Vasco é o único carioca que venceu o Palmeiras no Allianz Parque

O Vasco da Gama se tornou o único clube do Rio de Janeiro que venceu o Palmeiras desde que o Allianz Parque foi inaugurado.

Em 08 de novembro de 2015, com gols do meia Nenê e do atacante Rafael Silva, o Vasco da Gama venceu o Palmeiras por 2 a 0 no Allianz Parque, em partida válida pela 34º rodada do Campeonato Brasileiro. Esse triunfo fez o Gigante da Colina quebrar um tabu de 14 anos, tendo em vista que não vencia o Alviverde atuando em solo paulista desde 2001, quando ganhou por 3 a 1 também pela principal competição nacional.

O resultado positivo obtido há quatro temporadas foi o último do time cruzmaltino contra o Palmeiras fora de casa. Se engana quem pensa, porém, que tem sido fácil derrotar o Verdão em São Paulo. Desde que o Allianz Parque foi inaugurado, em novembro de 2014, apenas quatro dos 12 maiores times do país conseguiram vencer os mandantes. Além do Almirante, o Corinthians, o Cruzeiro e o Santos já alcançaram esse feito.

Considerando apenas os clubes do Rio de Janeiro, o feito se torna mais expressivo, tendo em vista que Botafogo, Flamengo e Fluminense ainda não somam triunfos no Allianz Parque, sendo o Vasco da Gama, portanto, o único que já levou a melhor sobre seu próximo adversário no local do confronto de sábado (27/07). Integrante do elenco cruzmaltino naquela ocasião, Henrique se mostrou confiante para o novo duelo.

- Sabemos que eles tiveram um tropeço agora, que é uma grande equipe, com grandes jogadores. Mas do nosso lado também temos um grande time. Tem muita dedicação e temos que impor o ritmo de jogo que conseguimos colocar no último jogo, nos amistosos e até antes da parada. Precisamos manter isso, manter o que a gente vem trabalhando para conseguir um bom resultado lá em São Paulo - afirmou o lateral-esquerdo, que era reserva do experiente Júlio César na oportunidade.

Do outro lado, Henrique vai reencontrar um velho amigo. O zagueiro Luan, cria da #BaseForte, atualmente veste a camisa do Palmeiras, mandou mensagem para o camisa 37 o parabenizando após o clássico contra o Fluminense e deve enfrentar o Vasco no sábado. Para o lateral vascaíno, a história que o amigo escreveu em São Januário foi bonita, mas quando a bola rolar, esta amizada ficará de lado:

- É um grande amigo. Depois do jogo contra o Fluminense ele me mandou mensagem parabenizando. É um ídolo aqui, fez uma grande história, foi campeão olímpico e tem grande identificação com o Vasco. Mas agora ele está do outro lado, temos que fazer um grande jogo e buscar um resultado positivo lá em São Paulo.

FICHA TÉCNICA DO CONFRONTO:
PALMEIRAS 0 X 2 VASCO DA GAMA
Campeonato Brasileiro- 34ª rodada

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data e horário: 08/11/2015, domingo, às 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (FIFA/RS)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (FIFA/BA) e Cleriston Clay Barreto Rios (FIFA/SE)
Público: 28.800
Renda: R$ 1.775.007,50
Cartões amarelos: Luan, Serginho, Riascos e Madson (Vasco da Gama); Jackson (Palmeiras)
Gols: Rafael Silva, aos 34 minutos do primeiro tempo, e Nenê, aos 40 minutos do primeiro tempo (Vasco da Gama)

PALMEIRAS: Fernando Prass; João Pedro, Jackson, Vitor Hugo e Egídio (Felipe Gabriel); Thiago Santos, Robinho, Zé Roberto e Rafael Marques (Kelvin); Lucas Barrios (Alecsandro) e Gabriel Jesus. Técnico: Marcelo Oliveira.

VASCO DA GAMA: Martín Silva, Madson, Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Serginho, Diguinho, Andrezinho e Nenê (Rafael Vaz); Riascos (Eder Luis) e Rafael Silva (Julio dos Santos). Técnico: Jorginho.

Leia mais sobre: Vasco x Palmeiras, Campeonato Brasileiro

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »