Injeção de ânimo? Julio Brant garante Vasco com time forte já em 2021

Julio Brant disse que o Vasco terá uma equipe competitiva já em 2021 através de 'injeção de ânimo' e mudança de mentalidade.

Em entrevista concedida ao canal do jornalista Rica Perrone, no Youtube, o líder da Sempre Vasco e possível candidato à presidência do Vasco da Gama, Julio Brant, disse que, caso vença a eleição, o Gigante já terá uma equipe competitiva em 2021, mas sem gastar dinheiro com contratações, e sim através de uma 'injeção de ânimo' com as presenças dos ídolos Edmundo, Pedrinho e Felipe no vestiário vascaíno.

- Com a gente lá o Vasco vai ter um time competitivo. Não tenho a menor dúvida. Já em 2021. Isso não quer dizer gastar dinheiro ou contratações. Quer dizer injeção de ânimo, de perspectiva, de participação de pessoas que estão dentro do projeto. Nós temos no nosso grupo hoje, que estarão no nosso projeto, não são só apoiadores, os maiores campeões da história do Clube, Edmundo, Pedrinho e Felipe. Esses caras dentro do vestiário tiram leite de pedra. A verdade é essa. Não só pela competência que têm, pela capacidade, como pelo respeito que têm dos atletas. A nossa gestão vai ratificar, vai fortalecer, o respeito do vestiário. Que é mostrar aos jogadores que o sinal mudou, de negativo para positivo. Agora, é claro que como qualquer situação, desde um paciente no hospital até uma empresa como o Vasco, precisa de tempo para recuperar. Isso é óbvio. Ninguém entra hoje e recupera amanhã. Agora, a recuperação moral e a disposição, ela é imediata, isso eu tenho certeza.

Julio Brant acredita que um dos grandes problemas do Vasco em campo é a questão da mentalidade. O conselheiro disse que o Vasco precisa sempre estar brigando por coisas grandes, citando a força base vascaína, que sempre costuma revelar grandes jogadores. Ele ainda reforçou a necessidade de uma mentalidade vencedora para obter grandes resultados citando que, em épocas onde o Gigante conquistou títulos, conseguiu isso mesmo com salários atrasados.

- É uma questão de mentalidade. A mentalidade vencedora está presente no atleta, no profissional, no gestor, sempre. Inclusive e, principalmente, nas adversidades, nos momentos difíceis. Nós temos uma base que forma joadores campeões há 40, 30 anos. Desde que eu me conheço por gente, o Vasco forma grandes jogadores. Então um clube que forma como o Vasco não pode entrar num competição para mirar evitar cair, isso é falta de moral, de mentalidade vencedora. Não tem nada a ver com dinheiro. Claro que salário é importante, claro que ter salário em dia é importante, mas nós já tivemos casos de situações nossas que o Vasco foi campeão com salário atrasado. Isso não quer dizer nada. Não quer dizer exatamente nada. A cabeça de vencedor é fundamental e isso eu vou colocar. É mudar o chip de lamúrias e chororô para o de vamos ganhar e correr atrás do prejuízo porque vocês podem ter certeza que vamos buscar dinheiro para pagar os salários. Agora corram no campo e deixem a gente correr atrás do salário. É o que vamos fazer.

Julio Brant quer implementar uma mentalidade vencedora no Vasco

Candidato nas eleições de 2014 e 2017, Julio Brant ainda não confirmou se será ou não o representante da Sempre Vasco agora em 2020. No entanto, espera-se que seu nome seja confirmado, já que se trata do grande nome político do grupo e que sido o grande porta-voz deles até o momento. Possivelmente, o nome será anunciado apenas em julho, e o próprio conselheiro não se mostrou favorável a fazer campanha durante a pandemia.

Leia mais sobre: Notícias Exclusivas, Julio Brant

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »