Virose não deve desfalcar o Vasco para a partida contra a La U

Casos de virose no elenco do Vasco da Gama, não devem causar desfalques no time que encara a Universidad de Chile.

Na última segunda-feira saiu uma notícia que preocupou todos os vascaínos. Alguns jogadores, além de membros da diretoria e comissão técnica, pegaram uma virose, acompanhada de diarreia, o que gerou uma preocupação em relação à partida desta terça-feira, contra a Universidad de Chile.

Pensando nisso, o jornalista Lucas Pedrosa, do Esporte Interativo, apurou mais informações em relação ao que aconteceu, e comentou o que foi lhe repassado.

“Conversei com alguns jogadores. Todos que conversei me disseram que não se alimentarem no Clube depois do jogo diante do Madureira. A virose começou ontem e alguns pioraram/melhoraram hoje. Sintomas foram pressão baixa, uns vomitaram e outros evacuaram”, disse o jornalista.

Após o susto, com a situação mais controlada, Paulinho e Paulão, que chegaram a ser hospitalizados, já se encontram de volta na concentração, e eles, junto ao restante dos afetados pelo problema, estão sob observação médica, e expectativa é que não desfalquem o Vasco contra a La U.

“Paulinho e Paulão já estão bem e no hotel concentrados. A informação que chega é que ninguém vai desfalcar o Vasco. Se estarão 100% ou não é caso a caso, sem contar que faltam mais de 24h para a partida. Todos estão sendo observados pelos médicos. O susto parece estar passando”, concluiu o jornalista.

O Vasco enfrenta a Universidad de Chile nesta terça-feira, às 21h45min, em São Januário, pela estreia na fase de grupos da Libertadores. Por momento, é torcer para que os jogadores afetados pela virose se recuperem, entrem em boas condições e ajudem o Cruzmaltino a conquistar a vitória.

Leia mais sobre: Vasco x Universidad de Chile, Libertadores

Comentários

Leia também