Raul exalta motivação de Vanderlei Luxemburgo no Vasco

Líder em desarmes do Vasco da Gama, Raul exaltou a motivação que o técnico Vanderlei Luxemburgo passa para o elenco.

Depois de um início complicado no Campeonato Brasileiro, o Vasco parece ter encontrado dias de mais paz. O que chama atenção após a chegada de Vanderlei Luxemburgo ao clube, além do melhor rendimento em campo, são os treinos sempre abertos à imprensa e os vídeos rotineiros divulgando a escalação da equipe. Para o volante Raul, que falou em entrevista coletiva no CT do Almirante nesta terça-feira, essa abertura é algo bom para o time.

- Vejo como positivo. Somos um grupo que não tem muitas qualidades, mas com jogadores de qualidade individual. Muito se falava fora que estávamos rebaixados. O Luxemburgo mostrar os treinos nos ajuda bastante. Estão mostrando para todos que somos um grupo trabalhador. Vocês veem a gente fazendo treino físico. A entrega do grupo. A torcida vê isso. Por ser um treinador com história, títulos conquistados. A motivação que ele nos dá, nos mostrou a história de conquista do Vasco. A visão de jogo e a parte tática dele são impressionantes. Em alguns jogos, quando estamos com dificuldades, ele mostra o caminho e vencemos - comentou Raul.

Foram sete jogos sem vencer antes dos primeiros três pontos conquistados, contra o Ceará, em São Januário. Apesar disso, a equipe terminou a primeira parte do Brasileirão dentro da zona de classificação para a Sul-Americana. Raul espera que o segundo turno vascaíno seja melhor.

- Oscilamos durante o primeiro turno. Temos que manter a regularidade para conquistar as vitórias em casa e pontuar fora, que é importante. Conquistamos duas vitórias fora que nos deram um salto bom na tabela. É vencer a partida em casa agora. O Campeonato Brasileiro é muito difícil. Se perder, já fica na beira da zona e se vencer duas ou três seguidas, pode pensar na frente. Sabemos da qualidade e da união desse grupo. Temos muita humildade. Se conseguirmos uma sequência, podemos brigar na frente - completou.

Raul conversando com Luxemburgo

Veja outras respostas:

Segundo turno

Sabemos que serão 19 decisões no Brasileirão. Esperávamos terminar o turno com mais dois ou três pontos. Mas temos que ver daqui para frente. Temos um grande desafio no domingo. Temos que somar pontos dentro e fora de casa para conseguir ficar na primeira parte da tabela e almejar coisas maiores. O Athletico é uma equipe muito forte, com toque de bola bom e velocidade pelos lados. O jogo do primeiro turno foi totalmente diferente, não mostra o que fazemos hoje. Temos condições de vencer jogando em casa. É um time forte coletivamente. Estamos analisando o adversário para fazer um bom jogo. Sabemos que eles têm pontos negativos. Temos que neutralizar os positivos e atacar os negativos.

Z4

Nos preocupamos com a zona de rebaixamento. As equipes que estão lá em baixo tem potencial para estar lá em cima. Em dois ou três jogos que deixamos escapar a vitória, se tivéssemos vencido, poderíamos brigar pelo G6. Foram pontos que não podemos deixar escapar no segundo turno.

Pikachu

Influência ter a semana livre. Eles têm o desgaste da viagem e emocional do jogo. Contamos com o grupo todo, temos um elenco reduzido e o Pikachu é um dos líderes. Sabemos a importância dele. Vai nos ajudar bastante. Infelizmente não pudemos contar com ele na última partida.

Clima

O clima é leve quando conquistamos as vitórias. Quando voltamos na reapresentação, é alegria, mas trabalho sério. Quando perdemos estamos tristes, mas sérios. Com as vitórias temos a alegria maior, mas a motivação é a mesma.

Talles Magno

Sabemos que é um garoto de 17 anos, mas responsabilidade de 25, 26 anos. É difícil marcar ele, está em ótimo momento. Sabemos que perderemos sem ele, mas ele estará ganhando por representar nosso país. Esperamos que quem entrar dê conta do recado.

Leia mais sobre: Raul

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »