Federação Inglesa nega visto e Douglas Luiz será emprestado pelo City

A Federação Inglesa negou visto de trabalho ao ex-vascaíno Douglas Luiz, que será emprestado pelo Manchester City.

A Federação Inglesa negou nesta quinta-feira o visto de trabalho ao volante Douglas, do Manchester City. O clube enviou um relatório com direito a argumentos de Pep Guardiola e Tite para que ele disputasse a Premier League. O técnico da seleção brasileira tem o jogador em seu radar para convocações futuras. Nem isso amoleceu a federação.

Com a negativa, o City provavelmente irá emprestar Douglas novamente. Ele defendeu o Girona, da Espanha, na temporada passada, logo depois de ser contratado do Vasco.

A pré-temporada realizada pelo jogador no último mês deixou Guardiola convencido de que, diante do insucesso das contratações de Fred e Jorginho, que acabaram assinando com Manchester United e Chelsea, respectivamente, a melhor solução era manter Douglas no grupo. Porém, nesta quinta-feira, o clube foi informado de que ele não poderá atuar.

Douglas tem 20 anos e deixou o Vasco rumo ao City por 13 milhões de euros. É um dos meio-campistas que a Seleção observa para os próximos anos, tanto que Tite aceitou participar da tentativa de obter a licença de trabalho.

O processo para essa próxima temporada é praticamente irreversível. O City tentará novamente para 2019/20. Mais atuações pela equipe para a qual ele for emprestado e até convocações poderão estimular uma concessão da permissão de trabalho daqui a um ano.

Douglas Luiz jogando pelo Vasco

A diretoria do City descarta emprestar Douglas para um time brasileiro. Quer mantê-lo nas principais ligas europeias para não frear seu desenvolvimento, ficar mais perto do monitoramento da comissão técnica e facilitar a obtenção futura do visto.

Leia mais sobre: Douglas Luiz

Comentários

Últimas notícias

Técnicos cogitados no Vasco

Veja mais notícias »