Com números de líder em casa, Vasco aposta em SJ nesta reta final

O Vasco tem números de líder nos jogos disputados em São Januário e se torna trunfo para se livrar do rebaixamento.

A vitória sobre o Cruzeiro por 2 a 0, no último domingo (14), foi mais uma demonstração de que o estádio de São Januário se tornou um trunfo do Vasco na briga contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Na Colina histórica, o Cruzmaltino tem números de líder. São 72% de aproveitamento, com 26 pontos conquistados em 36 jogados em casa.

Em seu estádio, o Vasco venceu oito vezes, empatou dois jogos e foi derrotado em outras duas oportunidades. Os piores momentos como mandante vieram quando a diretoria decidiu tirar os jogos do local na tentativa de lucrar com bilheteria.

Com exceção do empate por 1 a 1 com o Flamengo, em Brasília, o time foi goleado pelo Corinthians por 4 a 1, também no Mané Garrincha, e perdeu por 3 a 0 para o Santos, no Maracanã.

Na 13ª posição, com 34 pontos, o Vasco precisa somar pelo menos mais 11 na briga contra a queda. E 12 deles serão disputados em São Januário. A dificuldade é que três adversários brigam pelo título do Campeonato Brasileiro. Os jogos serão contra Internacional, Atlético-PR, São Paulo e Palmeiras.

O Vasco terá o apoio da torcida e, se fizer o dever de casa, tudo indica que estará livre da ameaça da queda pela quarta vez na história.

"Que estejamos juntos, unidos na reta final do Campeonato Brasileiro. A cobrança é normal. O torcedor é a parte mais importante de toda a instituição, lógico que não está satisfeito. Não é da boca para fora: temos que estar mais próximos", encerrou o técnico Alberto Valentim.

Leia mais sobre: Campeonato Brasileiro

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »