Colégio Vasco da Gama se reúne com pais de alunos em São Januário

O Colégio Vasco da Gama organizou reunião com os pais dos alunos nesta sexta-feira para informar sobre o ano letivo de 2021.

França Fernandes
Por França Fernandes
-  19 de fevereiro de 2021 às 21:11-  Atualizada em 19 de fevereiro de 2021 às 21:11
Reunião do Colégio Vasco da Gama com pais de alunos
Reunião do Colégio Vasco da Gama com pais de alunos (Foto: Bruna Teixeira/Vasco)
data-full-width-responsive="true"

Na manhã desta sexta-feira (19/02), o Colégio Vasco da Gama organizou reunião com os pais dos alunos para informar sobre o ano letivo de 2021. As famílias presentes receberam kit do Vasco para o início do período escolar que a princípio será online. Assuntos cruciais foram tratados como a importância da responsabilidade familiar em conjunto com a escola para impactar positivamente a formação dos jovens. Outra questão debatida foi a adaptação das aulas online através de interação e tecnologia, em busca de melhores resultados para os alunos.

O diretor do Colégio, Wilson de Carvalho, explicou como está sendo feito parte processo em prol do ensino de qualidade e falou sobre a importância do apoio familiar no desempenho dos jovens.

– Uma editora vai nos fornecer o material didático e plataforma durante quatro anos. Nós teremos uma ferramenta muito boa para desenvolver o nosso trabalho. Toda parte artesanal não existe mais. Tudo está sendo informatizado e passado para os pais. O mais importante desse encontro é fazer com que a família seja participativa, como integrantes da educação- enfatizou Wilson, que logo em seguida acrescentou o benefício do atleta se formar no Vasco.

– O diferencial do colégio é a educação dos nossos alunos, pois ela precisa ser adequada a rotina de atleta também. Em outra escola não existe esse tratamento. Aqui no Colégio Vasco da Gama toda matéria aplicada é relacionada de alguma forma ao esporte, atraindo o interesse dos jovens. Eles recebem a matéria regular, mas sempre usando como exemplo as modalidades de forma personalizada. Vai falar de física? Usa o cruzamento da bola na área. Vai falar de matemática? Usa a natação. Na aula de história a gente adiciona a trajetória do nosso clube que está muito ligada a do Brasil- relatou o diretor Wilson.

Vale ressaltar que o Vasco valoriza o esporte, mas também está preocupado com o desenvolvimento do cidadão na socidade. Desde cedo defendendo as lutas sociais, o Clube carrega no seu DNA a inclusão e o respeito por todas as pluralidades. Dando oportunidade a um estudo de qualidade, os 272 alunos atuais têm a oportunidade de ampliarem seus horizontes, da mesma forma que muitos atletas tiveram passando pelo local. Nesses quase 17 anos de escola, a adaptação da escola em relação a rotina dos atletas é fundamental para melhorar a qualidade de vida de todos. O Diretor Wilson destacou como as necessidades deles podem impactar no calendário escolar.

– Nós temos a aula regular que ele assistem normalmente. Quando entra o período de competição entram as complementares. Os alunos vão para as competições e levam com eles o programa do Google. Mesmo eles estando em algum campeonato, no tempo livre, eles assistem as aulas. Enquanto eles estiverem concentrados na competição, provavelmente não vão conseguir dividir o tempo com o estudo, mas na hora que eles acham que têm uma folga, eles estudam e não perdem conteúdos. Além disso, se for necessário a gente faz um calendário de provas diferenciado, obviamente, com tudo sendo informado para Secretaria de Educação- concluiu Wilson.

Muitos familiares estiveram presentes na reunião de hoje, apoiando o futuro dos atletas. Entre os que compareceram estava a mãe Luana Ramos, responsável pelo aluno Victor, atleta do futebol de base sub-14 do Vasco. Ela falou sobre a relação do filho dela com o Colégio Vasco da Gama.

– O Vitinho estuda aqui desde o quinto ano, hoje está no nono e eu confio bastante na escola. Mesmo na pandemia os alunos foram abraçados e eles estão fazendo as aulas online, as atividades solicitadas de forma coletiva e estamos com esperança que voltem com as aulas presenciais, pois eles sentem falta de estarem com os colegas e professores diariamente. Nós estamos muito felizes com o Colégio Vasco da Gama. Temos todo suporte necessário e para nossa família é muito importante, porque o Vitinho treina no Vasco. Normalmente ele vem para escola na parte da manhã, depois almoça no clube, vai para o treino e janta em São Januário. Só temos motivos para agradecer ao Vasco da Gama por todo suporte oferecido aos atletas e por cuidarem tão bem dos nossos filhos- descreveu Luana.

O jovem Vitinho fez questão de expressar o sentimento dele por fazer parte dessa história vitoriosa e revela a sala de aula que gostaria de estudar em 2021. Lembrando que no ano passado sete jogadores icônicos da base do Gigante da Colina, que passaram pelo Colégio Vasco da Gama, foram homenageados com salas de aulas personalizadas, inspirando novos talentos.

– É uma honra imensurável estar aqui, pois milhares de torcedores tem o desejo de vestir a camisa do Vasco, estudar no clube e jogar defendendo a Cruz de Malta. Nós estamos realizando o sonho de muitas pessoas e precisamos aproveitar todas as oportunidades oferecidas pelo Vasco. Eu estou ansioso para as aulas voltarem e gostaria de estudar na sala do Douglas Luiz, um dos jogadores que mais me inspiram da lista dos que passaram pelo Clube. Atualmente ele está na Europa e eu acompanho todo trabalho dele, principalmente na Seleção Brasileira. Quando o Douglas era do Sub-20 eu cheguei no Vasco, acompanhei a subida dele para o profissional e logo em seguida ele estava na Europa. Tenho até foto com ele e ótimas lembranças. Acho muito legal a história do Douglas por ter passado pelo Vasco e conquistado vôos altos- Vitinho finalizou o bate-papo emocionado, garantindo que está animado com o início do ano letivo.

Fonte: Site Oficial do Vasco