaram a pôr a casa em ordem.

“Deu pra ver que este grupo tem várias lideranças. Temos o caso do Eduardo (Costa), jogador de Seleção Brasileira. O Marcel, um cara experiência. O Dedé, apesar de jovem, me surpreende, tem uma liderança incrível. Observa muito”, listou o goleiro completando: “E outros jogadores experientes, como o Felipe, o Careca. O próprio Ramon, com aquele jeito dele, mais expansivo. Tem o Éder Luis, que é mais calmo, não tem o perfil tão expansivo, mas é um cara que é bem centrado, tem sempre uma palavra, uma colocação bem centrada, mais tranquila”.

Fonte: ig

Nenhum comentário ainda.
Deixe sua opinião

Últimas notícias
23 de janeiro de 2022
Caio Lopes deve acertar com o Leganés, da 2ª divisão da Espanha

Cria da base do Vasco da Gama, meia Caio Lopes deve acertar sua transferência para o Leganés, da segunda divisão da Espanha.

Confira a programação semanal do futebol profissional do Vasco

Veja a agenda do futebol do Vasco da Gama na semana em que a equipe faz sua estreia no Campeonato Carioca.

Ex-Vasco, Alan Kardec pode voltar ao futebol brasileiro

Atacante revelado na base do Vasco da Gama, Alan Kardec está há quatro meses sem receber salários na China.

Confira o provável time do Vasco na estreia do Carioca contra o Volta Redonda

Veja a provável escalação que o técnico Zé Ricardo deve mandar a campo na estreia do Vasco da Gama no Campeonato Estadual.

Às vésperas do Carioca, Castan e Vanderlei seguem com futuro indefinido no Vasco

Com a estreia do Estadual batendo na porta, Leandro Castan e Vanderlei seguem com suas situações incertas no Vasco da Gama.

Elenco campeão da Copinha 1992 se reúne para celebrar 30 anos da conquista

Estiveram presentes nomes como Pimentel, Alex Pinho, Leandro Ávila e Valdir Bigode; Vasco da Gama faturou o título do torneio sobre o SP.

Parabéns, fera! Juninho completa 21 anos neste domingo

Uma das principais promessas do Vasco da Gama, Juninho nasceu em 23 de janeiro de 2001; em 2022, meio-campista deve ter mais protagonismo.

Definida a arbitragem para o jogo entre Volta Redonda e Vasco

Confira a arbitragem para o jogo entre Volta Redonda e Vasco da Gama nesta quarta-feira, no Raulino de Oliveira, pelo Carioca.

Vasco estaria tentando redução salarial para manter Vanderlei no elenco

Caso o goleiro aceite a sugestão, a tendência é que continue no Vasco da Gama para 2022, disputando posição com Thiago Rodrigues e Halls.

Vasco estreará no Carioca com equipe reformulada

O Vasco da Gama vem reformulando a equipe buscando fazer um boa temporada e mirando o acesso à Série A do Brasileiro.

Veja mais notícias