Valdívia tem vaga ameaçada no Vasco por novo xodó de Luxemburgo

O meia Valdívia vem atuando como 'falso 9' no time do Vasco da Gama, mas tem a vaga ameaçada pelo jovem Talles Magno.

Valdívia viveu seu ápice na carreira atuando no Internacional, clube que o revelou e lugar onde ainda possui contrato até o final de 2020. Mas desde que deixou o Colorado, o jogador atravessou altos e baixos por Atlético-MG, São Paulo e Al Ittihad (ARA), até desembarcar no Vasco por empréstimo em busca de uma nova guinada na carreira.

Depois de amargar a reserva em sua chegada, Valdívia recebeu do técnico Vanderlei Luxemburgo uma nova função em campo, vinha mantendo uma sequência de partidas, mas agora tem sua posição ameaçada pelo novo xodó do treinador: Talles Magno, de apenas 17 anos.

Meia de origem e atuando vez por outra pelas pontas, Valdívia tem sido um "falso 9" no Cruzmaltino. Tendo que se virar com as peças que tem em mãos - já que a diretoria tem encontrado dificuldades para contratar um centroavante -, o treinador viu no irreverente jogador uma característica de segurar bem a bola como pivô para os pontas, além de ter qualidade nos passes. Outro ponto levado em consideração pelo comandante é a maior proximidade da área, o que ajuda em seu potencial de chute.

Com esta formação, Valdívia foi titular nos últimos sete jogos do Cruzmaltino, tendo feito dois gols, ambos no amistoso contra o Foz do Iguaçu durante a parada da Copa América.

Agora, porém, Luxa conta com o retorno de Talles Magno após o período de amistosos com a seleção brasileira sub-17, e o treinador não esconde seu encantamento com o jovem, que entrou no segundo tempo do empate em 1 a 1 com o Palmeiras, apenas 24 horas depois de ter enfrentado o Paraguai pelo Brasil.

"Garoto você pode botar para correr duas horas, dar uma namoradinha e ele ainda vai correr", brincou Luxemburgo após a partida em São Paulo se referindo a Talles Magno, que treinou entre os titulares ontem (31).

Talles Magno pode ganhar vaga de Valdívia

Querido pelos companheiros

O estilo extrovertido de Valdívia fez com que ele se entrosasse com os companheiros de Vasco rapidamente. Já nas primeiras semanas, o jogador era um dos mais ativos no grupo de Whatsapp do elenco e costuma divertir os atletas com vídeos e áudios no dia a dia mesmo com apenas três meses de clube.

Um dos indicados para bolas paradas

Com facilidade para bater na bola, Valdívia é um dos jogadores indicados para cobranças de bola parada pelo técnico Vanderlei Luxemburgo ao lado de Bruno César, Danilo Barcelos e Fellipe Bastos. Eles têm o auxílio no fundamento do auxiliar Ramon Menezes, ex-jogador e ídolo do Vasco, tendo sido campeão da Copa Libertadores de 1998.

Leia mais sobre: Valdívia

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »