Vasco emite nota sobre injúria racial contra Miranda

O Vasco da Gama emitiu uma nota lamentando a injúria racial sofrida pelo zagueiro Miranda em jogo contra o Independiente-ARG.

Na manhã desta quinta-feira-feira (12/12) o zagueiro Miranda foi até a 8ª Delegacia de Polícia de Flores da Cunha (RS) para prestar queixa por injúria discriminatória após o episódio da partida da última quarta-feira (11), diante do Independiente-ARG, pela Copa RS. O atleta recebeu total apoio do Clube e esteve acompanhado do Gerente Geral de Futebol de Base, Carlos Brazil.

O covarde ato de discriminação racial, praticado por dois atletas da equipe argentina, também foi relatado na súmula pelo árbitro da partida. Comprometido com a luta incansável contra o racismo, o Club de Regatas Vasco da Gama lamenta profundamente o ocorrido e se mantém ao lado do atleta em busca de um desfecho justo e correto para o ocorrido, por parte da organização da competição e por parte da Justiça.

Miranda, zagueiro do Sub-20 do Vasco

Leia mais sobre: Sub-20

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »