Após goleada na estreia, Lisca tenta encontrar soluções para o ataque do Vasco

Depois de vencer o Guarani por 4x1 na estreia de Lisca, o Vasco da Gama perdeu duas vezes por 2x0, isto é, sem balançar as redes adversárias.

Lisca em sua estreia pelo Vasco
Lisca em sua estreia pelo Vasco (Foto: Alexandre Durão)

O Vasco da Gama viveu uma espécie de ”lua de mel” com Lisca nos seus primeiros dias de trabalho. Antes de sua apresentação, o treinador conheceu as dependências do Clube, gravou vídeos institucionais e sempre demonstrou bastante entusiasmo por estar no Gigante da Colina.

E isso acabou ficando ainda mais aflorado após a goleada por 4×1 sobre o Guarani na estreia do técnico.

No entanto, após as derrotas para São Paulo, no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, e Botafogo, pela Série B do Campeonato Brasileiro, o momento de tranquilidade acabou.

E o principal problema a ser corrigido, neste momento, passa a ser o ataque cruzmaltino. O placar elástico contra o Guarani iludiu o torcedor e, depois dele, o Gigante da Colina não conseguiu mais balançar as redes adversárias.

Nas duas primeiras partidas, foram utilizados como titulares Gabriel Pec, Léo Jabá e Germán Cano. Já contra o Botafogo, o primeiro deu lugar a Morato.

Nesta quarta (04), novamente diante do São Paulo, valendo vaga nas quartas de final da Copa do Brasil, com o retorno de Zeca à lateral-esquerda, há possibilidade de MT voltar ao meio de campo, sua posição de origem, desfazendo, assim, o esquema com três atacantes.

Outra possível mudança é a entrada de Sarrafiore na vaga de Marquinhos Gabriel, que vem sendo criticado nos últimos jogos.

– Não estamos conseguindo, dentro das características da equipe, ter eficácia, efetividade no último terço do campo. Então, vamos ter que analisar e, talvez, mudar a estratégia – disse Lisca na última entrevista coletiva, pós-derrota para o Botafogo.

Fato é que, independentemente de quem entrar, o treinador precisa encontrar soluções urgentemente. Neste momento, o Cruzmaltino ocupa o 10º lugar na Série B, com 22 pontos, estando a quatro do G4.

No próximo sábado, encara o Vitória, no Barradão, em Salvador, às 19h30min, em partida válida pela 16ª rodada da competição.

Leia mais sobreLisca
10 comentários
  • Márcio Mendes Pacheco - 4 de agosto de 2021

    Se Lisca tá achando que o ataque que não está funcionando, então ele está perdido na função que está. A bola não chega no ataque, quando a bola passa do meio campo , eles voltam o bola pra trás para o goleiro. O problema do Vasco é meio de campo e zaga. Esse Vasco tá fudido mesmo. A bola não chega no atacante .

    Responder
  • Edmilson Sena da Costa - 3 de agosto de 2021

    Barrou barata morta Marquinho Gabriel
    Barrou o lesma
    Ernandes
    Barrou o chinelinho de dedo
    Morato
    Barrou o preguiça
    Andrei
    Aleluia 🙏🙏

    Responder
  • CESAR MORAIS - 3 de agosto de 2021

    O problema é o meio de campo que não tem visão de jogo, só quer jogar pro lado e para trás, o ataque com Cano fuciona se M. Gabriel, Léo Jabá e G. Pec, pararem de ser individualistas e jogarem para o time, e não boicotar o artilheiro, matador, Não lançam uma para ele. a defesa marcar por zona e não a bola, serem mais rápidos na transição(defesa e meio)

    Responder
    • Adriano Ayres - 3 de agosto de 2021

      NO ATAQUE TEMOS O MATADOR CANO…….AGORA, QUEM VAI LEVAR A BOLA ATÉ ELE????

  • Carlos Tavares De Oliveira - 3 de agosto de 2021

    Se o Mauro Galvão entrar com a idade que tem faz melhora do que eles pernas de Pau que só subam sangue

    Responder
  • Lima - 3 de agosto de 2021

    Não temos dúvida que o ataque é importante, mas se não tiver uma zaga qualificada e um meio que faça a bola chegar ao ataque com possibilidade real de finalização, pode contratar o melhor atacante, coisa que não precisamos pois temos o Cano. Para os lados do ataque temos o Jabá e o Pec, mas não adianta se o Marquinhos tá morto e não consegue ser eficiente na armação. Precisamos de um zagueiro, um lateral esquerdo (o Zeca pode ser um bom reserva para as duas laterais), um volante e um meia de armação e se der, um atacante que jogue pelos lados. Dinheiro para isso? Manda embora os encostados e aqueles que não estão produzindo nada em campo. OBS: não tragam jogador morto, pois os que chegaram estão virando coveiros e estão enterrando o time.

    Responder
    • Matheus - 3 de agosto de 2021

      Parabéns Lima o seu comentário foi o mais sensato. Eu só acrescentaria que com esse MT, não dá.

  • Marden Góes - 3 de agosto de 2021

    A RECEITA PARA A SOLUÇÃO É SIMPLES: A DIRETORIA TER VERGONHA NA CARA E CONTRATAR JOGADORES DO NÍVEL , DA ALTURA E TRADIÇÃO DO NOSSO GIGANTE DA COLINA, NÃO ESSES MERDAS, COM RARÍSSIMAS EXCEÇÕES, QUE ESTÃO NO TIME CONTRATOS COMO REFORÇOS. JOGADORES VELHOS, CANSADOS, MACHUCADOS E SÓ DORMEM NO DEPARTAMENTO MÉDICO. ESSE TIPO DE CONTRATAÇÃO SÓ PODE SER VIA RACHADINHA, JOGADOR GANHA, EMPRESÁRIO GANHA, DIRETOR GANHA E O VASCÃO QUE SE F…D… É isso aí, Marden Góes. ETERNAMENTE VASCO!

    Responder
  • Roberto Rangel - 3 de agosto de 2021

    Amigos; sempre soube q a melhor defesa e o ataque, so q no Vas

    Responder
  • Valdecir valdivino - 3 de agosto de 2021

    Os caras so falam do ataque e a defesa com os dois lerdos ,lentos e um cabeça de área que não tem pegada,acorda lisca!!!!!!

    Responder
Deixe sua opinião

Últimas notícias
16 de setembro de 2021
Diniz revela frustração com empate, mas destaca atuação do Vasco: ‘Gostei de tudo’

Fernando Diniz não escondeu a decepção com empate do Vasco da Gama com o CRB, mas elogiou o desempenho do time.

Fernando Diniz rasga elogios a Nenê por boa estreia pelo Vasco

Técnico do Vasco da Gama, Fernando Diniz, rasga elogios para a boa atuação de Nenê, na estreia do jogador contra o CRB.

Pássaro é suspenso por 15 dias pelo STJD e não poderá ir aos estádios

O diretor executivo do Vasco da Gama, Alexandre Pássaro, já não esteve no Estádio Rei Pelé e acompanhou o jogo contra o CRB no hotel.

Próximos jogos do Vasco

Veja os próximos jogos do Vasco da Gama nesta temporada 2021, que serão disputados pela Série B do Brasileiro.

Assista aos melhores momentos de CRB 1 x 1 Vasco

Veja o que de mais importante aconteceu no empate entre o Vasco da Gama e o CRB, pela 24ª rodada da Série B.

Germán Cano marca contra o CRB e põe fim a jejum de 10 jogos sem gols pelo Vasco

Germán Cano abriu o placar contra o CRB nesta quinta-feira e colocou fim a jejum de 10 jogos sem gols pelo Vasco da Gama.

Notas dos jogadores do Vasco contra o CRB

Notas dos jogadores do Vasco da Gama na partida desta quinta-feira, contra o CRB, pela 24ª rodada da Série B do Brasileiro.

Sabor de derrota! Vasco empata com o CRB e segue longe do G4

Na estreia do técnico, Fernando Diniz Vasco da Gama empatou com o CRB fora de casa, com direito a gol no fim, e se manteve longe do G4.

Miranda é suspenso pela Conmebol por tempo indeterminado

O zagueiro do Vasco da Gama, Miranda, está com a delegação vascaína em Maceió, e possivelmente seria titular contra o CRB.

Olho no rival! Escalação do CRB contra o Vasco

Confira a escalação do CRB para o jogo contra o Vasco da Gama nesta quinta-feira, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Veja mais notícias