Vasco é o 5º clube que mais teve novos seguidores em 2020

O Vasco da Gama está no top 10 de times que mais tiveram novos seguidores em 2020, segundo o IBOPE Repucom.

Avatar
Por França Fernandes
-  12 de janeiro de 2021 às 17:16-  Atualizada em 12 de janeiro de 2021 às 17:33
Torcida do Vasco em São Januário antes da pandemia

Na edição de janeiro do Ranking Digital dos Clubes Brasileiros, o IBOPE Repucom destaca os dados consolidados de crescimento de 2020, com os valores absolutos de seguidores adquiridos e a variação percentual da base de cada clube. O ano terminou com um total de 23,6 milhões de novos inscritos entre todos os clubes, uma média de crescimento percentual de 16%, e com os quatro maiores clubes com mais de 1 milhão de novos inscritos no período.

Outro destaque foi a liderança do Flamengo e a presença dos quatro principais clubes do estado de São Paulo no TOP 5 crescimentos de dezembro, fato inédito em toda a série histórica. No total, os cariocas ganharam 2020 cerca de 9,2 milhões inscritos em todas as plataformas, o dobro em relação ao trio de ferro paulista. Veja abaixo detalhadamente o que cada um construiu no último ano.

O Flamengo se mantém na ponta do ranking e completa dois anos no topo do crescimento mensal ao registrar 323 mil novos inscritos no último mês, 42% provenientes do Instagram. Em 2020, o “rubro-negro” conquistou 9,2 milhões de novas inscrições em todas as suas plataformas, ampliando sua base digital em 33%, além de representar sozinho quase 40% do total de inscritos conquistados por todos os clubes analisados no ranking em 2020. Ou seja, a cada 10 inscrições nas contas dos 50 maiores clubes de futebol no Brasil em 2020, quatro foram nas contas oficiais do Flamengo.

O São Paulo, pelo segundo mês consecutivo, registrou o segundo maior crescimento mensal ao registrar 208 mil novos inscritos, com destaque para seu desempenho no Instagram e TikTok, os principais motores de crescimento no mês, que representaram juntos 3 em cada 4 dos novos inscritos do “Tricolor Paulista” no período. O clube finaliza o ano com 29% de seu crescimento mensal concentrados no último bimestre de 2020.

O Palmeiras também se mantém na terceira posição do ranking pelo segundo mês consecutivo, ao registrar 140 mil novos inscritos e com o TikTok voltando a ser o principal motor de crescimento do clube, com 47% de participação no volume total do mês. O “Alviverde”, que ampliou sua base digital em 12% em 2020 e somou mais de 1,3 milhão de novas inscrições, esteve entre os cinco maiores crescimentos em nove meses durante o ano passado.

O Corinthians figura na quarta posição ao registrar 115 mil novos inscritos no último mês, com 69% de participação provenientes do Instagram. O “Timão” também foi o segundo clube que mais cresceu no ano de 2020, com um acréscimo de 2,1 milhões de inscritos em sua base digital, uma variação de 9% no ano. Destaque para seu perfil oficial no TikTok, responsável por mais de 900 mil inscritos no último ano, sendo o segundo perfil mais popular nesta plataforma entre os clubes brasileiros.

O Santos fecha o TOP 5 com 80 mil novos inscritos no período no último mês, metade deste volume proveniente de seu perfil no Instagram. O “Peixe” não figurava entre os maiores crescimentos do ranking desde a edição de maio de 2020. Em 2020, o clube somou 649 mil novos inscritos, viu sua base crescer em 8% e se aproxima da marca de 9 milhões de inscritos no combinado de suas redes.

Veja abaixo o top 10 de times que mais tiveram novos seguidores em 2020

Flamengo – 9,2 milhões

Corinthians – 2 milhões

Palmeiras – 1,35 milhão

São Paulo – 1,32 milhão

Vasco – 936 mil

Grêmio – 731 mil

Fluminense – 690 mil

Santos – 648 mil

Atlético-MG – 634 mil

Cruzeiro – 633 mil

O CSA ultrapassou o Paraná e agora figura na 32ª posição, e o Red Bull Bragantino, que possui a maior variação percentual em 2020 do ranking com um crescimento de 89% de sua base, pula para a 37ª posição ao ultrapassar o Vila Nova.

Portuguesa e Sampaio Côrrea ultrapassam o Red Bull Brasil. A Lusa também obteve seu maior crescimento mensal na série histórica neste mês, com um acréscimo de 26 mil inscritos.

O Botafogo-PB salta para a 48º posição ao ultrapassar o Audax-SP e o Londrina volta ao ranking após 4 meses, ultrapassando o Campinense segundo critérios do estudo.

Fonte: Espn