Confira os motivos que evitaram a demissão de Ricardo Sá Pinto

A diretoria do Vasco da Gama não cedeu à forte pressão e decidiu manter o técnico Ricardo Sá Pinto no comando da equipe.

Ricardo Sá Pinto, novo técnico do Vasco
Ricardo Sá Pinto, novo técnico do Vasco (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Apesar da forte pressão pela demissão do técnico Ricardo Sá Pinto, o Vasco decidiu manter o português no comando da equipe, ao menos, até o clássico diante do Fluminense, domingo, em São Januário. A goleada sofrida contra o Grêmio parecia ter sido a pá de cal no trabalho do treinador, que já vinha balançando no cargo desde a eliminação na Copa Sul-Americana. No entanto, um voto de confiança foi dado, tendo vários argumentos envolvidos.

O principal deles foi a posição do VP de futebol, José Luís Moreira, que é contra a demissão por entender que Ricardo Sá Pinto ainda não teve tempo para implementar a sua filosofia de jogo. Além disso, existe a consideração pelo fato do treinador ter aceitado o desafio de atravessar o Atlântico para iniciar um trabalho com a temporada na metade e em meio a uma pandemia.

A semana cheia para treinos e o retorno de Germán Cano também foram pontos importantes para José Luís Moreira vencer a queda de braço pela permanência da comissão técnica. Vale lembrar que Ricardo Sá Pinto não teve o artilheiro nos últimos três jogos (Ceará, Defensa Y Justicia e Grêmio), justamente a pior sequência do português pelo Vasco. O dirigente é o principal expoente político da atual gestão e foi o principal entusiasta pela contratação do treinador.

NOVA DÍVIDA E AUSÊNCIA DE UM SUBSTITUTO

A questão financeira também pesou na decisão de manter Ricardo Sá Pinto no comando técnico do Vasco. Uma rescisão contratual implicaria em mais uma dívida, que provavelmente seria quitada na próxima gestão, podendo causar ainda mais problemas políticos. O clube já está devendo os salários de outubro para funcionários e jogadores.

Além do mais, o substituto ideal apontado por aqueles que são contrários à permanência de Sá Pinto, é Vanderlei Luxemburgo, que comandou o Vasco no ano passado e livrou o time do rebaixamento sem sustos. No entanto, um retorno do treinador é encarado com muita dificultade, tendo em vista que o clube deve dinheiro a ele e segue com os salários atrasados, condição determinante para Luxa não renovar com o Cruz-Maltino em dezembro de 2019.

Vanderlei Luxemburgo está sem clube desde que foi demitido do Palmeiras, em outubro deste ano.

Fonte:  Esporte News Mundo

Leia mais sobreRicardo Sá Pinto
13 comentários
  • junin - 9 de dezembro de 2020

    Com essa gestão bosta , até viramos fregueses dos nossos antigos fregueses, bostafogo e frumerdense.

    Responder
  • Carlos Fernando de G. Santos - 9 de dezembro de 2020

    Um time, se não ajustado, não engrena. É necessário o empenho de todos, para evitar o rebaixamento. Diretoria, jogadores e comando técnico!!

    Responder
  • Almezindo demartini firmino - 8 de dezembro de 2020

    Primeiro a culpa não está no técnico e sim na panela que algunjogadores fizeram para derrubar ele esses jogadores tinham que tomar vergonha na cara porque eles são empregados do clube aqui na rádio cultura onde eu moro no espirito Santo o radialista falou q no intervalo do jogo grêmio e vasco que o castan eo sapinto cortaram na porrada por isso q ele não voltou pro segundo tempo

    Responder
  • Francisco Cabral Gama - 8 de dezembro de 2020

    Com esse time e essa comissão técnica, nós vascaínos, vamos continuar sendo motivo de chacota, falta esse time criar vergonha na cara e começar a jogar, que vergonha, cada partida um vexame. Ridículo.

    Responder
  • Cesar Morais - 8 de dezembro de 2020

    Podemos ver o exemplo do São Paulo, queriam demitir o técnico Fernando Diniz, ganhou sobrevida e o resultado está aí(claro que o elenco é muito melhor do que o do nosso Vasco).
    O que deve ser feito é a turma trabalhar dobrado, ensaiar jogadas pro matador Cano, e os jogadores criarem vergonha do futebol pífio (eu joguei bola amador, e quando via algum adversário correndo mais que eu , aí eu me superava) e esses bananas do Vasco(com raras exceções,Cano, Benites e Gil), ficam aceitando tudo. Tem que ter brio.

    Responder
    • Francisco Cabral Gama - 8 de dezembro de 2020

      Com esse time e essa comissão técnica, nós vascaínos, vamos continuar sendo motivo de chacota, falta esse time criar vergonha na cara e começar a jogar, cada partida um vexame.

  • MARCOS ALBERTO MATSUSHIMA - 8 de dezembro de 2020

    Para com isso
    Que consideração o que
    Manda vaza esse portuga
    Vai acabar de derrubar o vasco!

    Responder
  • Eduardo - 8 de dezembro de 2020

    Um motivo principal é que o Golpelo safado gosto do pinto sem vergonha

    Responder
  • Patricia Alencar - 8 de dezembro de 2020

    Adorei seu conteúdo Parabéns, bem completo e dinâmico.
    Era exatamente o que eu estava buscando na internet e
    todas as minhas dúvidas foram tiradas aqui. Muito sucesso e
    gratidão!

    Responder
  • Vlademir Aluísio Costa - 8 de dezembro de 2020

    Diretoria, vai criar vergonha na cara. O problema não está no Sá Pinto..
    Está na falta de atletas que fazem a diferença como estão fazendo os gringos..
    Porque os brasileiros da Colina trocado por merda, Custa cara..
    Tragam de volta..
    Max Loppes o TANKE , Martin Silva e assim completaria os raçudos que o Vasco precisa..

    Responder
  • Tom silva - 8 de dezembro de 2020

    Vai pro inferno seu Zé do táxi ! Você também é outro que tem que sair junto com campello , salgado e toda esses papa defuntos que estão aí chega de mamar na teta do Vasco não sai mais leite só sai sangue !!!

    Responder
    • Waldionor Monteiro Silva - 8 de dezembro de 2020

      Mais Um Vexame, Vai Ser Outra Derrota é Certa o Time é Muito Ruim!!!!!

  • Michael - 8 de dezembro de 2020

    Essa diretoria fdp quer ver o Vasco cair mais uma ves esse técnico burro retranqueiro e pior que o abel três salgueiro e o fim do mundo não tem esquema tático nenhum e terrível o pior tina da serie a

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
29 de novembro de 2021
Deyverson reafirma ser torcedor do Vasco

Algoz do Flamengo na final da Taça Libertadores, o atacante Deyverson voltou a dizer que é torcedor do Vasco da Gama.

Jogo do Vasco está entre as maiores rendas da história do Brasileiro de pontos corridos

Partida do Vasco da Gama aparece entre as maiores rendas já registradas entre todas as edições do Brasileiro por pontos corridos.

28 de novembro de 2021
Luana Carvalho é campeã no Pan Júnior de Cali e garante vaga em Santiago 2023

A judoca da /Umbra-Vasco, Luana Carvalho foi campeão nos Jogos Pan-americanos Júnior Cali 2021 e garante vaga para Santiago em 2023.

Elenco do Vasco entra de férias nesta segunda-feira

Assessoria de imprensa do Vasco da Gama informou que todos os atletas iniciam as férias, inclusive os que têm idade para disputar a Copinha.

Torcedora do Vasco ganha camisa de Nenê no Estádio do Café

Torcedora do Vasco da Gama se emocionou ao receber a camisa do ídolo Nenê, após a partida contra o Londrina.

Vasco termina a Série B a 6 pontos do Z4 e sem entrar no G4 em nenhuma rodada

O Vasco da Gama conquistou 49 pontos na Série B; Remo, 17º colocado, fez 43, enquanto que o Avaí, 4º lugar, 64.

Vasco deixa a desejar, passa vexame e termina a temporada de forma melancólica

O Vasco da Gama mais uma vez deixou a desejar em campo e terminou a Série B 2021 sendo derrotado pelo Londrina por 3×0.

Vasco encerra a temporada 2021 em 10º lugar na Série B

Vasco da Gama encerra a temporada 2021 em 10° lugar na Série B, com 43% de aproveitamento e a pior participação na competição.

Foto de Deyverson com Eurico Miranda viraliza após conquista da Libertadores

Uma foto antiga do vascaíno Deyverson ao lado de Eurico Miranda viralizou após ser decisivo contra o Flamengo, pela Libertadores.

Salgado pede desculpas à torcida e revela que planejamento para 2022 já começou

Em coletiva com problemas técnicos, presidente do Vasco da Gama falou sobre a reformulação do departamento de futebol para o ano que vem.

Veja mais notícias