Cabo justifica opção por 3 zagueiros no fim do jogo e elogia defesa do Vasco

Treinador do Vasco da Gama, Marcelo Cabo explicou suas escolhas no fim da partida contra o Tombense e enalteceu a defesa Cruzmaltina.

Altair Alves
Por Altair Alves
-  8 de abril de 2021 às 01:32-  Atualizada em 8 de abril de 2021 às 02:10
Marcelo Cabo em entrevista após o jogo contra o Tombense
Marcelo Cabo em entrevista após o jogo contra o Tombense (Foto: Reprodução Vasco TV)
data-full-width-responsive="true"

Foi com emoção, mas o Vasco conseguiu avançar para a terceira fase da Copa do Brasil ao vencer o Tombense por 2×1 na noite desta quarta-feira (07). O Cruzmaltino fez dois gols no início de cada tempo, e parecia ter o controle do jogo e classificação bem encaminhada.

Contudo, o técnico Marcelo Cabo optou por jogar com três homens na linha defensiva a partir dos 30 minutos da etapa complementar, o que deu mais terreno para o time mineiro agredir o Gigante da Colina, o recuo dos vascaínos resultou em um gol do Tombense nos minutos finais que poderia ter comprometido a classificação.

Na entrevista coletiva pós jogo, o comandante Cruzmaltino explicou a alteração feita no esquema tático da equipe e defendeu as alterações promovidas no time.

– Três zagueiros, tínhamos 30 minutos, eles botaram Rubens e Daniel, que foram meus atletas. Primou por 4-4-2 e colocou dois jogadores com mais de 1,90m, e eles iam alçar bolas aéreas. Procurei espelhar com três zagueiros, tendo dois na marcação e um na sobra. Tombense não pressionou, ficou alçando bola na área. Eu precisava reforçar essa bola aérea. Acabamos dando bom encaixe ali. Tiveram a bola na intermediária, tivemos duas ou três boas transições, e poderíamos ter feito o terceiro gol.

Marcelo Cabo também elogiou todo sistema defensivo do Time da Cruz de Malta, destacando o fato que os atletas atuaram juntos pela primeira vez.

– Não só os dois laterais estiveram muito bem, mas a dupla de zaga esteve muito bem. Pela primeira vez jogaram juntos e trouxeram muita experiência. E os dois volantes deram muita proteção. O Everton tem muita qualidade e hoje ele não teve muito espaço porque a marcação foi muito bem encaixada.

Apesar do Vasco ter sofrido mais um gol de bola alçada na área, o treinador classificou a atuação do time como “segura” e lamentou as chances desperdiçadas pela equipe.

– A marcação foi bem encaixada, o sistema defensivo funcionou muito bem. Tivemos uma bobeada coletiva e sofremos gol em bola levantada. Fizemos um jogo seguro, controlado e tivemos umas oito chances reais dentro da área que poderíamos ter definido. Quero parabenizar a equipe pelo jogo controlado e pelas inúmeras chances que tivemos. A segurança e o equilíbrio do conjunto foram muito importantes.

Enquanto aguarda seu adversário na terceira fase da Copa do Brasil, o Vasco terá uma semana livre para se preparar para o clássico contra o Flamengo, no próximo dia 14, às 21h, no Maracanã, pela nona rodada do Campeonato Carioca.

Leia Mais Sobre