Sidão não fica no Vasco para 2020

O goleiro Sidão tem contrato com o Vasco da Gama até 31 de dezembro e não permanecerá no Gigante da Colina para 2020.

A passagem do goleiro Sidão no Vasco terminará nesta temporada. Reserva de Fernando Miguel, o jogador de 36 anos tem contrato com o Gigante da Colina até 31 de dezembro. Com isso, o jogador de 36 anos não terá o vínculo renovado. O Torcedores.com apurou que a diretoria comunicou Fábio Mello, empresário do atleta, que Sidão não está nos planos para 2020.

Com Fernando Miguel renovado até o fim da temporada de 2020 e com mais dois goleiros no elenco (Alexander, de 20 anos e João Pedro, de 21), os dirigentes decidiram não estender o vínculo do goleiro. Nesta quinta-feira, em contato com a reportagem, o agente dele disse que também entende que será o momento de o jogador ser titular de um clube de porte semelhante no próximo ano.

Anunciado como reforço em abril deste ano após passagem apagada pelo Goiás, Sidão acumula sete partidas pelo Vasco, com nove gols sofridos. Muito questionado desde que chegou a São Januário, foi contratado para ser titular em 2019, mas cometeu diversas falhas e erros técnicos que culminaram na derrota por 3 a 0 para o Santos.

Sidão, inclusive, passou por um momento constrangedor ao ser eleito o melhor em campo, em votação aberta ao público na internet, pela emissora detentora dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro. O “prêmio” acabou ganhando conotação de deboche e repercutiu nas redes sociais. Por conta disso, ficou sem clima no clube, especialmente com a torcida.

Sidão não permanecerá no Vasco

Antes de chegar no Vasco, Sidão viveu auge no Botafogo e foi criticado no São Paulo e Goiás

Após ser um dos destaques do Campeonato Paulista pelo Audax em 2016, Sidão foi contratado pelo Botafogo para, inicialmente, ser reserva de Jefferson. No ano seguinte, se transferiu para o São Paulo com a missão de substituir Rogério Ceni. Na ocasião o Tricolor Paulista pagou R$ 500 mil pelos direitos econômicos do atleta.

Porém, na temporada seguinte, Sidão perdeu a condição de titular após atuações abaixo da média contra Ponte Preta e Santos. Com isso, foi colocado de lado no clube do Morumbi. Ele, inclusive, foi excluído do banco de reservas pela comissão técnica. Fora dos planos do São Paulo, o goleiro foi emprestado ao Goiás onde não deixou saudades nesta temporada.

Leia mais sobre: Sidão

Comentários

Últimas notícias

Veja mais notícias »