Vasco falha no planejamento e vê necessidade de reforços no meio do ano

A diretoria do Vasco da Gama mostra falha no planejamento e busca reduzir o elenco para se reforçar no meio da temporada.

Com mais de 40 jogadores no elenco e a necessidade de contratar mais reforços, o Vasco vem passando por período de reavaliação do planejamento do futebol. A parada para a Copa América será essencial para os rumos da equipe, mas a dificuldade praticamente no meio do ano mostra as falhas do departamento.

O Cruz-Maltino trabalha para reduzir o número de atletas. Não só para enxugar o grupo, mas também para liberar mais espaço na folha salarial e abrir chances de contratações. Alguns atletas que perderam a moral com os últimos treinadores e Vanderlei Luxemburgo já começam a procurar novos rumos.

Willian Maranhão será o primeiro e deve ser anunciado pelo América-MG em breve, Bruno Silva, Ribamar e o goleiro Gabriel Félix são outros que podem ser negociados. Ainda há outros atletas que podem ser envolvidos em transações.

Com as diversas mudanças no time feitas por Alberto Valentim e Marcos Valadares, a maior parte do elenco já entrou em campo em pelo menos uma oportunidade em 2019. Dos 39 que tiveram chance, três já saíram (Rildo, Marcelo Mattos e Thiago Galhardo). Outros nem são mais relacionados.

O presidente Alexandre Campello já admitiu que o clube quer dois ou três reforços antes da Copa América. Os nomes ainda permanecem em sigilo. Sem um diretor de futebol, o mandatário acumula as decisões e se vê na necessidade de praticamente sair do zero nos planos para o departamento.

- Estamos iniciando o trabalho. Vamos ter a parada para a Copa América. Temos 40 e poucos jogadores. São muitos jogadores para trabalhar. Vamos ter de olhar isso com carinho. Ver o que podemos fazer com a diretoria. Existe uma coisa que as pessoas se iludem muito. Semanas livres. Acham que com isso você ganha vantagem. Uma coisa é ritmo de treino. Outra coisa é ritmo de jogo - afirmou Luxemburgo após o empate contra o Avaí.

Leia mais sobre: Futebol

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »