Vasco prega concentração contra gols no fim nesta reta final do Brasileiro

Jogadores e o técnico Alberto Valentim pregam mais concentração para que o time não tomar mais gols no fim das partidas.

Com 39 pontos conquistados, o Vasco poderia estar em situação bem mais confortável na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro se não tivesse perdido três pontos nos últimos dois jogos por conta de gols sofridos já nos acréscimos do segundo tempo. No domingo, uma falha do goleiro Martín Silva decretou a derrota de 2 a 1 para o Grêmio. Já na noite de quarta-feira, os torcedores deixaram São Januário frustrados com o empate por 1 a 1 com o Atlético-PR.

Na visão do técnico Alberto Valentim e dos jogadores vascaínos é importante manter o poder de concentração para que os pontos não continuem a escapar pelos dedos. “Nosso pensamento tem que ser sempre o de ganhar os jogos e é com esse sentimento que vamos em busca da recuperação nessas rodadas finais. O Vasco é um grande clube e vai conseguir os pontos que precisa”, disse o meia Thiago Galhardo, que fez o gol contra o Furacão.

Alberto Valentim entende que o pensamento precisa ser o de recuperar os pontos perdidos nesses jogos já no duelo deste sábado, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Corinthians, às 19h (de Brasília), na Arena de Itaquera, em São Paulo.

“O nosso pensamento quando saímos na frente tem que ser o de nos defendermos bem e contra-atacarmos. Mas infelizmente não conseguimos nos últimos jogos e os gols aconteceram nos acréscimos do segundo tempo. Precisamos recuperar os pontos. Temos que ser mais fortes do que fomos até agora. Vamos a campo com um gosto amargo e com o sentimento de união para enfrentarmos o Corinthians, pois assim podemos ganhar”, explicou Valentim.

Já pensando no jogo contra o Corinthians, o treinador do Vasco vai ter problemas. Com uma entorse no joelho esquerdo, Ramon muito provavelmente não voltará a defender a lateral esquerda. O atacante Rildo foi substituído no primeiro tempo com estiramento na coxa esquerda e também não será relacionado. Outro que fica de fora é o volante Willian Maranhão, que terá de cumprir suspensão por conta do terceiro cartão amarelo recebido diante do Furacão.

Assim, Henrique assume a lateral, o argentino Leandro Desábato ganha uma oportunidade no meio-de-campo e Yago Pikachu, suspenso contra o Atlético, assume o lugar de Rildo. Outro que fica à disposição após cumprir suspensão é o zagueiro Ricardo, que reaparece no posto do colombiano Oswaldo Henríquez. O goleiro Martín Silva segue defendendo a seleção uruguaia em amistosos internacionais, deixando Fernando Miguel no arco cruz-maltino.

A dúvida que resta é quanto ao aproveitamento ou não do atacante argentino Maxi López, se recuperando de uma ferida no pé direito. Ele não atuou contra os paranaenses, mas tem chance de enfrentar o Timão no lugar de seu compatriota Andrés Ríos.

O esboço de time do Vasco para este duelo em São Paulo tem: Fernando Miguel, Raul, Leandro Castán, Ricardo e Henrique; Leandro Desábato, Andrey, Yago Pikachu e Thiago Galhardo; Kelvin e Maxi López (Andrés Rios). Nesta sexta-feira o elenco ainda treina no Rio de Janeiro e depois a delegação embarca para a capital paulista.

Leia mais sobre: Campeonato Brasileiro, Alberto Valentim

Comentários

Últimas notícias

Reforços do Vasco para 2019

Veja mais notícias »