Jorginho relembra dificuldades com o Vasco na Série B de 2016

O técnico Jorginho, hoje no Coritiba, relembrou a dificuldades que teve no comando do Vasco da Gama na Série B de 2014.

Jorginho tira lições do Vasco de 2016 para conseguir um novo acesso à Série A do Brasileirão, agora com o Coritiba. Naquele ano, o Vasco sofreu nas últimas rodadas, mas subiu com um terceiro lugar. Dessa vez, o técnico assumiu com o Coxa na nona posição, três pontos atrás do G-4.

O novo comandante alviverde lembra que a equipe carioca contava com jogadores experientes, mas não tinha muita velocidade. Isso, segundo ele, pesou na reta final.

- Eu tinha, na época do Vasco, um elenco jogadores com idade avançada. A média passava de 30 anos. Só lembrando de alguns jogadores: Nenê, Andrezinho, Júlio César e Diguinho. Essa foi a maior dificuldade. Tinha uma equipe muito experiente, mas que não era veloz, não dava ao jogo uma intensidade necessária. Por isso que começamos muito bem o campeonato, mas acabamos tendo algumas dificuldades.

Jorginho avalia que, diferente daquele Vasco de 2016, o Coritiba de 2019 tem nomes experientes, mas também tem jogadores de velocidade, o que pode facilitar nessa busca por um equilíbrio.

A distância do Coritiba para o G-4, hoje, é de três pontos. O Coxa, porém, tem um jogo a menos que a maioria dos adversários - adiada, a partida contra o Cuiabá, pela 24ª rodada, ainda não tem data definida.

Em busca de um novo acesso na carreira, o técnico Jorginho destaca a importância de "sangue nos olhos" na Série B. Segundo ele, "tem hora que tem que ser na marra" para conquistar as vitórias na competição.

- A Série B é assim, tem hora que tem que ser na marra. Tem que ser na vontade, na força mesmo porque é muito disputado mesmo. Nem sempre você consegue ganhar um jogo com um sistema tático definido e organizado, mas você ganha com sangue nos olhos, com a vontade. Eu tenho essa equipe. Tenho um elenco que me dá essa possibilidade. A possibilidade de alcançar o sucesso no dia 30 de novembro é grande.

O próximo desafio do Coritiba será contra o América-MG, às 16h30 de sábado, no Couto Pereira. Um provável Coritiba tem Muralha; Diogo Mateus, Sabino, Rafael Lima e William Matheus; Matheus Sales, Giovanni e Luiz Henrique; Juan Alano, Robson e Rodrigão.

Marcelo de Lima Henrique (RJ) apita Coritiba x América-MG, com Michael Correia (RJ) e Andrea Izaura Maffra Marcelino de Sa (RJ) nas bandeiras. Cristian Eduardo Gorski da Luz (PR) será o quarto árbitro.

O GloboEsporte.com acompanha tudo em Tempo Real a partir de 15h30 de sábado, com vídeos dos principais lances. O SporTV (menos para o PR) e o Premiere FC transmitem a partida ao vivo.

Nessa partida, os sócios do clube (exceto das categorias Campeão e Special) poderão levar um acompanhante gratuitamente em seu respectivo setor - confira todos os detalhes da promoção.

Leia mais sobre: Jorginho

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »